Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Anvisa proíbe publicidade enganosa de cura da Aids

Foto: Marcos Santos/ USP
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu, nesta sexta-feira (26), a divulgação irregular do produto feito a partir da planta mutamba e que estaria alegando cura da Aids/HIV.

O produto “Mutamba contra a Aids” não tem registro na Agência e é, portanto, um produto clandestino, de origem e composição desconhecidas. A medida é preventiva, pois, apesar das denúncias, não foram encontrados indícios da comercialização da “cura da Aids”.

A resolução, portanto, proíbe a publicidade do produto em todo o território nacional a partir da data de publicação no Diário Oficial da União.

O produto feito à base da planta mutamba não apresenta ensaios clínicos que comprovem suas características medicinais e, dessa forma, não possui registro na Agência.

Os produtos irregulares, isto é, produtos que estejam fora das exigências da Agência, não oferecem garantias de eficácia, segurança e qualidade, que são necessárias para saber se um produto funciona e é seguro.

Produtos e medicamentos irregulares ou falsificados podem não fazer efeito, prejudicar tratamentos médicos ou, em casos mais graves, comprometer a saúde de quem o consumir.

Antes de comprar ou divulgar produtos de origem suspeita ou não registrados, entre em contato com a Anvisa por meio do canal (0800-642-9782). A denúncia também pode ser feita pela Ouvidoria da Anvisa.

Inca usa esporte como arma contra tabagismo

Divulgação/ USP
Motivado pelos Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro, o Instituto Nacional do Câncer (Inca) adotou o esporte como temática de conscientização para o Dia Nacional de Combate ao Fumo, comemorado nesta segunda-feira (29). 

Fiocruz inicia nova fase de estudos sobre vacina para esquistossomose

Foto: Agência Brasil
A nova fase de estudos clínicos para a vacina para a esquistossomose, chamada de Vacina Sm14, vai começar ainda neste ano no Brasil. O anúncio foi feito nesta sexta-feira (26), no Rio de Janeiro, pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Os testes ocorrerão já a partir deste mês e seguem até dezembro de 2016. Esse é o período em que se registra mais casos da doença em território africano.

A Vacina Sm14 será administrada em três doses, com intervalos de um mês entre cada uma. A conclusão e os resultados dos estudos estão previstos para 2017.

“É a primeira vez no mundo que uma vacina parasitária produzida com tecnologia brasileira de última geração chega à Fase II de estudos clínicos. Um importante passo para o enfrentamento desse problema de saúde que atinge principalmente populações pobres de diferentes países”, comemorou o ministro da Saúde, Ricardo Barros.

A produção e desenvolvimento da vacina é uma parceria público-privada (PPP) entre a Fiocruz e a empresa Orygen Biotecnologia S.A. O projeto é um dos priorizados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Ela será feita a partir de um antígeno – substância que estimula a produção de anticorpos, evitando que o parasita causador da doença se instale no organismo ou que lhe cause danos. “Esse tipo de iniciativa fortalece o Brasil como uma base tecnológica capaz de assegurar o atendimento das demandas do sistema público de saúde”, afirmou o presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha.

Nessa fase do estudo, os testes serão realizados em adultos moradores da região endêmica no Senegal, na África, local atingido simultaneamente por duas espécies do parasito Schistosoma, causador da doença. Essa característica, que não existe em nenhuma região brasileira, é muito importante para que se possa verificar a segurança da Vacina Sm14.

Esquistossomose

Os casos da doença acontecem em ambientes onde não há infraestrutura adequada de saneamento básico: fezes de pessoas infectadas com o verme Schistosoma, quando despejadas inapropriadamente em rios e outros cursos de água doce, podem infectar caramujos do gênero Biomphalaria.

Por sua vez, os caramujos liberam larvas do verme na água, podendo infectar outras pessoas por meio do contato com a pele, reiniciando o ciclo da doença. A vacinação terá potencial de interromper o ciclo de transmissão, induzindo uma imunidade duradoura.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Saúde

Laboratório Dados Abertos Brasil/UFRPE vence Hackathon Hacker Cidadão 4.0

Divulgação UFRPE
Estudantes do Laboratório Dados Abertos Brasil – da UFRPE – venceram o Hackathon Hacker Cidadão 4.0, maratona promovida pela Prefeitura do Recife e Emprel, sob o tema Internet das Coisas e Dados Abertos. Na primeira etapa, os cinco melhores projetos classificaram-se para a final, que ocorreu durante a Campus Party Weekend Recife, nos dias 20 e 21 de agosto, no Classic Hall.

 Os estudantes Eduardo Costa (Licenciatura em Computação UFRPE e Laboratório Dados Abertos Brasil), Estefanio Willams  (Gestão da Informação UFPE) e Gabriel Bandeira, Lucas Cavalcanti e Roberto Fernandes (Engenharia da Computação UFPE) conquistaram o primeiro lugar, com o projeto Bike Data. O prêmio foi de R$35 mil.

 A UFRPE também havia sido finalista com o projeto EI!, por meio dos discentes Edvan Júnior (Sistema da Informação – UFRPE e Laboratório Dados Abertos Brasil), Jorge Delgado (Sistema da Informação – UFRPE), Douglas Vasconcelos (Eng. da Computação – UFPE),  Lerisson Freitas (Sistema de Informação – UFPE),  Matheus Moreira (Engenharia da Computação – UFPE).

Projeto busca envolver mobilidade e informação, criar e captar novos dados abertos que ainda não estariam disponíveis para os cidadãos.

