Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

PCdoB enfatiza necessidade de mobilização para barrar impeachment no Senado.


A deputada Luciana Santos (PE), presidenta nacional do PCdoB, reuniu na tarde desta segunda-feira (18), parlamentares e representantes dos movimentos sociais, de embaixadas e do Comitê Pró-Democracia do Congresso Nacional para avaliar a votação do domingo na Câmara dos Deputados e discutir as perspectivas de ação e mobilização para a chegada do processo no plenário.
“Nós tivemos um revés numa batalha, mas não perdemos a guerra. Ontem ganhamos a batalha das ruas, havia muito mais gente nas manifestações contra o impeachment do que a favor, o que revela que está crescendo a consciência democrática para além da militância dos partidos e movimentos sociais”, ponderou Luciana ao iniciar a reunião.
Os deputados presentes Jandira Feghali (PCdoB/RJ), Jô Moraes (PCdoB/MG), Chico Lopes (PCdoB/CE), João Daniel (PT/SE) e Angela Albino (PCdoB/SC) também enfatizaram a importância da mobilização.
Para Jô Moraes, a votação na Câmara “foi a melhor aula sobre o nível da política em nosso país”. Ela destacou que as pessoas que escutaram e assistiram a votação puderam identificar que os motivos da votação não eram os interesses do país. “E hoje, com a prisão do marido de uma defensora do impeachment, se percebe a hipocrisia que a deputada Marcivânia citou em seu voto”, comentou.
O deputado João Daniel ressaltou que é preciso respeitar as eleições e que novas eleições gerais só acontecerão em 2018. Ele também destacou que não houve comemoração dos defensores dos golpes nas ruas. “ O que vi foram manifestações de homens e mulheres que defendem a democracia e que cobraram o voto dos traidores, nas ruas”.
A ausência de comemorações também foi destacada pelo deputado Chico Lopes. Ele expôs, ainda a necessidade de atuar junto aos governadores para intensificar o convencimento dos senadores.
Encontro do PCdoB com Dilma
Jandira Feghali comentou em sua intervenção sobre o encontro da bancada do PCdoB com a presidenta Dilma Rousseff. “Estivemos com Dilma hoje e é incrível a altivez e firmeza dessa mulher. Depois de tudo que aconteceu, de tamanha agressão a ela, por pessoas que não tem
nenhuma moral para agredir; ela demonstrou capacidade de luta, com altivez com elevação e espírito público”.
“A Dilma ontem teve que ouvir um voto sendo declarado em homenagem ao seu torturador. O certo, numa democracia forte, era para aquele parlamentar (Bolsonaro) ter saído preso do plenário. Quando fomos hoje de manhã abraçar a presidenta Dilma, eu vi uma mulher forte. Eu vi uma mulher que não dormiu mal. Eu vi uma mulher que sabe que está fazendo tudo o que for possível, assim como fez na juventude, e como fez toda a vida”, opinou a deputada Angela Albino.
Uma agenda para barrar o impeachment
Durante a reunião Luciana também evidenciou os interesses por trás da votação do impeachment. “Querem impor a agenda que foi derrotada nas urnas. Querem desvincular os investimentos do orçamento para políticas públicas caras ao povo brasileiro como saúde e educação com o objetivo de drenar para o rentismo, para o superávit primário. Este é o compromisso real que eles têm com os interesses econômicos do mercado financeiro e com os interesses dos grandes grupos econômicos do país”, disse. “Na verdade, isso que está em jogo, a defesa do legado do que construímos com Lula lá atrás ou aceitar o retrocesso”, completou.
Ao final do encontro Luciana enfatizou: “Precisamos ter maioria simples para barrar a admissibilidade do impeachment no Senado. Nosso foco é o Senado. Temos que transformar o 21 de abril, o 1º de maio em dias de luta. Temos que manter o espírito de vigília, porque a justeza de nossas ideias que está prevalecendo”.
A presidenta do PCdoB enfatizou a importância da militância e dos movimentos sociais para o enfrentamento das próximas etapas do processo. “A batalha precisa permanecer. Falo da batalha das ideias, essa é a nossa principal ferramenta. É a justeza das nossas posições que vai levar a gente à vitória. Esse ódio, essa intolerância, ela só existe exatamente para quem não tem argumentos, e para quem não tem motivos. Vamos vencer essa guerra no convencimento”.
Após a participação dos parlamentares as entidades e coletivos presentes — UNE, UBES, Mídia Ninja, Fora do Eixo, UNALGBT, UJS, Comitê Pró-Democracia, entre outros — conversaram para trocar opiniões e acertar agendas para os próximos atos.

De Brasília;
Ana Cristina Santos

Oposição se solidariza com direção do Sinpol


A Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) se solidariza com a direção do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol) na defesa da democracia e do direito de representação sindical. O presidente do Sinpol, Áureo Cisneiros, o vice-presidente, Rafael Cavalcanti, o secretário-geral, Douglas Lemos, o diretor financeiro, Tiago Batista, e os diretores Benoni Ozório, Manuel Umbelino e Roseno Pereira estão processados e alguns até já foram punidos, por defenderem melhore condições de trabalho para a categoria.

