Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

PAULISTA INICIA DRAGAGEM DO CANAL SÍTIO DO JORGE EM MARANGUAPE I‏


Um dia depois de assinar ordem de serviço para a dragagem do Canal Sítio do Jorge, em Maranguape I, o prefeito do Paulista, Junior Matuto, voltou à comunidade nesta sexta-feira (17.07) para acompanhar de perto o início do serviço. O gestor municipal visitou ruas, conversou com a população e com os operários da obra. O desassoreamento do canal vai beneficiar diversas famílias da localidade que sofrem com problemas de alagamentos no inverno. A notícia era aguardada pelos moradores há mais de 20 anos.
            A ação faz parte de convênio celebrado com o Ministério da Integração Nacional, dentro de um pacote de obras do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC Drenagem. O investimento na intervenção é de R$ 2,8 milhões. Ao longo dos próximos seis meses, os funcionários da prefeitura vão aprofundar e limpar o leito do canal, alargar as margens e devolver o curso natural com a dragagem também da lagoa Pau Sangue – responsável por receber todo o volume d´água dessa região da cidade.
            Diante dos bons resultados no primeiro dia das obras, o prefeito Junior Matuto destacou que um dos principais desafios da gestão é manter a credibilidade do governo nas ruas, especialmente, nesse cenário de crise. “Apesar desse quadro de desconfiança da população no serviço público, aqui em Paulista os moradores estão reconhecendo que a nossa gestão tem o compromisso de planejar as ações e torna-las realidade. Ontem assinamos a ordem de serviço e hoje as pessoas já estão vendo as máquinas trabalhando. As coisas não estão se resumindo somente as palavras, mas sim a execução”, cravou.
            O trabalho em Maranguape I começou pelas ruas 12, 46 e 49. A expectativa é de que as quatro escavadeiras empregadas na obra percorra os mais de mil metros do canal, beneficiando também os moradores das vias 50, 48, 47, 45, 43, 42, 36 e 28. O supervisor de produção Marcos Tulles, 42, reside na localidade há 32 anos. Na visão dele, a dragagem do Canal Sítio do Jorge representa a realização de um sonho. “A comunidade de Maranguape I está em festa com o início dessa obra. Nossa vida realmente vai mudar quando esse canal estiver limpo. Agora sim teremos condições de dormir sem ter pesadelos como o de ter a casa invadida pela água. Foram muitos anos de sofrimento, mas agora a situação vai mudar pra melhor”, desabafou.  
            A ação em Maranguape I contar com o apoio de dez caminhões caçamba para a remoção da lama depositada no leito do canal. Um efetivo de 15 homens será responsável pela execução do serviço. A coordenação do trabalho no local fica a cargo da Secretaria Municipal de Serviço Público.

PAVIMENTAÇÃO DE VIA – Nesta sexta-feira (17.07), o prefeito do Paulista, Junior Matuto, também visitou a comunidade da Conceição para vistoriar às obras de pavimentação da Rua José Cupertilho de Oliveira. A via, que possui aproximadamente de 300 metros, está sendo asfaltada graças à otimização dos recursos públicos aplicados no revestimento do Canal do Araxá. A verba seria apenas empregada nas intervenções de macrodrenagem, mas permitiram que a prefeitura realizasse ainda a pavimentação das vias paralelas ao canal e construísse pontilhões ao longo do seu leito.

Campeonato feminino de futebol tem início neste domingo‏


Ipojuca conta com sete equipes na disputa do torneio

A Prefeitura do Ipojuca, através das secretarias de Juventude e Esportes (Sejuve) e Mulher (SecMulher) em parceria com a Liga Desportiva Ipojucana, inicia neste domingo, (19), a nova edição do campeonato feminino de futebol. Sete equipes estão inscritas para participar da competição, movimentando aproximadamente 110 atletas, todas moradoras de Ipojuca. A abertura dos jogos acontecerá no Engenho Boa Cica, área rural do município. A partida terá início às 8h30.

