Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Em Paulista, alunos participam da 2ª Conferência Municipal da juventude



Com o tema “As várias formas de mudar o Brasil”, a Prefeitura do Paulista, através da Secretaria de Políticas Sociais Esportes e Juventude, realizou na tarde desta terça-feira (25.08), na Faculdade Joaquim Nabuco, Centro, Paulista, a 2ª Conferência Municipal da Juventude na cidade.   



Na ocasião estudantes da rede municipal e estadual, além de representantes da União Metropolitana dos Estudantes Secundaristas (UMES) e da União dos Estudantes de Pernambuco (UEP) tiveram a oportunidade de discutir e apresentar propostas que servirão de subsidio para a elaboração do Plano Nacional da Juventude.



“Nós como alunos e representantes da sociedade temos que nos conscientizar que somos a voz da juventude. Temos a obrigação de lutar pelos nossos direitos e através dessa conferência esperamos propor ações de melhorias para o nosso município,” completou Ana Vitória (17), aluna do 2º ano, da Escola Carneiro Leão.   



De acordo com o membro da comissão organizadora da 2ª Conferência Municipal da Juventude, Allan Araújo, na ocasião foram discutidas propostas a serem levadas ao poder público.


“Após a realização das pré-conferências descentralizadas realizadas no município, estamos realizando hoje o evento com os delegados eleitos. Foram escolhidos 35 delegados da sociedade civil, entre eles representantes do movimento estudantil, dos movimentos negro, hip- hop e grafite, além de coletivos juvenis de comunidades. Nosso objetivo agora é levar tudo o que foi discutido e proposto até o plano municipal, estadual e federal”, ressaltou.

Audiência sobre acidentes de trânsito envolvendo motociclistas



"Dentro daquela preocupação minha com os acidentes de trânsito
envolvendo motos, estive em audiência, hoje, com Waldemar Borges,
levando comigo os presidentes do Sindmoto (trabalhadores) e Sempremoto
(patronal), respectivamente, Francisco Silva e Robson Florêncio, com a
finalidade de buscar apoio para enfrentar o agravamento dos índices de
acidentes de trânsito envolvendo motociclistas. Em 2014, Pernambuco
gastou 546 milhões com esse tipo de acidente, custando, em média, cada
um 80 mil reais. Das 46 mil vítimas de acidente de trânsito, em 2014, 34
 mil foram envolvendo motociclistas, o que corresponde a 74,6% dos
casos. Este ano, até julho, só no Hospital da Restauração, já morreram
250 motociclistas, afora os sequelados. Durante a audiência, o deputado
Waldemar Borges solicitou dos sindicatos uma pauta referente ao tema, a
fim de que seja levado às diversas áreas do Governo que têm ligação com o
 tema."

- Severino Ninho

Comissão do Senado aprova parecer de Cintra a certificados do artesanato


O parecer de Cintra foi aprovado na Comissão de Educação

A instituição de um programa de certificação do artesanato deu mais um passo com a aprovação, hoje (terça, 25), na Comissão de Educação, de parecer do senador Douglas Cintra (PTB-PE) favorável à iniciativa. O projeto de lei do Senado (PLS) 256/2015 estabelece a concessão de certificados para atestar a autenticidade e a qualidade técnica, formal e estética do produto, sua representatividade na cultura regional e a adequação ambiental e social do seu processo de produção.

“Como cidadão de Caruaru,  um dos polos mais criativos do artesanato brasileiro, vejo com muita honra e alegria o projeto ser aprovado nesta comissão”, comemorou Cintra, após a votação do seu relatório. No parecer ao PLS 256/2015, o senador pernambucano  destacou que “a certificação de origem e qualidade do produto artesanal contribui para sua valorização cultural e destaque no mercado”. Segundo ele, com a emissão do certificado, “o artesão é estimulado a melhorar a qualidade do seu produto e, com isso, terá condições de obter preço melhor e o reconhecimento do mercado”.

O PLS 256/2015, de autoria da senadora Maria do Carmo Alves (DEM-SE), vai agora à votação da Comissão de Assuntos Sociais, em caráter terminativo – ou seja, se aprovado segue direto à apreciação da Câmara dos Deputados. O projeto  cria o programa de certificação do artesanato com os objetivos de “valorizar o artesanato brasileiro, ampliando sua presença no mercado nacional e internacional; assegurar maior reconhecimento, renda e qualidade de vida aos artesãos; estimular a competência técnica e empresarial dos artesãos e de suas unidades produtivas”.