“Na democracia, o debate do contraditório é essencial para se coibir abusos e para fiscalizar as medidas do Governo. Além da Oposição, no Poder Legislativo, os sindicatos exercem papel essencial nessa tarefa”, destacou o deputado Silvio Costa Filho (PRB), líder da bancada oposicionista.

De acordo com Silvio, as acusações contra os sindicalistas são, entre outras, por orientar a categoria a não participar de operações com coletes à prova de balas vencidos; por criticar o programa Pacto pela Vida, e por denunciar as péssimas condições de trabalho no Instituto de Medicina Legal (IML).

“No lugar de convocar toda a sociedade para discutir a saída para o colapso da segurança pública no Estado, o Governo Paulo Câmara prefere perseguir quem denuncia os erros da gestão”, criticou, lembrando que em 2015 o Estado fechou o ano com crescimento de quase 15% no número de homicídio e que, até o último dia 12 já foram registradas mais de 1.200 assassinatos em Pernambuco. Silvio destaca que a Oposição continua aberta ao diálogo, mas cobra que o governador promova a reformulação do Pacto pela Vida, questão emergencial para a sociedade.

"Comissão mista do Congresso reúne-se para deliberar sobre relatório final à MP da dívida rural"‏

Sob a presidência do senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE), a comissão mista do Congresso Nacional responsável pela Medida Provisória 707/2015 reúne-se nesta terça-feira (19), no Senado, para deliberar sobre o relatório final do deputado Marx Beltrão (PMDB-AL).

Promulgada no final do ano passado, a medida provisória prorroga o prazo para a renegociação das dívidas dos produtores rurais e dos contratos de financiamento dos transportadores de cargas. Para o aprimoramento da MP, a comissão mista (CMMPV 707) realizou três audiências públicas em Brasília e três Ciclos de Debates em Petrolina (PE), Fortaleza (CE) e Arapiraca (AL), com a participação de representantes dos trabalhadores, do governo e de bancos oficiais.


SERVIÇO:
Assunto: Deliberação sobre o relatório final para o aprimoramento da MP 707
Data: 19/04/16 (amanhã)
Horário: 11h
Local: Ala Senador Alexandre Costa, Plenário 13, Senado Federal, Brasília (DF)

Luciana Santos e bancada do PCdoB se encontram com a presidente Dilma


A deputada Luciana Santos (PE), presidenta nacional do PCdoB, esteve na manhã desta segunda-feira (18), no Palácio do Planalto para reunião com a presidenta Dilma Rousseff. 

Acompanhada da bancada do PCdoB e de membros do Comitê Central do partido falaram sobre a votação deste domingo e dos desdobramentos para o trâmite do processo no Senado. 

"Durante o encontro foi possível perceber que a presidenta está tranquila e decidida a enfrentar a situação e lutar contra o golpe. A posição do PCdoB é clara, e foi reafirmada durante a conversa: perdemos uma batalha, mas a guerra não. Seguimos lutando”, disse Luciana. 

A deputada fala mais sobre o encontro e a posição do PCdoB em encontro com a militância que se posiciona em defesa da democracia e contra o golpe, nesta segunda, às 16h, no plenário 12 da Câmara dos Deputados. O encontro será transmitido pelo Facebook da deputada.www.facebook.com/deputadalucianaoficial

Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

Doação de livros no Paulista North Way Shopping

Até o dia 30 de abril, quem doar um livro em bom estado vai ganhar R$ 6,00 em bônus para se divertir no Parks & Games do Paulista North Way Shopping. A campanha de arrecadação de livros vai entregar os exemplares ao Lar Maná, uma instituição de Paulista que acolhe crianças que estão lá por ordem judicial.
Atualmente, a casa abriga 25 crianças de 2 a 12 anos. Serão aceitos livros de qualquer espécie desde que não tenham temas pornográficos, violentos ou que fujam do contexto cultural e educativo. No dia da entrega, as crianças poderão ainda, se divertir nos brinquedos e jogos do Parks & Games.

PAULISTA NECESSITA DE AJUSTES


De acordo com Paulo, os paulistenses têm a força de mudar a situação caótica do município 

O pré-candidato ao Legislativo do Paulista Paulo Fernando convoca você para juntos buscar melhorias para as comunidades paulistenses, que estão abandonadas pelo Poder Executivo Municipal. O contato pode ser feito através do WhatsApp no telefone 98760.9519 ou pelo bate papo desta página.
Paulo diz que necessita sempre ouvir a população para entender o que compromete o bem estar social. "Ouvir o povo é a melhor solução para trabalhar de forma correta e eficaz", confessa Paulo Fernando.
Paulo chama atenção para o descaso do Posto de Saúde da Família de Chã de Mangabeira, o qual falta clínico e dentista, além de vacinas. Quem mora próximo a unidade de saúde municipal ainda convive com a rua sem asfalto, repleta de lixo e de lama.
A sociedade paulistense está completamente abandonada. As praças do município só servem para o tráfico de drogas e estão em ruínas. "O prefeito deveria priorizar as obras emergenciais e que custam menos aos cofres públicos, porém prefere realizar obras demoradas que não são tão necessárias à população, de alto valor aos cofres públicos com o intuito de se promover politicamente", ressalta o pré-candidato a vereador do Paulista.
"Acredito na força do povo em mudar a situação caótico do nosso município. As pessoas estão cada vez mais conscientes e vamos ter a resposta nas urnas", finaliza Paulo. 