O campeonato acontecerá até o dia 29 de agosto e tem o objetivo de incentivar a prática esportiva entre as mulheres do município. As atletas receberam na última quinta-feira do prefeito Carlos Santana, os novos padrões, bolas, troféus e medalhas. Ipojuca conta com forte adesão das atletas, contando com sete times na disputa, já o campeonato pernambucano conta com oito equipes, apenas uma seleção a mais. As equipes femininas que estão na disputa são Engenhos Benfica, Maranhão, Dois Mundos, Crauassu, além de Ipojuca, Serrambi e Escolinha Maracaipe.

Central de Interpretação de Libras retoma atividades em Petrolina, Caruaru e Recife

Após um processo de restruturação, a Central de Interpretação de Libras (CIL) - programa do Governo Federal em parceria com o Estado de Pernambuco -, normaliza os atendimentos nos municípios de Petrolina, Caruaru e Recife. O serviço é de apoio à pessoa surda e acontece por agendamento presencial, através de intérprete de Libras, de forma gratuita, personalizada e exclusiva, nos setores públicos de saúde, segurança, justiça e cidadania.
O Programa é vinculado à Superintendência Estadual de Apoio à Pessoa com Deficiência (Sead), que está inserida na Executiva de Segmentos Socias da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ).
Para realizar o agendamento dos serviços, os interessados devem procurar a Central de segunda à sexta, das 8h às 17h, nos locais indicados abaixo:
RECIFE:
SEAD
Rua João Ivo da Silva, 342, Madalena, Recife/ PE.
CARUARU:
Expresso Cidadão Caruaru
Avenida Lourival José da Silva 80, Petrópolis, Caruaru – PE
PETROLINA:
Expresso Cidadão Petrolina (River Shopping)
Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio 1001, Centro, Petrolina – PE

Pescadores do Paulista realizam manifestação contra Compesa nesta segunda (20)

Esgotamentos sanitários sem tratamento estão prejudicando a pesca no município

Os pescadores do município do Paulista, RMR do Recife, realizam nesta segunda (20) às 8h, uma manifestação em frente à Colônia de Pescadores de Paulista, no bairro do Janga, contra a Companhia Pernambucana de Saneamento - COMPESA devido aos esgotamentos sanitários que são despejados no mar, sem nenhum tratamento e que vêm prejudicando a pesca no município.

A degradação ambiental ocasionou a extinção de várias espécies de peixes na área litorânea de Paulista, como Tainha, Boca-Mole, Barbudo, Saúna e outras que compõem a pesca artesanal do local. Além disso, os mariscos também desapareceram da área litorânea da praia do Janga até Maria Farinha, sendo atualmente encontrados somente em Mangue Seco.

Na terça-feira (14), pescadores e marisqueiras se reuniram para discutir o que poderia ser feito para resolver o problema e conversaram sobre as dificuldades que estão enfrentando em virtude da falta de tratamento dos esgotos sanitários. De acordo com o presidente da Colônia dos Pescadores do Paulista a situação é grave. "Espero que a Compesa tome uma posição, pois os pescadores vivem da atividade da pesca. É do mar que eles tiram o sustento e hoje a fonte está prejudicada por conta da empresa”, ressaltou ele.

Ainda de acordo com Mangote, os pescadores estão entrando com uma ação indenizatória contra a empresa de abastecimento. "O objetivo é amenizar o sofrimento dos pescadores e marisqueiras devido à degradação ambiental ocasionado pela Compesa", explicou o presidente.

Contato:
Luiz Mangote - Presidente da Colônia de Pescadores de Paulista
(81) 986726240

Curso de transporte de cargas perigosas para moradores do Paulista

Cinquenta pessoas do município do Paulista participam nesta segunda-feira (22.07), do início das atividades práticas de um curso para o transporte terrestre de cargas perigosas. O grupo terá de realizar 20 horas/aula. O curso acontece, das 8 às 11h30 e das 13h30 às 18h, no antigo campo de aviação da Avenida Brasil, em Maranguape I. A iniciativa é da Secretaria de Políticas Sociais, Esportes e Juventude da cidade com o apoio do complexo Sest/Senat.

