Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Prefeitura do Paulista recebe visita de alunos em trabalho de educação ambiental

A Secretaria de Serviços Públicos do Paulista recebeu na manhã desta terça-feira, (22.11), os alunos da Escola Anita Garibaldi que está desenvolvendo uma maior interação entre a escola, a família, a comunidade e o meio ambiente, na semana que realiza uma feira de conhecimento para a preservação ambiental e no combate a degradação deixada pelo próprio ser humano. Dentro da programação, 60 alunos de duas turmas do 8º ano foram levados para conhecer o aterro sanitário da Mirueira, onde na década de 80 funcionava o lixão e que hoje passa por uma adequação da metodologia de separação e reaproveitamento do lixo, que está sendo implantada pela Prefeitura do Paulista.  

De acordo com a gestora da unidade escolar, Sônia Ataíde, que acompanha a turma, o projeto Escola Limpa acontece há três anos, e o intuito maior é ressaltar a problemática do meio ambiente. “A gente tem de trabalhar os estudantes numa conscientização de preservação e que se estenda não só para eles, como para a família e toda a comunidade. Porque a questão ambiental é de suma importância para ser trabalhada com esses adolescentes”. Declarou Sônia.

Para quem foi à aula prática, a lição foi bem compreendida, como no caso da estudante Rhamonick Victória Ferreira da Silva, de 13 anos. Ela contou que não é a primeira vez que participa de uma ação desse tipo na escola e elogiou a iniciativa. “É bom porque a gente pensa não só na gente, mas também no nosso futuro, de nossos filhos, de nossos netos, para deixar um mundo como antigamente. A gente já prejudicou muito a natureza, e de alguma forma temos de tentar reparar os danos”, refletiu a jovem.

Para a estudante Larissa Vitória, de 12 anos, é a primeira experiência do tipo na escola. Na ocasião, ela ressaltou que achou legal o conhecimento trabalhado em sala de aula e a prática com a visita a um aterro sanitário. “Estou achando muito legal, porque é o tipo de ação que está melhorando o meio ambiente. E nossa qualidade de vida pode ser bem melhor se a gente reciclar e evitar jogar lixo no chão ou de alguma outra maneira inadequada”, alertou Larissa.

O titular de Serviços Públicos Jaime Domingos informou que pretende ampliar a iniciativa de para os alunos da Rede Municipal de Ensino também visitar o aterro sanitário, que conta com uma equipe de educação ambiental. “Hoje trabalhamos com educação ambiental no porta a porta para minimizar os problemas com descarte inadequado do lixo, mas acreditamos que as crianças e jovens são nossos parceiros mais fortes na mudança de comportamento da população que ainda insiste em jogar lixo na rua. Por isso, vamos investir neste segmento que vai crescer mais preocupado com as questões ambientais,” informou Domingos.

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.