Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Caso Lyda Monteiro: OAB pede a PGR responsabilizar autor de atentado

Nesta segunda-feira, dia 28, o conselheiro federal da OAB por Pernambuco, Henrique Mariano, estará em Brasília onde participa, às 17h, de reunião com o procurador Geral da República, Rodrigo Janot, juntamente com o presidente do Conselho Federal da OAB (CFOAB), Marcus Vinícius Furtado.

            Mariano - que preside a Comissão Nacional da Memória, Verdade e Justiça do Conselho Federal da OAB - e Furtado irão requerer ao procurador, a adoção das medidas judiciais para responsabilizar criminalmente o sargento Magno Cantarino Mota, o Guarany, pelo assassinato da secretária do CFOAB, Lyda Monteiro.

Ela foi morta em 27 de agosto de 1980, ao abrir uma carta-bomba endereçada ao então presidente da OAB, Eduardo Seabra Fagundes, e entregue na sede da instituição, no Rio de Janeiro, por militares do Centro de Informação do Exército (CIE). O desfecho do caso veio a público no último dia 11, após investigações da Comissão Estadual da Verdade do Rio de Janeiro. Foram necessários 35 anos para que o caso fosse elucidado.

A elucidação do atentado que matou Lyda Monteiro foi possível após depoimentos de uma testemunha-chave, à época funcionária da OAB, que viu o sargento Guarany – único dos envolvidos ainda vivo, morando no Rio – deixar a carta na sede da entidade. Ela reconheceu o militar após analisar fotos em que ele aparece socorrendo colegas no atentado do Riocentro. Para proteger a testemunha de qualquer represália, a Comissão da Verdade não divulgou o seu nome. O CFOAB também que um pedido de desculpas do Ministério da Defesa e dos comandantes das Forças Armadas por atos de lesa-humanidade.

Cicero da ONG, será Conselheiro Tutelar em PAULISTA.

Um dos maiores líderes sociais do Nordeste do país, CICERO DELHANY PINTO LIMA, conhecido por todos nós como CICERO DA ONG, é candidato ao Conselho Tutelar da Cidade do Paulista.

Cicero da ONG, tem um folha extensa de serviço prestado a sociedade em 2 (dois) Estados da Federação com 17 (Dezessete) anos de atuação nos seguintes Estados ¨Ceará e Pernambuco¨, com cerca de 20 mil atendimentos à famílias em situação de vulnerabilidade social e de extrema pobreza, inclusive é um dos únicos candidatos da Cidade do PAULISTA, que reuni várias lideranças e entidades sociais, pois segundo as liderança locais, CICERO DA ONG, preenche todos os requisitos necessários para abrilhantar o Conselho Tutelar, devido sua vasta experiência e dedicação a sociedade, principalmente os excluídos da sociedade.

Ressaltando, que é inquestionável a grande atuação desse líder do social, pois seu currículo é invejável aos olhos humanos, desta forma, sendo uma máquina humana das Políticas de Assistência do nosso país.

Um jovem de 33 anos de idade com uma capacidade técnica e pratica inquestionável, veio da periferia da cidade de Fortaleza no Estado do Ceará, ou seja, do baixo clero desse país, conseguindo seu espaço na área estudantil como Presidente do Movimento Estudantil da cidade de Fortaleza, logo em seguida, aos 18 anos fundou uma associação no bairro do Henrique Jorge, no qual residia, e através do reconhecimento popular foi eleito presidente da associação, chegando a receber diversas comendas como: Gestor Nota 1000 e Liderança Jovem em Destaque.
 
Em 2010 se mudou do Estado do Ceará para Pernambuco a convite se sua amiga Josabet Araújo para ocupar uma vaga como Coordenador Social da Companhia Pernambucana de Saneamento (COMPESA), onde logrou êxito pelo belíssimo trabalho realizado.
 
Em 2011 fundou com um grupo de amigos o Instituto Social Brasil para Todos-ISBRAPT, em 2012 conquistou o título de Cidadão Paulistense, pelos relevantes serviços prestados a Cidade oferecido pela Câmara de Vereadores do Paulista, através do Projeto de Resolução do então Vereador e atual Prefeito do Município do Paulista Júnior Matuto, daí no ano seguinte, em 2013, recebeu do Tribunal de Justiça do Estado o título de reconhecimento pelo empenho e relevância na Reintegração Social de Cumpridores de Penas e Medidas Alternativas (VEPA), e no início de 2014 foi reconhecido seu trabalho através do oficio de nº 776/2013 pelo Ministério Público da cidade, ou seja, um jovem pequeno no tamanho e gigante no trabalho social.
 