SERVIÇO:

O que: Curso de transporte de cargas perigosas.

Onde: Antigo campo de aviação de Maranguape I, em Paulista.

Quando: Segunda-feira (20.07), a partir das 8h.

"Governo do Estado não pode reduzir recursos para a saúde"

Recife - O líder da Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa, deputado estadual Silvio Costa Filho (PTB), reuniu-se na manhã desta sexta-feira (17) com o diretor do Hospital Getúlio Vargas (HGV), Gustavo Souza Leão, no Recife, para informar-se sobre uma portaria interna que proíbe, por um período de noventa dias, a "abertura de prontuário de primeira vez, exceto para pacientes egressos” e a “realização de exames laboratoriais e de imagens, para pacientes de ambulatório". A alegação, expressa na portaria, é de "contenção de despesas".

De acordo com Costa Filho, o diretor da unidade de saúde confirmou que o HGV está impossibilitado de receber novos pacientes ou de realizar exames para quem é atendido pelo ambulatório por ter recebido do Governo do Estado uma orientação para reduzir em 20% os custeios do hospital, que é referência no setor de ortopedia e recebe pacientes do Grande Recife e todo o interior. 

"Não é possível aceitar que haja redução no orçamento em uma área que historicamente já sofre com problemas de financiamento. Esta portaria do HGV reforça que o setor de saúde em Pernambuco está em crise e que o Governo do Estado tem tratado o tema com descaso.", enfatiza o parlamentar.  

No último mês de fevereiro, o Governo do Estado publicou um decreto instituindo o plano de contingenciamento de gastos (PCG), para reduzir o custeio da máquina pública. "Na administração deste plano de custeio centros de referencia em saúde como o Hospital Getúlio Vargas e o Hospital Universitário Oswaldo Cruz precisam ser preservados. A população não pode esperar, por exemplo,  90 dias, para realizar exames. Esperamos que o hospital e o Governo do Estado revejam a  portaria do HGV", afirma Costa Filho.

Segundo Silvio, nas visitas que a Bancada de Oposição vem realizando a hospitais como o Belarmino Correia, em Goiana e também UPA Especialidades, o que está sendo detectado é a piora do padrão do atendimento na saúde. "A Bancada de Oposição apela ao Governo do Estado que mantenha e até amplie o volume do investimento na saúde, pois o que estamos observando é que os problemas na área vêm se acentuando em Pernambuco. Há pacientes em tratamento de câncer que não estão recebendo sequer medicamentos. Isto é desumano", critica.

Após a reunião, o parlamentar também ressaltou que a intensa procura pelo HGV revela o problema crônico pelo qual passam as unidades de pronto-atendimento (UPAs) em todo o Estado. "As UPAs foram pensadas para receber, por exemplo, pacientes com fraturas, mas por não estarem atendendo a contento, estes pacientes acabam recorrendo aos grandes hospitais, O crescimento no número de atendimentos nos hospitais mostra claramente que as UPAs e UPA Especialidades não estão cumprindo o seu papel", diz o parlamentar, que também lamenta o fato da população não ter sido previamente avisada da paralisação parcial no atendimento do HGV.

Por fim, Costa Filho afirma que aguarda do Governo do Estado uma posição oficial sobre a  situação do Hospital Getúlio Vargas e que a Bancada de Oposição na Alepe vai encaminhar ao Poder Executivo um pedido de informação sobre os impactos do programa de contenção de despesas do Estado na saúde.