Prestes a ativar o Portal da Transparência, servidores do Paulista passam por mais uma capacitação


Concluindo a fase de treinamento para a implantação do Portal da Transparência, os servidores da Prefeitura do Paulista participaram de mais uma capacitação sobre a ferramenta nesta segunda-feira (18.04). Na ocasião, os funcionários do município conheceram o layout do sistema versão local, que vai permitir a população consultar dados importantes sobre a gestão pública local, como receitas, despesas, convênios, licitações, entre outros. O grupo, que esteve reunido no auditório do anexo B da Faculdade Joaquim Nabuco, área central do município, também teve a oportunidade de tirar dúvidas sobre a Lei de Acesso à Informação (LAI).
            A expectativa é de que o Portal da Transparência Paulista esteja em funcionamento no final do mês de maio. O software, que está pronto, foi elaborado por técnicos da Empresa de Informática do Recife (Emprel), graças a um convênio celebrado entre os prefeitos Junior Matuto e Geraldo Júlio. Em Paulista, a ferramenta está sob a coordenação da Controladoria Geral, tendo como apoio os servidores das secretarias municipais, que ficarão responsáveis, entre outras coisas, por alimentar e gerir o sistema.
            “O engajamento do funcionalismo municipal está sendo muito importante para a implantação do portal. Temos certeza que esse esforço conjunto resultará na ativação de um sistema tão bom quanto o do Recife, que já recebeu diversos prêmios”, destacou Socorro Silva, controladora geral do Paulista.    
            Após a ativação do portal, a população vai poder fazer pedidos de informação pela LAI. Os administradores da ferramenta no município ficarão responsáveis por responder em até 20 dias. O prazo poderá ser ampliado em mais 10 dias, desde que ocorra uma justificativa expressa da secretaria responsável. Caso a informação solicitada seja classificada como secreta, o poder público municipal tem a prerrogativa de negar o pedido, conforme determina a Lei 12.527/11.
            Presente ao treinamento, o vice-prefeito Jorge Carreiro fez questão de destacar a importância do portal para o controle social. “Ativar esse serviço é muito mais do que cumprir o que diz a lei. É, sobretudo, uma estratégia de comunicação junto a sociedade. Dessa forma, a gente cumpre um papel importante quando mostra com transparência o que é que está sendo feito, e como está sendo feito. Assim, temos certeza que conseguiremos, no mínimo, o respeito da população”, frisou.
            A representante da Emprel, Cristiane Gomes, revelou que o grande trunfo da Prefeitura do Recife na conquista de diversos prêmios está relacionado a transparência do portal do município. Na visão dela, quanto mais acessível e claro for o conteúdo do sistema versão local melhor será para Paulista e, em especial, à população.
           Participaram da capacitação servidores municipais, dentre os quais secretários e auxiliares, gestores da Controladoria Geral do Recife e técnicos da Emprel.

Clique AQUI para visualizar mais 40 fotos da matéria acima por meio do Facebook de José Carlos Alves 


Aviso: para ter acesso às fotos terá que enviar-nos um pedido de amizade no Facebook,

caso já seja nosso amigo ignore esse aviso. 

Família pede ajuda para cirurgia de criança de apenas 3 meses de vida


Pedro de Freitas nasceu com malformação nos pés

Pedro Augusto de Freitas Pereira é uma criança de apenas três meses de vida. Ele nasceu com uma malformação congênita em que o pé se encontra torcido. Os pais Julyana de Freitas, auxiliar administrativa e Philipe Pereira, comerciário, moradores do Conjunto Dom Helder Câmara, no Janga, desde então, entraram nesta luta para iniciar o tratamento do garoto, porém, a família não tem condições financeiras para seguir adiante. O casal, que trabalha no comércio de Paulista, procurou o Sindecom (Sindicato dos Comerciários do Litoral Norte) para se inscrever no casamento coletivo e pedir ajuda para o filho.

Pedro está sendo atendido no Hospital Getúlio Vargas, mas como ele, existem aproximadamente mais 20 crianças na mesma situação. Os pais, então, iniciaram uma campanha junto ao Sindecom, para pedir ajuda à população pra conseguir dar sequência ao tratamento em São Paulo, que custa em torno de R$ 8.500, onde Pedro continuará sendo atendido através do método de Ponseti, que consiste na manipulação e colocação de gesso a cada semana nos pés do bebê, e depois passará por uma cirurgia. O último procedimento, logo após a operação, será a utilização de botas ortopédicas, específicas para o tratamento. 

A família disponibilizou uma conta na Caixa Econômica Federal em nome da mãe Julyana de Freitas: Agência 1028-3 Conta Poupança 125707-0, para quem puder ajudar na campanha.


O apoio