Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

JUNIOR MATUTO ENTREGA MAIS UMA UNIDADE DE SAÚDE NO PAULISTA‏

“Posso dizer com todas as letras que hoje estou realizando um sonho. Nós, moradores dessa comunidade, estávamos precisando de um posto de saúde lindo e aconchegante como este. Quero agradecer imensamente ao prefeito Junior Matuto por ter escutado o nosso apelo e cumprido a sua promessa”. Essas foram às palavras emocionadas da dona de casa Maria Elizabeth, 57 anos, que participou da solenidade para entrega de mais Unidade de Saúde no Paulista, na noite desta quinta-feira (30.06).
O evento, que marcou a inauguração da USF do Alto da Roseira, aconteceu no bairro da Vila Torres Galvão e contou com a presença do prefeito Junior Matuto, do vice Jorge Carreiro, além de moradores e secretários do governo. O centro médico que antes ficava instalado em um imóvel alugado na Rua Alto da Roseira, nº 46, agora passa a atender a população em uma sede própria, localizada na Rua Frei Caneca, s/n.
“Essa unidade está sendo entregue hoje com uma estrutura impecável, que além de  proporcionar melhor qualidade de trabalho aos profissionais, vai oferecer a população serviços que antes não eram realizados, como o atendimento odontológico”, ressaltou a secretária de Saúde do Paulista, Fabiana Bernart.
De acordo com o radialista Denis Araújo, 49 anos, a nova unidade de saúde chegou para dar o conforto necessário aos moradores da comunidade. “O antigo posto, apesar de ter uma boa equipe de profissionais, não oferecia o auxílio necessário que nós como usuários merecemos. Agora, com essa nova estrutura, tudo vai melhorar", completou.
“Hoje estamos aqui para reafirmar o nosso compromisso com a população. A entrega desse equipamento, além de ser a realização de um sonho antigo dos moradores, é também um desejo dos profissionais que trabalham aqui. Ficamos felizes porque sabemos que as pessoas que vão prestar serviço nessa unidade irão realizar um trabalho de qualidade, pois colocam sentimento no que fazem, e é exatamente isso que move a nossa gestão”, finalizou o prefeito Junior Matuto
O posto de saúde ganhou novos equipamentos e foi totalmente climatizado. A unidade tem capacidade para atender cerca de três mil usuários por mês, com clínico geral, dentista, enfermeiros, técnicos de enfermagem e Agentes Comunitários de Saúde (ACS). O Alto da Roseira é equipado com dois consultórios, farmácia, sala de vacinação e de curativo, recepção, gerência, copa e banheiro.
Foram investidos R$ 207 mil na adaptação do novo espaço numa estrutura mais adequada para uma USF, garantindo mais conforto e qualidade no atendimento à população. Os recursos são oriundos da Prefeitura do Paulista e do Governo de Pernambuco, por meio do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios (FEM). Além da garantia da nova sede para a USF do Alto da Roseira, a gestão municipal já entregou seis das oito unidades previstas pela Secretaria de Saúde e reformou 32 centros médicos da cidade.




Prefeitura garante justo título de moradia às famílias do Conjunto Habitacional Nossa Prata


            A dona de casa Valdete Barbosa, 39 anos, passou por muita dificuldade na vida. Sem ter condições de alugar uma casa, ela morou durante dez anos com os cinco filhos e o esposo num barraco na comunidade do Riacho de Prata II. Depois de “muita luta”, Valdete conseguiu uma moradia digna no Habitacional Nossa Prata – erguido no terreno onde morava, graças à parceria da Prefeitura do Paulista, o Governo Federal e os movimentos sociais. Embora estivesse satisfeita por ter um lar, a doméstica não tinha nenhum documento que lhe garantisse a moradia.
Nesta sexta-feira (1º.07), ela e outras centenas de famílias participaram de uma solenidade em frente à sede do governo municipal e receberam uma ótima notícia do prefeito Junior Matuto. O gestor aproveitou a presença do público para anunciar a sansão da Lei Municipal nº 4.602/16 que garante a concessão do uso do solo por parte dos moradores do Conjunto Nossa Prata. Isso significa que eles passam a ter a permissão legal para residir na área. A iniciativa, que acaba com a preocupação das famílias, foi feita por meio da Concessão do Direito Real de Uso (CDRU).  
“O que estamos fazendo é oficializar, tirar do anonimato, acabar com o pesadelo que ainda hoje assombra outras comunidades, onde o dono da casa não pode fazer sequer um financiamento para ajeitar a própria moradia. E é por isso que sancionamos a lei municipal. Não queremos que isso também aconteça com vocês”, destacou o prefeito Junior Matuto, adiantando que terá orgulho de passar pelo habitacional e saber que contribuiu com o sonho de muitas famílias desde o início.
Dona Valdete ficou satisfeita com a novidade. “É com muita alegria que a gente recebe essa notícia do prefeito, principalmente para mim que já passei por tanta coisa nessa vida. Estou feliz por saber que agora estou no que é meu. Sempre soube, mas agora estou bem mais tranquila”, comemorou a doméstica.
Um dos responsáveis pela construção do Nossa Prata, o vereador Vinicius Campos disse que a lei vai beneficiar todas as unidades habitacionais do conjunto. “O empreendimento é entregue à população por etapas. Embora nem todas estejam prontas, a lei sancionada pelo prefeito vai beneficiar os atuais moradores e os futuros. Ao todo, 1.438 unidades estarão dentro desse contexto”, explicou.
ISENÇÃO FISCAL – Durante a tarde, o prefeito também sancionou a Lei nº 4.609/16 que reduz os custos de construção de imóveis na cidade, oferecendo vantagens que possam diminuir o déficit de moradias populares no município e facilitando a sua aquisição. Além da isenção do Imposto Sobre Serviço (ISS), a medida ainda dispensa o pagamento de taxas incidentes sobre a aprovação do projeto, licença de construção e expedição de habite-se.

