Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

PAULISTA PROMOVE FÓRUM SOBRE SAÚDE MENTAL

Em sua primeira edição o Fórum na Saúde Mental do Paulista reuniu profissionais de saúde e de outras áreas do conhecimento em torno de pautas comuns com o objetivo de melhorar a qualidade na rede de atenção à saúde mental e promover a luta por uma visão ampla de Direitos Humanos, inclusiva, solidária, que respeite as diversidades e particularidades de cada indivíduo. A iniciativa, que faz parte da programação da III Semana da Saúde que tem como tema: (RE) Discutindo o Fortalecimento do Cuidado Integral da Saúde no SUS,foi realizada no Teatro Paulo Freire, Centro do Paulista.
O evento contou com mesas redondas, rodas de conversa, atividades artísticas e culturais. Os temas debatidos foram os aspectos e cuidados da saúde mental na atenção básica e o cuidado à crise em Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) 24 horas. De acordo com a coordenadora de Saúde Mental, Karin Melo, a finalidade central da iniciativa é promover um espaço de discussão sobre a saúde mental. “Nosso objetivo é problematizar questões ligadas à saúde mental, na tentativa de fortalecer a mobilização social em atenção ao assunto”, ressaltou.
Entre os especialistas que compuseram a mesa de debates estava o gerente estadual de Atenção à Saúde Mental, João Marcelo Costa. O gestor ressaltou a importância de movimentos como esse. “A gente vive um momento de extrema fragilidade no SUS, e de fato todo tipo de manifestação, de encontros e discussão, é extremamente estratégico para não abrirmos mão de todo um avanço que a saúde mental tem tido nos últimos anos. Esse trabalho é um grande alinhavo que temos que fazer para fortalecer a rede de saúde mental e seus dispositivos como os CAPS, os componentes de urgência, emergência e atenção primária, buscando um modelo cada vez mais efetivo no processo de cuidado”, afirmou.
Durante a ação foi feita a divulgação e comercialização de produtos artesanais confeccionados pelos próprios usuários dos CAPS, e um bazar com roupas, sapatos e acessórios provenientes de doação. Toda renda adquirida será revertida para o trabalho desenvolvido nas unidades.
A programação segue nesta sexta-feira (21), confira:
09h – Academia da saúde;
10h – Mesa 1: O cuidado do álcool e outras drogas;
11h – Mesa 2: Mobilização social no cuidado em saúde mental;
12h às 14h – Intervalo;
14h às 15h30 – Mesa 3: Desinstitucionalização e residências terapêuticas;
15h30 às 17h – Encerramento: Peça teatral com a participação do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) Tereza Noronha e das Residências Terapêuticas.

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.