Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Encontro discute ações do Programa de Saúde Escolar para 2016

Com o intuito de discutir o planejamento das ações do Programa de Saúde Escolar 2016, profissionais da educação e saúde do município - entre eles gestores escolares, agentes de saúde e enfermeiros – reuniram-se na manhã desta quinta-feira (03.12), no auditório da Faculdade Joaquim Nabuco. Na ocasião foram apresentadas as 13 escolas municipais que serão contempladas pelo programa a partir de fevereiro de 2016. Entre as instituições que entraram na lista e serão beneficiadas, estão: a Escola Municipal Comendador Arthur Lundgren, Alga Marina, Firmino da Veiga, Ministro Etelvino Lins e Manoel Gonçalves Dias.

Atualmente, o município conta com 64 unidades de ensino. O PSE contempla 24 destas escolas. A grande novidade é que a partir do 1º semestre do ano que vem, o programa passará a cobrir 37 instituições da rede municipal, entre elas algumas creches do município. De acordo com a coordenadora do projeto, Juliana Silva, a partir do momento em que o aluno passa a participar e se envolver nas ações oferecidas pela iniciativa, ele acaba reproduzindo isso na sua própria comunidade.

“Essa expansão vai aumentar o número de alunos cobertos pela iniciativa. Antes, cerca de sete mil estudantes eram beneficiados, agora esse número vai triplicar para 10 mil. O projeto tem ações específicas e que causam um impacto muito grande, tanto social, como também no contexto daquela comunidade escolar”, completou.

 SOBRE O PROGRAMA - O PSE foi instituído em 2007 pelo Decreto Presidencial nº 6.286. O trabalho conta com palestras sobre gravidez e prevenção às DSTs e ao uso de drogas, também oferece exames de acuidade visual, atualização do cartão de vacina, identificação de possíveis casos de hanseníase e tuberculose, atividades físi