Fotos: Divulgação/Prefeitura do Paulista

Líderes da agricultura se reúnem para evento mundial em São Paulo


O presidente da Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco (Faepe), Pio Guerra, participará como convidado do Global Agribussiness Forum – GAF 2016. O encontro reunirá expoentes do agronegócio mundial, nos dias 4 e 5 de julho, em São Paulo, para discutir o tema “Agropecuária do amanhã: fazer mais com menos (disseminando as bases do desenvolvimento sustentável)”.
De acordo com o gestor, a iniciativa é uma oportunidade para debater, com o maior números de pessoas, o futuro da produção sustentável, bem como, o papel do agronegócio no desenvolvimento econômico, tendo em vista a importância estratégica da agricultura e pecuária na economia.
Isso porque, mais de 100 instituições nacionais, internacionais e de governo já confirmaram apoio ao GAF 2016. Além dos apoiadores, participarão do evento produtores, fornecedores de insumos, serviços e tecnologia, cientistas e pesquisadores, formuladores de políticas públicas, dos diferentes elos da cadeia de produção e comercialização.
Entre os destaques desta edição, o chefe de Agricultura da United States Trade Representative, Darci Vetter, apontando a importância do agronegócio no desenvolvimento. Já o representante da FAO no Brasil, Alan Bojanic, abordará questões relacionadas à segurança alimentar e geopolítica.

Durante a programação será possível acompanhar as demais palestras ministradas pelo ex-diretor geral de agricultura da Comissão Europeia, José Manuel Silva Rodríguez; o presidente da Nestlé Brasil (São Paulo/SP), Juan Carlos Marroquín; o ex-presidente da United States Grains Council e Maizall, Julius Schaaf; e o presidente da Embrapa (Brasília/DF), Maurício Antônio Lopes.

Personalidades de outros setores da sociedade também participarão das discussões. Está confirmada a presença de Drauzio Varella, oncologista e autor de diversos artigos sobre qualidade dos alimentos, e de Nizan Guanaes, fundador do Grupo ABC, um dos maiores grupos de comunicação do Brasil. Os especialistas darão suas visões sobre a importância e o posicionamento do consumidor diante do agronegócio.
O Global Agribusiness Forum é uma aposta conjunta da SRB (Sociedade Rural Brasileira)Abramilho (Associação Brasileira de Produtores de Milho), ABCZ (Associação Brasileira dos Criadores de Zebu), e Datagro. O evento terá transmissão ao vivo e poderá ser assistido por qualquer plataforma digital.

Atenciosamente,
____________________
Marina Lima

Sancionada Lei para doação de área municipal à Igreja Católica



Após a aprovação na Câmara Municipal do Paulista, foi sancionado nesta sexta-feira (01.07), pelo prefeito Junior Matuto, o projeto de Lei que transfere a titularidade do município para a Paróquia Nossa Senhora do Ó, em Pau Amarelo. O projeto de Lei 4.601/2016 já tramitava na Câmara desde o mês de abril.
 De acordo com a redação final do documento, com a aprovação da lei, a área de 900 metros quadrados deixa de ser bem de uso especial, sendo convertido a bem nominal. “A prefeitura está regularizando uma situação já consolidada, visto que a paróquia já ocupava a área”, explicou o secretário municipal de Assuntos Jurídicos, Francisco Padilha.
 PARÓQUIA DE SÃO FRANCISCO