Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Porto de Galinhas ganha letreiro turístico


Um dos destinos turísticos mais famosos do Brasil, a praia de Porto de Galinhas, em Ipojuca, litoral sul do Estado terá a partir desta sexta-feira (20) um atrativo a mais para os moradores, turistas e frequentadores do balneário. Um grande letreiro, com a nova marca do balneário foi instalado na Praça das Esculturas, um dos principais pontos turísticos de Porto. O equipamento, que possui o nome da praia em com cores vermelho, amarelo, verde e azul tem três metros de altura por cinco de comprimento, pesando aproximadamente 1,5 toneladas. 

O letreiro é confeccionado por peças de compensado MDF naval, epóxi, sendo revestido por fibra de vidro com cobertura de substrato naval de baixa absorção de calor, para resistir bem às intempéries do clima. O acabamento foi feito com pintura automotiva. A peça foi produzida pela empresa Forma Propaganda e foi um investimento realizado pelo Trade Turístico de Porto de Galinhas em parceria com a Prefeitura do Ipojuca, através da Secretaria de Turismo e Cultura. À noite, o atrativo ganha iluminação especial, direcionada na base das letras em spot de LED.

Foto: Danilo Luiz/Prefeitura do Ipojuca

De A Vinha e o Ceticismo

Inferi em meu artigo “A Vinha e o Ceticismo”, no livro As Profecias sem Mistério (1998), que é flagrante a necessidade de alargar a ótica espiritual do pensamento humano criador, para que finalmente se torne aríete da gigantesca libertação que resta por fazer. Em que bases?! Nas do Espírito, desde que não considerado medíocre projeção da mente, porquanto é a Sublime Luminosidade que dá vida ao corpo: eis a Extraordinária Vinha que o Criador oferece à criatura para livrá-la da zonzeira do ceticismo excessivo. Embora certa dose dele seja bastante salutar, se apreciarmos esta advertência de James Laver (1899-1975), antigo responsável pelos departamentos de Gravura, Desenho e Pintura do Victoria and Albert Museum, de Londres, entre 1938 e 1959: “O ceticismo absoluto é tão injustificado quanto a credulidade absoluta”. 


Leis físicas e ceticismo 

Na nova edição de Cidadania do Espírito, incluí: Nas páginas da obra O Cérebro Espiritual — Para uma ciência não materialista da mente, do dr. Mario Beauregard, Ph.D. e da jornalista Denyse O’Leary, encontramos este raciocínio da bióloga e naturalista religiosa norte-americana Ursula Goodenough sobre as limitações científicas: “A ciência na verdade não pode falar de coisas como telepatia, crença, et cetera, de maneira alguma... Tudo o que sabemos sobre leis físicas consideraria completa e irrefutavelmente que isso não acontece, que não é a forma como as coisas funcionam”. 

Os autores do compêndio citam ainda reflexões do pesquisador e autor na área de Parapsicologia Dean Radin, em seu The Conscious Universe, que declara: “Aos poucos, na década de 1990, [o ceticismo] foi se deslocando de controvérsias sobre a existência de efeito psi para como explicá-lo... Os céticos que continuam a repetir as mesmas afirmações de que a parapsicologia é uma pseudociência, ou que não existem experiências reproduzíveis, são mal informados não apenas sobre o estado da parapsicologia, mas também sobre o atual estado do ceticismo!” 

E comentam os autores: “Em geral, os materialistas reagem ao psi de quatro maneiras: negação categórica, afirmações de que a ciência não pode tratar psi, alegações de que se trata de um efeito trivial e proposição de hipóteses alternativas que permanecem não testadas”. 

Encerro, chamando a atenção para o que ressaltou Ursula Goodenough: “... tudo o que sabemos sobre leis físicas...”. Ora, e o que sabemos é tão insuficiente! A cada dia conhecimentos postos como irredutíveis são derrubados, ou quase isso, por novas descobertas científicas. Talvez ainda falte mais humildade a esse fabuloso campo. E, para alguns poucos expoentes, menos temor de perder o status quo. 

Sabemos que é preciso aprender sempre mais. Sócrates (470-399 a.C.), que dispensa apresentação, dizia: “Quanto mais sei, mais sei que não sei”. 

O caminho do aprendizado é infinito. (...) Ser constantemente revista é o grande apanágio da Ciência, o sinete de sua amplitude, a segurança do seu desenvolvimento, o qual tem elevado a novos estágios a Humanidade. 

Ao perscrutar o conhecimento, o ser humano atinge a Ciência. Quando vivencia o Amor Fraterno, alcança Deus, o supino da Sabedoria, a equação perfeita.

José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.

6ª edição da Pelada dos Artistas mobiliza sociedade pernambucana em prol da Campanha do Natal da LBV

A entrada são 2 quilos de alimentos não perecível


Na próxima quarta-feira dia 25 de novembro às 19h, acontece o jogo beneficente – 6ª edição da Pelada dos Artistas, no Estádio Ademir Cunha, Centro de Paulista, a entrada são 2 quilos de alimentos não perecíveis que serão destinados à Campanha Natal Permanente da LBV - Jesus o Pão Nosso de cada dia! que beneficiará neste Natal 50 mil famílias em todo o Brasil que vivem em situação de pobreza, oferecendo a elas um Natal mais digno e feliz.

Em Pernambuco, as cidades a serem beneficiadas serão Caruaru, Venturosa, Arcoverde, Buíque e a Região Metropolitana do Recife.

A iniciativa é do ex-jogador e músico, Anderson Ribeiro, que há seis anos, mobiliza a classe artística e esportiva pernambucana a colaborar com o Natal de milhares de pessoas em vulnerabilidade social.

Esportistas como Carlinhos Bala, Chiquinho, Kuki, Zé do Carmo, Nildo, Erlon, Mauro Shampoo, Rosembrick, o goleiro Albérico e o pugilista Todo Duro já estão confirmados para a partida de futebol solidária.

No âmbito musical, Sheldon Férrer, Almir Rouche, Mc Leozinho, Cezzinha, Nego Thó, Balanço Black, Mc Menor, João do Morro, MC Cego, Telmo Santiago, Vertinho, Elton Lima e o jornalista Flávio Barra.

A mobilização solidária natalina tem o apoio da Prefeitura da Cidade do Paulista.

Para ajudar a campanha acesse www.lbv.org/natal ou ligue (81) 3413.8600

Serviço:
Evento: Jogo Beneficente - 6ª Edição da Pelada dos Artistas
Local: Estádio Ademir Cunha
Rua Santo Antônio, Centro, Paulista/PE
Dia: 25/11/15 – quarta-feira - Horário: 19h –
Ingresso: 2 quilos de alimentos não perecíveis