Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

MOMENTO BARTOLOMEU FELIX- PROIBIDO FUMAR

Fumar em locais coletivos fechados é proibido por lei em todo o território nacional. Mas algumas instituições de saúde estão indo além, transformando todos os seus espaços em ambiente livre de tabaco. Isso significa que não é permitido fumar mesmo nas áreas abertas, como jardins e estacionamentos. A iniciativa é geralmente bem aceita, inclusive pelos visitantes e pacientes fumantes. Mas existem inúmeros desafios que precisam ser superados para transformar a ideia de um ambiente livre do tabaco em realidade. Com iniciativas assim, os hospitais cumprem sua missão de promover a saúde e estimular as pessoas a dotar valores e hábitos em favor da vida.

Eduardo critica falta de diálogo do governo Dilma

Três dias depois de ter elevado o tom das críticas ao Governo Federal, quando disse que a presidente Dilma Rousseff (PT) poderia ter feito "muito mais" pelo país, o governador Eduardo Campos (PSB), virtual candidato a presidente nas próximas eleições, disse que a gestora e o seu partido não têm ouvido os aliados antes de decidir sobre os grandes temas nacionais.

"Não é o perfil do PSB discutir eleições antecipadamente. Se fosse o caso, o partido tinha todo o direito [de fazê-lo]. Eu não fui convidado para discutir internamente a MP dos Portos. Fiquei quieto, calado, mas a população de Pernambuco se preocupa e quer uma posição nossa. Tinha que me posicionar e fiz isso apenas 15 dias depois [do anúncio do governo]”, ressaltou Eduardo.
As críticas aconteceram durante a assinatura da ordem de serviço para construção de um túnel em frente ao Museu da Abolição, no bairro da Madalena. Na oportunidade, o governador voltou a ressaltar o crescimento de Pernambuco, que ficou acima do registrado no restante do país, mesmo com a crise econômica.

Sobre uma possível candidatura à Presidência da República em 2014, o governador disse que "todos os partidos estão discutindo as próximas eleições e isso é absolutamente natural e tudo vai ser externado no próximo ano. Temos que trabalhar 2013, discutir para ganhar posteriormente 2014. Falar em eleição agora não faz bem ao Brasil e ao governo da presidente Dilma".
 
Com informações do Diario de Pernambuco.