Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

No Plenário do Senado, Fernando Bezerra lamenta falecimento de Airson Lócio


Brasília, 19/04/16 – O senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) apresentou hoje (19), ao Plenário do Senado, Voto de Pesar pelo falecimento, nesta segunda-feira (18), de Airson Lócio, ex-presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). “Ocupou, por mais de uma década, a presidência da Codevasf, tornando possível que novos perímetros fossem irrigados, permitindo que centenas de famílias pudessem ocupar grandes faixas produtivas, garantindo mais emprego e renda para todo o Vale do São Francisco”, destacou o senador.

Ao ressaltar sentimentos de pesar e solidariedade à família e aos amigos de Airson Bezerra Lócio – que faleceu em Recife, aos 80 anos – Fernando Bezerra lembrou que o conterrâneo foi secretário de Agricultura no então governo de Roberto Magalhães, entre 1983 e 1986, quando contribuiu, “de forma decisiva”, ao enfrentamento de uma das maiores secas do Nordeste. “Um apaixonado defensor do homem e da mulher sertaneja e da fruticultura irrigada, lutou a vida inteira pela preservação da bacia do Rio São Francisco”, ressaltou o senador.

Confira a íntegra do Voto de Pesar:

“Requeiro, nos termos do art. 218 do Regimento Interno do Senado Federal, que seja consignado nos Anais desta Casa, VOTO DE PESAR pelo falecimento do ex-Presidente da Codevasf, Airson Bezerra Lócio, na noite de ontem. 


JUSTIFICAÇÃO

Faleceu na noite de ontem no Recife, aos oitenta anos, o Dr. Airson Bezerra Lócio.

Dr. Airson fez parte da gestão do então Governador Roberto Magalhães, entre 1983 e 1986, como Secretário da Agricultura, quando veio a contribuir de forma decisiva ao enfrentamento de uma das maiores secas do Nordeste.

Ocupou, por mais de uma década, a presidência da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf), tornando possível que novos perímetros fossem irrigados, permitindo que centenas de famílias pudessem ocupar grandes faixas produtivas, garantindo mais emprego e renda para todo o Vale do São Francisco.

Um apaixonado defensor do homem e da mulher sertaneja e da fruticultura irrigada, lutou a vida inteira pela preservação da Bacia do Rio São Francisco.

Dr. Airson compreendia como poucos a importância deste manancial, que abastece boa parte do solo nordestino e gera tantas riquezas.

Por tudo isso, levo meus sentimentos de pesar e solidariedade à família e aos amigos. Tenham certeza que seu legado de amor ao Sertão e ao Rio São Francisco permanecerá vivo por muitas gerações.


Sala das Sessões,

Senador FERNANDO BEZERRA COELHO”

Festa Ai Meu Corassaum esquentou final de semana chuvoso no Recife


O público que já tem a carteirinha da balada Pop Trash Ai Meu Corassaum não mediu esforços pra enfrentar o temporal que caia na cidade, no último sábado (16) e se jogar na primeira edição da festa, no Marco Pernambucano da Moda.

Quem começou a esquentar a noite foi a DJ Riana Uchoa, que abriu a pista para o DJ Mozaum, com muito pop anos 80. Como de costume, o anfitrião da casa fez a pista vibrar e choveu pingos de amor dentro do salão. 

Logo depois, foi a vez da DJ Aires do Brega fazer todo mundo mexer com a sua seleção de bregas clássicos e joinhas. O agito ainda contou com a energia contagiante do DJ Val que das 03h às 04h da manhã não deixou ninguém ficar parado. 

A decoração também arrancou suspiros do público que só veio deixar a casa ao amanhecer. A produção do evento informou que em maio virá com mais novidades.

Serviço:
Festa Ai Meu Corassaum – A Raposa e As Uvas
No Marco Pernambucano da Moda

Palestra: Conquiste sua Cadeira Nesta Eleição

O ano eleitoral já começou trazendo novos cenários, agora mais do que nunca você pode conquistar sua cadeira nesta eleição.

REAJUSTE ZERO PARA A PRÓXIMA LEGISLATURA EM OLINDA

O vereador olindense Arlindo Siqueira (PSL) apresentou hoje (19), na Câmara Municipal, um projeto de lei propondo o congelamento dos subsídios dos parlamentares para os próximos quatro anos. A proposta é de reajuste zero e quem for eleito (ou reeleito) vereador em Olinda para a legislatura 2017-2020 receberá, durante os quatro anos, R$ 12.500 - valor que foi fixado em 2012 para a atual legislatura.
Arlindo argumenta que o Brasil atravessa uma crise econômica que preocupa, além do governo, toda a classe trabalhadora e a população em geral, que é quem mais sofre com as medidas restritivas da economia. Em consequência, Olinda enfrenta dificuldades em relação ao cumprimento das metas do Plano Plurianual (PPA), na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA). Com isso, algumas áreas do município estão sendo sacrificadas e acarretando redução nos serviços prestados nas áreas de saúde, educação e limpeza urbana entre outros.
"Então, é nossa, junto com o executivo, a responsabilidade de buscar formas de economia e remanejamento de recursos que priorizem o atendimento de setores essenciais da cidade", diz Arlindo. Para o "reajuste zero" dos parlamentares, o líder da bancada da Oposição também aponta como argumento a grande disparidade salarial existente entre os agentes políticos e a maioria dos servidores públicos, que muitas vezes são impelidos à greve na busca de direitos e reajustes anuais dignos. 
O projeto de lei, que define o valor dos subsídio dos vereadores a partir de 01 de janeiro de 2017, está amparado na Constituição Federal, que garante às Câmaras Municipais a fixação, na atual legislatura, dos subsídios para a legislatura subsequente. 