V GERES: Comitê Regional de Combate à Dengue é instituído pela Secretaria Estadual de Saúde no Agreste‏‏

O Comitê Regional de Mobilização Social para o Controle da Dengue, com
atividade na V Gerência Regional de Saúde, sediada em Garanhuns, foi
instituído em 14 de abril de 2015, através da Portaria SES/PE nº 135.
O Comitê regional está composto por representantes dos 21 municípios
da V GERES, representantes de instituições da sociedade civil e um
representante da própria Secretaria de Saúde Estadual, somando um
total de 27 participantes, inclusive as instituições militares e o
Ministério Público. O comitê é presidido pela gestora da Regional de
Saúde, Dra. Catarina Tenório.

Após um período de adequações e reuniões internas, foi convocada a
primeira reunião com todas as instituições participantes, que
aconteceu nesta quarta-feira (15), à tarde, no auditório da FUNASA, em
Garanhuns. A GERES foi representada pelo Coordenador em Vigilância em
Saúde, Reginaldo Santos.

As Assessorias Técnicas da Coordenação de Dengue da Secretaria
Estadual de Saúde, Daniela Anastácia e Suzi de Souza, apresentaram
dados estatísticos que mostram a proliferação da dengue por todo o
estado, sendo mais problemático que Chikungunya e Zika, que têm
chamado a atenção da mídia. "O Comitê surge justamente para que a
sociedade civil possa se organizar e combater a dengue, que tem
crescido em todo o país, inclusive com óbitos" - Afirma Daniela
Anastácia.

A região da V GERES tem tido números melhores que o restante do
estado, mas isto não significa que esteja controlada. "Fazemos um
levantamento bimestral que mostra um crescimento em muitos municípios,
e o comitê vai buscar levantar que ações poderão combater com mais
eficácia a proliferação do mosquito. Para isto é fundamental a
participação de todos, pois cada instituição pode também contribuir
com sugestões e ações neste sentido" - Explica Dra. Catarina Tenório,
gestora regional de saúde.

No mesmo dia 15, quarta-feira, pela manhã, a Secretaria de Saúde
ministrou uma capacitação para representantes da Vigilância em Saúde
das Secretarias de Saúde dos 21 municípios da regional.

OPOSIÇÃO DE OLINDA VAI DISCUTIR 2016 AGORA

Partidos farão a primeira reunião no dia 15 de agosto, no Samburá

Diferentemente do posicionamento do governador Paulo Câmara, que dias atrás disse que só discutirá 2016 em 2016, o vereador olindense Arlindo Siqueira (PSL) afirma que em Olinda "2016 tem que ser discutido agora". Ele está convocando os partidos que fazem oposição à administração do PCdoB para uma reunião na manhã do dia 15 de agosto, no auditório do restaurante Samburá, na Avenida Ministro Marcos Freire, no Bairro Novo.

"Olinda sofre com o desgoverno do PCdoB, com dezenas de obras inacabadas e abandonadas, com a coleta irregular do lixo, com a falta de maternidade e com o município entre os cinco piores índices do Ideb (educação) entre as cidades com mais de 200 mil habitantes. Então, temos que discutir tudo isso agora, para chegarmos em 2016 com um conjunto de propostas para a população", argumenta Arlindo.

A ideia, segundo o vereador oposicionista, é realizar encontros mensais, com temáticas definidas: saúde, educação, infraestrutura, turismo, meio ambiente, desenvolvimento econômico e cultura. "Em fevereiro de 2016 teremos um conjunto de propostas para o futuro da cidade, que será entregue ao governador", argumenta.

O fórum deverá reunir dirigentes e filiados do PSL, PMDB, PSC, Solidariedade (SDD), DEM, PPS, PROS e PSOL. Hoje (17), Arlindo Siqueira já conversou com o presidente municipal do Partido Solidariedade, o ex-candidato a prefeito Armando Sérgio. Na próxima semana o vereador começa a agendar encontros com representantes da família Urquisa (Izabel, Jacilda e Hélio Urquisa), com o presidente municipal do PTB, Professor Marcelo Melo; o ex-vereador João Luiz (PPS) e o ex-deputado Zito de Andrade Lima.