Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Comércio do Recife passa a abrir aos domingos prevendo crescimento nas vendas

Expectativa da CDL é de um incremento médio de 6,5% no movimento do setor


Consumidores também poderão realizar
suas compras com comodidade nos feriados
Com a aproximação do fim do ano, período responsável por um significativo aumento nas vendas, os lojistas do Centro do Recife vão começar a abrir as portas aos domingos e feriados, a partir do próximo dia 10 de novembro. O funcionamento ocorrerá das 9h às 17h e, como de costume, contará com o reforço de uma extensa campanha de divulgação, por meio de faixas, cartazes e inserções da TV. A expectativa da Câmara de Dirigentes Lojistas do Recife (CDL) é de um incremento médio de 6,5% no movimento, com uma ampliação de vendas em todos os segmentos do comércio.
Na tradicional corrida por artigos e presentes para as festas de Natal e Ano Novo, os consumidores também poderão realizar suas compras no feriado de Proclamação da República, no dia 15 de novembro, além dos domingos 17 e 24 do mesmo mês. Em dezembro, no feriado de Nossa Senhora da Conceição, no dia 8 de dezembro, o comércio também vai funcionar normalmente, assim como nos domingos 1, 15, 22 e 29. O único feriado em que as lojas deverão estar fechadas será o dia 25.
“A maior procura deve seguir a consonância dos últimos anos e englobar itens de vestuário, calçados e também eletrônicos. Queremos incentivar os consumidores, trazendo ainda mais comodidade para a aquisição de produtos”, afirma o presidente da entidade, Eduardo Catão. Segundo ele, o período de contratações temporárias ainda não terminou e muitas oportunidades ainda estão disponíveis. “Os profissionais devem aproveitar este momento para se inserir no quadro das empresas, a chance de ser efetivado é alta”, destaca o gestor.
A expectativa é de que 20 mil trabalhadores sejam contratados em toda a Região Metropolitana do Recife. Em dezembro, mês corresponde à época mais lucrativa para o varejo, as lojas também devem passar a fechar uma hora mais tarde, de segunda-feira a sábado, podendo se estender ainda mais, a depender do movimento, aponta Catão. A decoração natalina já enfeita vitrines e fachadas de dezenas de estabelecimentos e a CDL estima a adesão de 100% dos lojistas nesta ampliação.

Fonte: Folha de PE