Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Deputado Ossesio Silva comenta avanços conquistados com a Lei de Cotas nas universidades públicas

 
O deputado Ossesio Silva (PRB) destacou os avanços alcançados três anos após a publicação da Lei Federal n° 12.711, que estabelece cotas para alunos provenientes de escolas públicas – autodeclarados negros, pardos e indígenas – nas instituições federais de Ensino Técnico e Superior.

Em discurso na Reunião Plenária desta segunda (31), o parlamentar informou que, segundo dados do Ministério da Educação (MEC), das cerca de 170 mil vagas disponibilizadas pelas instituições federais participantes do sistema, em 2014, 40% já foram preenchidas por estudantes com esse perfil.

“Neste período, pudemos perceber o quanto políticas públicas deste tipo são fundamentais para minimizar a desigualdade social de nosso País”, afirmou Silva, que creditou esta conquista à grande mobilização dos movimentos sociais da comunidade negra.

O parlamentar comentou, ainda, que os negros já são os maiores favorecidos pelos programas Universidade para Todos (Prouni) e Fundo de Financiamento Infantil (Fies), representando 52% e 50,7% dos beneficiários das iniciativas, respectivamente. “Estas são outras ferramentas que auxiliam esses jovens a ingressarem e permanecerem no Ensino Superior privado”, concluiu.

fonte: Alepe com informações da Ascom

Faculdade dos Guararapes sedia exposição inédita da ONU





Mostra gratuita é aberta ao público e relembra o tráfico de escravos e a cultura afrodescendente.

Vídeos e 11 paineis estão expostos no campus Piedade da instituição de ensino


Em comemoração à Década Internacional dos Afrodecendentes (2015-2024), a Faculdade dos Guararapes (FG) – integrante da rede internacional de universidades Laureate – sedia, até o próximo dia 19 de setembro, a exposição inédita da Organização das Nações Unidas (ONU), intitulada como “Forever Free – Livres para sempre”. A mostra é gratuita e está disponível no hall da FG, no campus Piedade.



Ao todo são 11 painés - com informações e imagens - selecionados pelo Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio), para relembrar a trágica história do tráfico transatlântico de escravos, retratando também o legado dos sobreviventes. Retrata ainda os movimentos de revolta, Zumbi dos Palmares e intolerância contra as religiões de matrizes africanas.



De acordo com o diretor de Extensão da FG, Raniere Rodrigues, a iniciativa é uma maneira de dialogar com a sociedade temas como racismo, direitos humanos, inclusão e reparação. No Brasil, a FG é o único local onde a mostra está disponível ao público. Antes de Pernambuco, a mostra passou pelo Rio de Janeiro e Bahia.

Vídeos

Além da exposição, o público também poderá conferir, até sexta-feira (04), oito vídeos que tratam a temática (www.decada-afro-onu.org/videos.shtml). Os documentários também estão sendo exibidos no hall da FG, nos três turnos. Após o fim da exposição, os painéis ficarão expostos em um mural, na própria instituição, até dezembro.



#Serviço:

O quê: Exposição Forever Free – Livres para sempre

Onde: No hall da Faculdade dos Guararapes, na Rua Comendador José Didier, 27, Piedade.

Quando: Até 19 de setembro

Quanto: Entrada gratuita
Horário: 8h às 22h

LBV participa das celebrações da Semana da Pátria

Como ocorre todos os anos, a Legião da Boa Vontade (LBV) participará das comemorações da Semana da Pátria, em homenagem ao Dia da Independência do Brasil (7/9). Em dezenas de cidades brasileiras, ao lado do povo, a Instituição expressa o sentimento de patriotismo, com o engajamento em atos cívicos e a realização de várias ações.



Durante a semana que antecede ao Dia da Pátria, os Centros Comunitários de Assistência Social e as escolas da LBV promovem diversas atividades pedagógicas, culturais, lúdicas, esportivas e de lazer, para reforçar a importância da data com os atendidos.



Na cidade do Recife, a Legião da Boa Vontade será representada pelas crianças, adolescentes, jovens, adultos, idosos e famílias atendidas e por voluntários da Instituição. Tradicionalmente, a LBV leva à frente a Majestosa Estampa de Jesus, como referência de Amor Fraterno e Solidariedade.



Para outras informações sobre a presença da LBV nas comemorações da Semana da Pátria, basta acessar o site www.lbv.org.

Oposição volta a cobrar ação para combater a violência

A Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco voltou a levar ao Plenário da Casa a preocupação com a escalada da violência em Pernambuco. Segundo dados disponíveis no site da Secretaria de Defesa Social do Estado, em agosto, até o último domingo (30), foram registrados 315 homicídios em Pernambuco – 26% a mais que no mesmo mês do ano passado, quando foram contabilizadas 250 mortes. No ano, entre janeiro e agosto (até o dia 30), foram 2.475 assassinatos, o que significa 213 casos a mais que os oito primeiros meses de 2014.
O deputado Álvaro Porto (PTB) foi o primeiro a ocupar a tribuna para denunciar a completa falta de estrutura da Polícia no Estado. Segundo o parlamentar, em algumas regiões uma única viatura é responsável pela cobertura de três cidades e 70 municípios estão sem delegado. “Desde o início do primeiro semestre temos cobrado soluções e debatido a questão em audiências com prefeitos, vereadores e a população, que está aterrorizada. Curiosamente, as iniciativas foram ignoradas pela Secretaria de Defesa Social”, afirmou.
Líder da Bancada de Oposição, Silvio Costa Filho (PTB), destaca que esses oito meses mostram uma tendência de crescimento generalizado da violência. “Não só nos casos de crimes contra a vida, com os assassinatos, mas também nos crimes contra o patrimônio, com aumento de 80% no índice de assaltos a agências bancárias e caixas eletrônicos e de pouco mais de 40% nos registros de assaltos a ônibus, segundo dados do Sinpol”, destacou.
De acordo com o deputado Júlio Cavalcanti (PTB), além da crise enfrentada na área de segurança, o secretário da pasta, Alessandro Carvalho, não tem o hábito de ouvir a sociedade. “Temos problemas sérios de acesso ao secretário, que não mostra disposição de debater a situação”, criticou.
Segundo Edilson Silva (Psol), o Pacto pela Vida fez um bom diagnóstico do problema, mas não conseguiu ser implantado de fato. “É preciso deixar de se apontar culpados e buscar, efetivamente, uma saída para a grave crise da segurança. Hoje, o clima de insegurança nas ruas é muito grande”, reforçou.
A saída, para os parlamentares da Bancada de Oposição, passa pela valorização profissional dos agentes da segurança pública e pela manutenção dos insumos para a prestação do serviço. “A atual gestão deixou de adotar os princípios que embasaram a criação do Pacto. A sociedade ficou à margem do debate e aos policiais civis e militares restou a pressão pelo cumprimento das metas”, avaliou Silvio Costa Filho. O líder da Bancada voltou a cobrar a realização de uma audiência pública para discutir o Pacto pela Vida, que deve ser apreciada pelo Plenário nesta quinta-feira (3).

Tabela de Homicídios 2014/2015
Ano
Janeiro
Fevereiro
Março
Abril
Maio
Junho
Julho
Agosto
TOTAL

2015
323
324
334
323
293
266
297
315
2475
+213
2014
257
261