PÃO DE AÇÚCAR LANÇA SEGUNDO FILME DA CAMPANHA INSTITUCIONAL DE 2016

São Paulo, abril de 2016 – Atender com qualidade e oferecer um sortimento a partir de uma curadoria especializada, mantendo sempre o foco no gosto dos clientes. Esta é uma tradição que o Pão de Açúcar vem se especializando em seus quase 60 anos de história e que está sendo mostrada na campanha institucional: “Pão de Açúcar: Especialista em fazer Você Feliz”. Dando continuidade às ações, a rede apresenta nesta quarta-feira, 20 de abril, o novo filme da campanha.

Nele, é apresentado o Especialista em Queijos Fernando Oliveira, visitando um dos fornecedores da rede e fazendo a curadoria dos queijos que são enviados para as lojas. O filme mostra também um pouco do processo de produção do queijo e o cuidado de Fernando na seleção e experimentação dos produtos, garantindo que cheguem com o máximo de qualidade e frescor aos clientes Pão de Açúcar. Após autorizar o envio aos supermercados da rede, o filme mostra uma Atendente de Queijos recebendo os produtos em loja e os colocando em uma deliciosa tábua de queijos especiais.

primeiro filme deste ano mostrou o Consultor de Vinhos, Carlos Cabral, em uma vinícola.
Após a veiculação da peça com Oliveira, a rede mostrará Eliana Relvas, Consultora de Cafés, em uma viagem de aromas e cores por uma plantação mineira de cafés. Por meio da campanha “Pão de Açúcar: Especialista em fazer Você Feliz”, a rede enfatiza seu trabalho em curadoria de sortimento, passando pela atenção ao relacionamento com fornecedores e produtores e pelo cuidado na seleção de produtos, princípios que direcionam o trabalho da rede e são diferenciais percebidos pelos seus clientes.

“As ações e comunicação apresentadas neste ano sintetizam a essência da marca, atenção e dedicação para trazer serviços e atendimento diferenciados, além de um portfólio único de produtos e um estilo de vida saudável que só o Pão de Açúcar tem”, reforça Damiano Sanna, Gerente Geral de Marketing do Pão de Açúcar.

A campanha traz comunicação em loja, anúncios, filmes para televisão e ativação em redes sociais. A criação é da Havas – baixe os frames clicando aqui.

FICHA TÉCNICA FILME ESPECIALISTA QUEIJOS
Cliente: Pão de Açúcar
Título: Queijos
Produto:Institucional
Duração: 30”
                                              
Diretor Geral: Rodrigo Corbari
Direção de Criação: Paula Junqueira / Xan Arakawa
Criação: Flavia Coelho / Mauricio Kumazawa / Kika Reichert / Paula Junqueira / Xan Arakawa.

Diretora de atendimento: Fernanda Modena
Atendimento: Daniela Oi / Isabella Peretto
Aprovação cliente: Damiano Sanna / Ana Paula Turco

Produção de RTV: Wellington Azeituna / Elizabeth Gonçalves 
Produtora de Imagem: Yourmama Films
Produtor Executivo: Carlos Guedes / Mayra Auad
Coordenador de Produção: João da Terra / Beatriz Morgado

Direção: Alessandro Cassulino
Assistente de Direção: Júlia Cruz
Assistente de Atendimento: Ivana Cristina / Patrícia Caldas
Coordenador de Pós Produção: Rodrigo Parente
Direção de Fotografia: Carlos Zalaisak
Gerentes de Projetos: Doca Sander / Maira Massullo
Montagem: Gabriel Xavier
Cor: Psycho
Finalização: Cristiane Caffaro
        
Produtora de som: Panela Produtora
Produção de trilha: Daniel Galli / Filipe Trielli
Produção Executiva: Cristiano Pio de Almeida
Coordenação de Estúdio: Chandra Lima
Técnico de Som: David Mazuca / João Carlos Vasconcellos
Atendimento Produtora: Cristiano Pio de Almeida / Chandra Lima


Agora é Lei - Proposta do deputado Ossesio combate o racismo nos estádios de futebol de Pernambuco


A Lei  de Nº 15.776/2016, de autoria do deputado Ossesio Silva (PRB), obriga a instalação de placas com frases contra o racismo em todos os estádios de futebol de Pernambuco. De acordo com a Lei, os responsáveis legais pelos estádios tem que instalarem no mínimo três placas com a frase "DIGA NÃO AO RACISMO" na entrada, ao lado do placar, no painel eletrônico e na lateral do gramado. As placas precisam ter tamanho proporcional à extensão do campo, para que possa ser lida pelos torcedores.
"Só em 2014, o Brasil assistiu a quatro casos que chocaram os desportistas. Os meias Tingas, do Cruzeiro, e Arouca, do Santos, foram chamados de macaco em jogos pela Libertadores, no Peru, e em Mogi das Cruzes (SP), pelo Paulistão. O árbitro gaúcho Márcio Chagas da Silva encontrou bananas colocadas em cima do seu carro por torcedores que não gostaram da sua arbitragem no Estadual do Rio Grande do Sul.  O zagueiro Paulão, do internacional, que ouviu insultos racistas de um torcedor gremista na Arena Grêmio em Porto Alegre", afirmou Ossesio na justificativa d