O senador Douglas Cintra integra a Frente Parlamentar Mista em Defesa do Artesão, que reúne 207 parlamentares com a principal missão de agilizar a aprovação do projeto de lei que regulamenta a profissão de artesão – o PL 7755/2010 -, originário do Senado, em tramitação na Câmara e que voltará à aprovação final do Senado. Estimativas do Sebrae indicam haver cerca de 10 milhões de brasileiros em atividade no artesanato.

Paulista realiza 4ª Conferência Municipal da Mulher


O público feminino marcou presença na tarde desta terça-feira (25.08), no 1º dia da Conferência Municipal da Mulher no Paulista. O evento, que aconteceu no auditório da Faculdade Joaquim Nabuco, Paulista, Centro, reuniu cerca de 100 participantes. A ação, que trouxe o tema Mais direitos, participação e poder para as mulheres, é coordenada pela Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres do Paulista.

A iniciativa tem como objetivo traçar políticas públicas e discutir sobre igualdade de direitos e oportunidades, além do enfrentamento à violência contra as mulheres. De acordo com a professora, Valdete Nunes (52), as mulheres estão evoluindo cada vez mais na luta pela igualdade de gênero. “Apesar da competência que temos de crescer profissionalmente igual aos homens, nós mulheres, ainda não alcançamos o devido reconhecimento. O evento aqui hoje é de tamanha importância, pois está mostrando tudo o que já conquistamos para o município.”, disse.

“Estamos aqui reunidos com a vontade política dessa gestão, o governo estadual e a sociedade civil, na realização de mais um evento focando nas políticas públicas para as mulheres do Paulista. Durante a conferência vamos construir uma nova realidade para o nossa cidade, discutindo, debatendo e até conquistando entre nós um ânimo de renovação para essa luta, que é de cada uma e todas as mulheres”, ressaltou a secretária Especial de Políticas para as Mulheres, Bianca Pinho Alves.

O evento também contou com a presença de importantes representantes do gênero feminino no estado, entre elas, a ex- secretária Estadual da Mulher, Cristina Buarque, a atual secretária Estadual da Mulher, Sílvia Cordeiro, além de Julia Chalegre e Rosário Sarduy, gestoras das Secretarias da Mulher, nos municípios de Igarassu e Garanhuns, respectivamente. A ação segue a partir das 8h, desta quarta-feira (25.08). Na ocasião, serão abertos os debates com os grupos de trabalhos formados pelas delegadas previamente inscritas.

Globalização e pluralismo



Na obra Reflexões da Alma (2003), escrevi que — em um mundo que se globaliza, tantas vezes esmagando tradições respeitáveis, é prudente não desconsiderar o pluralismo que existe em cada povo, até mesmo em pequenas tribos, enquanto labutamos em favor do espírito solidário, altruístico, preconizado pelo Ecumenismo Irrestrito, que é Boa Vontade em marcha. Isto é, a vontade decidida, generosa; universal vontade de viver em paz, como, por muitos anos, pregou o escritor e poeta brasileiro Alziro Zarur (1914-1979). O autor do “Poema do Deus Divino” lançou, já na década de 1940, a Cruzada de Religiões Irmanadas, sob a invocação de um Brasil melhor e de uma Humanidade mais feliz. O espírito de Fraternidade entre os religiosos deve servir de exemplo aos demais. (...)

O Ecumenismo nos eleva à procura de soluções globais, dentro do espírito universal de Fraternidade, pregada por grandes pensadores e inspirados líderes de religiões. Ela é o “fio de Ariadne”, que, seguramente nos conduzindo pelos caminhos escuros e tortuosos das cavernas do Minotauro, pode levar-nos à esplendorosa claridade do Sol, livrando-nos das trevas dos ódios sectários. (...)

O estágio de fragilidade moral do mundo é tão avançado, apesar dos progressos atingidos, que, para acabar com a violência, só existe uma medicina forte: a da escalada da Fraternidade Solidária, aliada à Justiça, na Educação. Por isso, ecumenicamente espiritualizar o ensino é um poderoso antídoto contra a agressividade. Por falar na “Senhora de Olhos Vendados”, aqui um ilustrativo pensamento do ensaísta francês Luc de Clapiers, Marquês de Vauvenargues (1715-1747): “Não pode ser justo quem não é humano”. Por conseguinte, também não pode ser feliz. 

Haverá um dia em que as armas terão, por fim, suas sinistras vozes caladas. Ainda no terceiro milênio, mesmo que demore, os seres humanos entenderão que a essência do poder não se encontra propriamente neles, mas, sim, no espírito de Solidariedade, que a todos deve irmanar. Resta muito por fazer. Portanto, mãos à obra! O tempo não se detém para esperar pelos humores de quem quer que seja.

