Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

MOMENTO BARTOLOMEU FELIX - ESCOLA INTEGRAL‏

A educação em nosso estado não pode continuar dispondo de apenas às escolas integrais para o ensino médio. É necessário também expandir o benefício para o fundamental do primeiro grau. Principalmente nos bairros onde se verifica maiores índice de violência, para retirar as crianças da rua.

Hospital Regional Dom Moura tem mais de 12 mil atendimentos em junho. Números da maternidade se destacam‏



O Hospital Regional Dom Moura mais uma vez rompeu a marca dos 12 mil
atendimentos em um mês. Os números apresentados esta semana pela
direção do hospital mostram que foram registrados em junho um total de
12.272 atendimentos nos vários setores da unidade de saúde regional.
Somente na Emergência Geral, foram 6.009 pessoas atendidas. Na
emergência traumatológica, 1.817; Emergência pediátrica, 1.270;
Emergência cirúrgica, 661; Emergência Obstetrícia, 570; Emergência
Odontológica, 396. Foram 610 internamentos. No geral, a média de
atendimentos diários ultrapassa os 400 pacientes, sem contar a
movimentação com acompanhantes, geralmente familiares, e visitantes.

Do total de atendimentos, os números da maternidade têm se destacado,
pela crescente procura das gestantes pelos serviços do HRDM. Em junho
foram 182 partos, além de 41 curetagens. Os números da maternidade têm
crescido em uma constante nos últimos meses.

HUMANIZAÇÃO

O Hospital Regional Dom Moura tem se tornado uma referência quando o
assunto é parto humanizado, com números cada vez maiores de partos
normais em comparação aos partos cirúrgicos, atendendo uma
recomendação da Organização Mundial da Saúde.

Neste mês de junho, o HRDM realizou 182 partos, sendo 113 partos
normais e somente 69 partos cirúrgicos, dando um percentual de
62% de partos normais. Recentemente, em reportagens de televisão,
foram mostrados hospitais e maternidades onde o número de
procedimentos cirúrgicos superam com grande margem os partos naturais.

"Todos os nossos procedimentos e profissionais envolvidos no
atendimento buscam mostrar a importância para saúde da mulher e do
recém-nascido, de se ter um parto natural, sem traumas nem
procedimentos cirúrgicos desnecessários" registra Dr. Luiz Melo,
gestor do Hospital, que conclui: "Nosso objetivo é que estes números
possam continuar em ascenção. Com o aumento humanizado dos partos
naturais" - Afirma o gestor.

Operação Inverno promove limpeza de canal no loteamento Riacho da Prata II para minimizar transtornos com as chuvas


O trabalho intenso de limpeza de canais e galerias na cidade desenvolvido pela Prefeitura continua percorrendo os quatro cantos do Paulista. Ao todo, 28 canais que cortam a cidade estão sendo limpos para minimizar os efeitos das chuvas. A ação, que faz parte da Operação Inverno, visa prevenir alagamentos nas comunidades do município, a exemplo do canal no loteamento Riacho da Prata Ii, que recebe serviços que devem ser concluídos na tarde deste domingo (05.07).

Durante a ação, funcionários da Secretaria de Serviços Públicos contam com o apoio de um caminhão caçamba e uma retroescavadeira para retirar entulhos. Para o bombeiro civil Rodrigo Bezerra, 28, morador da comunidade, a prefeitura respondeu com agilidade ao pedido da comunidade e a ação será importante para garantir a segurança dos moradores. "Estou acompanhando desde o início. Procuramos a prefeitura e fomos atendidos. Essa limpeza é fundamental nesse período de chuvas, pois evita maiores alagamentos. Esperamos que no futuro sejam feitas melhorias mais definitivas aqui na comunidade", disse.

Reforço - A Prefeitura do Paulista recebeu este ano um reforço importante para fortalecer as ações de cuidado com a cidade: duas novas retroescavadeiras. A aquisição dos veículos foi possível graças aos recursos que vieram de Brasília, através de uma emenda parlamentar do deputado federal Anderson Ferreira (PP), que destinou para o município 296 mil reais. As máquinas, que custaram 366 mil reais, recebendo um aporte do governo municipal de 69 mil, serão usadas pela Secretaria de Serviços Públicos na remoção de lixo, entulho, poda de árvores e na limpeza de canais e córregos em diversos bairros da cidade. Para adquirir os novos equipamentos, o governo local celebrou um convênio com o Ministério da Agricultura e a Caixa.