Finalizando, Cicero da ONG, recentemente foi homenageado pela Assembléia Legislativa do Ceará e Associação Nova Era do Henrique Jorge, pelos relevantes serviços prestados ao Estado do Ceará na área social.
 
Cicero da ONG, é candidato pela Regional Paratibe e conseqüente seu número é 300!  

Eleição dia 04 de Outubro (Domingo), das 08 as 17h em todo país. 

Armando: “PTB vai apresentar mais de 80 pré-candidatos a prefeito”


O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, senador licenciado Armando Monteiro (PTB), participou nesta sexta-feira (25) de um almoço com o pré-candidato a prefeito de Paulista, o ex-deputado Severino Ramos, e com os novos membros da comissão provisória do PTB no município. Na ocasião, Armando ouviu dos novos trabalhistas o compromisso com o fortalecimento do partido em Paulista.
O almoço teve a presença do vereador e presidente municipal do PTB no Recife, Antonio Luiz Neto, que empossou simbolicamente a comissão provisória. Luiz Neto também deu boas vindas a um grupo de novos filiados ao PTB no Recife, que poderão concorrer a um mandato de vereador na capital, nas eleições de 2016.
Armando Monteiro saudou os filiados de Paulista e Recife ressaltando o papel estratégico dos municípios para a vida política e econômica de Pernambuco. Ele adiantou que o PTB vai apostar em chapas competitivas para que o partido amplie ainda mais a sua presença na Região Metropolitana do Recife (RMR).
“O ingresso de novos quadros aumenta a responsabilidade do PTB. Nossa meta é ter mais de 80 pré-candidatos a prefeito, e Paulista, com a presença de Ramos, tem papel fundamental neste processo”, afirmou. Ao se dirigir aos quadros que podem concorrer a um mandato de vereador no Recife, Armando antecipou que a perspectiva é eleger de 4 a 5 representantes para a Câmara Municipal.
Crédito da foto: Alexandre Albuquerque /Divulgação

Líder da Oposição garante apoio a ajuste fiscal do Estado, desde que não sacrifique o bolso dos pernambucanos


Em resposta ao líder do Governo na Alepe, Waldemar Borges (PSB), o deputado Silvio Costa Filho (PTB), reafirma o compromisso de contribuir com o Estado nesse momento de crise, apoiando o ajuste fiscal. No entanto, a Bancada de Oposição não aceita que se aumente o imposto da gasolina e da telefonia, gerando mais inflação e perda de poder de compra para a sociedade, sobretudo para aqueles que mais precisam.
A Oposição garantiu apoio a mais da metade do pacote, que representará um reforço para o caixa estadual com uma receita adicional de mais de R$ 280 milhões em 2016. “Esses R$ 205 milhões que eles apontam como perdas provocadas por nossas propostas poderiam ser compensados pela redução de gastos e outras alternativas já apresentadas pela Bancada de Oposição”, pondera.
O Governo do Estado se limita a dizer que já cortou onde podia, mas não apresenta números detalhados de onde se deram esses cortes. “Mas infelizmente, o que observamos é que o ajuste fiscal apresentado, em duas etapas, pelo Governo não condiz com o esforço fiscal do Estado. Tendo em vista que em nove meses, dos R$ 920 milhões anunciados, apenas R$ 290 foram efetivamente economizados”, compara Costa Filho.
Segundo o deputado, a ausência de um debate mais aprofundado sobre os impactos fiscais das propostas é fruto da forma açodada com que o Governo tratou a questão, deixando para enviar o pacote no final do prazo, sem condições, inclusive, de se cumprir os ritos regimentais. “E mais que isso, de se promover o amplo debate na Casa e ouvir a sociedade civil organizada. No entanto, ao invés de tentar obstruir, construímos um acordo para que as propostas tramitassem com celeridade”, destaca.
Em relação à perda de arrecadação para os municípios, o líder da Bancada reforça que, gastando menos com custeio da máquina pública e com o tamanho do Estado, sobraria mais dinheiro para apoiar os municípios. “Somente este ano o Estado já gastou mais de R$ 40 milhões com a Arena Pernambuco, mas de R$ 25 milhões com publicidade e mais de R$ 10 milhões em consultorias, além de outros gastos já apontados pela Oposição, que poderiam ter sido destinados a áreas mais sensíveis à população, como saúde, segurança e educação”, avalia.



A Bancada de Oposição vem atuando de forma responsável, sempre buscando contribuir para o melhor de Pernambuco, mas sem deixar de cobrar e criticar os erros do Estado. “O Governo precisa deixar claro para os pernambucanos qual a verdadeira situação econômica de Pernambuco, já que a cada dia a sociedade vem sendo surpreendida pelas restr