Portaria do Ministério da Educação barra o acesso ao crédito Fies para segunda formação superior


Kaio Maniçoba apresenta PL que garante a utilização do recurso

Muita gente não sabe, mas se você quer fazer sua segunda graduação utilizando os recursos do FIES, saiba que isto não é possível. A Portaria Normativa n.º 8 do MEC de 02 de julho de 
2015, que dispõe sobre o processo seletivo do FIES referente ao segundo semestre de 2015, proibiu o acesso deste financiamento aos estudantes que já tenham concluído curso.

Contra a normativa, o deputado federal Kaio Maniçoba (PHS-PE), apresentou projeto de lei alterando a Lei n.º 10.260, de 12 de julho de 2001, que dispõe sobre o Fundo de Financiamento ao estudante do Ensino Superior. A ideia do PL é permitir a concessão de financiamento a estudantes que já tenham concluído curso superior e querem voltar a estudar.

Ao longo dos anos, o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (FIES) vem passando por importantes alterações para otimizar a utilização dos recursos públicos envolvidos no programa. Por meio do direcionamento dos esforços educacionais a determinados cursos e regiões do Brasil.

O MEC vai na contramão de pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) no Censo Demográfico de 2010- Educação e Deslocamento, que aponta que 10,8% dos estudantes de curso superior de graduação já haviam concluído outro de mesmo nível.

“A normativa suprime o direito de muitos universitários já formados, que não se realizaram profissionalmente na sua primeira graduação, de ter acesso à outra graduação, comprometendo, dessa maneira, a garantia constitucional de acesso à educação”, lembra Kaio Maniçoba.

Desta forma, o projeto de lei tem o assegurar que essa significativa parcela de universitários, atualmente impedida de utilizar os recursos do FIES em razão da citada Portaria, possa se beneficiar do programa, conforme as disposições da Lei n.º 10.260, de 12 de julho de 2001.

Júlio Cavalcanti pede voto de aplauso para empresário Heraldo Menezes‏


Na reunião plenária desta terça-feira (25), o deputado Júlio Cavalcanti foi à tribuna para destacar o voto de aplauso que requereu à Assembleia para o Heraldo Menezes, empresário do Grupo Compare, que acabou de receber o prêmio de Melhor Distribuidor da Bombril no Brasil. A empresa começou suas atividades no município de Floresta, e hoje tem quatro filiais: Recife, Petrolina, Delmiro Gouveia (AL) e Juazeiro (BA). O empresário tem mais de 1800 colaboradores.

“Esse prêmio é muito importante. Vejam que se trata de uma empresa do sertão pernambucano, que foi crescendo, ganhando mercado, ao ponto de receber destaque nacional”, afirmou Júlio.  De acordo com o parlamentar, foi por conta da visão empreendedora de Heraldo Menezes que o Compare Supermercados cresceu, virou centro de distribuição, a Compare Distribuidora, e é uma referência no segmento em Pernambuco. “Investiu em inovação e tecnologia, e conseguiu se firmar e ter o reconhecimento que é o objeto do nosso voto de aplauso”, disse. 
O deputado destacou, ainda, que por sete vezes, a Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (ABAD) concedeu à Compare Distribuidora o prêmio de melhor distribuidora de Pernambuco. “Por tudo isso que apresentei aqui peço aos meus pares a aprovação do nosso requerimento”, finalizou o parlamentar.

Segundo dia dos cursos gratuitos reúne comerciantes e pequenos empreendedores no Forte de Pau Amarelo

Continua grande a procura pelos cursos gratuitos oferecidos através de uma parceria entre a Prefeitura do Paulista e o Sebrae-PE, no Forte de Pau Amarelo. Neste segundo dia, os comerciantes do município participaram de cursos, palestras e oficinas sobre diversos temas envolvendo qualidade de atendimento e empreendedorismo. Gratuitas, as aulas serão estão sendo realizadas em quatro salas climatizadas com capacidade para 30 pessoas cada uma. Os cursos vão até esta quarta-feira (26.08), das 13h às 22h.

Nesta quarta, além de uma sala exclusiva para tirar dúvidas sobre o MEI (Micro Empreendedor Individual), foram ministradas oficinas com os temas “A arte do bem servir em bares e restaurantes”, “Microempreendedor Individual – Como é fácil ser dono do seu próprio negócio”, “Habilidades gerenciais”, “Gestão de pessoas para bares e restaurante”, “Manipulação de Alimentos” e “Atendimento e Motivação ao cliente”. Os cursos são voltados para principalmente para o perfil do público das praias, que envolve principalmente estabelecimentos como bares e restaurantes, mas também contemplou outros segmentos.

A administradora de empresa Tarciana Saraiava, 34 anos, moradora do Janga, é microempreendedora individual numa loja de brinquedos. Ela aproveitou para tirar dúvidas sobre seu negócio. &