O projeto vencedor consiste em utilizar bicicletas que circulam pela cidade para reunir dados, através de um módulo de sensores anexado em bicicletas públicas, para captar dados de temperatura, umidade, níveis de CO (monóxido de Carbono) no ar, índices de luminosidade, incidência de raios UV, taxas de poluição sonora, dentre outros dados que são indicadores essenciais para prover uma melhoria na relação entre a cidade e seus moradores.

Dessa forma, tornaria possível informações suficientes para que as pessoas escolham as melhores rotas, as mais seguras, ou até as mais confortáveis.  Segundo o professor da UFRPE e membro do , Laboratório Dados Abertos Brasil, Kellyton Brito, esta edição do Hacker Cidadão promoveu provocações importantes para as equipes. “Inovou ao propor o uso conjunto dos dados abertos governamentais com o conceito de Internet das Coisas, ou seja, a utilização de dados gerados por dispositivos físicos espalhados pela cidade e que enviam dados em tempo real”, afirmou. De acordo com o docente, esses sensores coletam dados sobre temperatura, luminosidade, umidade, qualidade do ar, pressão atmosférica, dentre outros diversos conjuntos de dados.

 O Laboratório Dados Abertos Brasil é uma iniciativa de colaboração da UFRPE e UFPE, que utiliza o potencial dos dados abertos para aperfeiçoar nações, aumentar a participação de comunidades e para melhorar a vida das pessoas.  Entre seus membros estão docentes e discentes do Departamento de Estatística e Informática (Deinfo) da UFRPE, com envolvimento dos três cursos de graduação relacionados á Computação: Licenciatura em Computação, Bacharelado em Sistema da Informação e Bacharelado em Ciência da Computação .

 Graças a esse trabalho, o Laboratório Dados Abertos Brasil tem obtido participação destacada em maratonas e concursos:

 -         Vencedor da I Maratona Hacker da Câmara dos Deputados, Câmara dos Deputados, 2013



-         Vencedor do I Concurso Cidadão Inteligente, Prefeitura do Recife, 2014



-         Vencedor do I Concurso Inovapps, Ministério das Comunicações, 2014



-         Vencedor do II Concurso Inovapps, Ministério das Comunicações, 2015



-         2o Lugar na Startup Weekend Education, Recife, 2015



-         Vencedor na Maratona Hacker Cidadão, Campus Party Recife, 2015, categoria Diário Oficial



-         1o e 2o lugar na Hackacity Internacional, com apoio da Comissão Européia, 2016



-         1o lugar no concurso Hacker Cidadão, Campus Party Recife, 2016

Brasil defenderá combate à evasão tributária na reunião do G20, na China

Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil

Imagem ilustrativa
A aceleração das discussões sobre o combate à evasão tributária será um dos principais pontos defendidos pelo Brasil na reunião dos presidentes e dos primeiros-ministros do G20 (grupo das 20 maiores economias do planeta), que ocorrerá nos dias 4 e 5 de setembro em Hangzhou, na China. Segundo o Ministério da Fazenda, o encontro deverá resultar em avanços importantes na tributação de capitais que se aproveitam de brechas internacionais para migrar para países com impostos mais baixos ou para paraísos fiscais – onde não pagam tributo nenhum.

Edição: Graça Adjuto

UFRPE firmará convênio com programa de Mestrado e Doutorado UFRS/UFSM/FURG para servidores

Foto: Divulgação UFRPE
A Reitoria da UFRPE, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PRPPG), divulga a oferta de turma especial para formação de docentes e técnicos, nos níveis de Mestrado e Doutorado, junto às Universidades Federais do Rio Grande do Sul, Santa Maria e do Rio Grande. O convênio com o Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde-PPGQVS está em fase final de negociação e apresenta formato inovador.

Os interessados podem conhecer melhor o programa por meio do site: http://www.ufrgs.br/ppgeducacaociencias/index.php/pt/

A fim de fornecer esclarecimentos adicionais, a equipe da PRPPGP realizará reunião no próximo dia 2 de setembro de 2016, às 14h, na Sala de Reunião dos Conselhos Superiores da UFRPE. Os interessados em participar da reunião devem se inscrever, por email (secretaria.prppg@ufrpe.br), até o dia 31 de agosto de 2016.

Pede-se aos diretores e diretoras das Unidades Acadêmicas e Administrativas de toda a UFRPE que providenciem ampla divulgação e o apoio necessário para a participação dos servidores, seus potenciais candidatos ao processo seletivo.

Confiança da indústria na economia cai em agosto

Marli Moreira - Repórter da Agência Brasil

Após cinco elevações consecutivas, o Índice de Confiança da Indústria (ICI) apresentou queda de 1 ponto em agosto, atingindo 86,1 pontos. A maior marca do ano foi registrada em julho (87,1) e entre março e julho houve um ganho de 12,4 pontos, segundo o levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV) na pesquisa Sondagem da Indústria.

Em nota, o superintendente de Estatísticas Públicas da FGV, Aloisio Campelo Junior, afirmou que “a queda do ICI em agosto pode ser interpretada como acomodação após uma sequência de altas expressivas, sem alterar a tendência de alta do índice no ano. A combinação de resultados mostra continuidade da tendência de ajuste de estoques associada a uma calibragem para baixo do nível de atividade”.

De acordo com o economista, mesmo com a sequência de alta nos últimos cinco meses, a indústria mostra lentidão na recuperação da demanda interna. Ele informou que o recuo em agosto não reflete a maioria dos segmentos. Foram registradas baixas em apenas nove dos 19 segmentos consultados.

A consulta, feita entre 1º e 24 de agosto, reuniu as informações coletadas em 1.107 empresas. O que mais influenciou a retração foi a percepção mais negativa em relação aos meses seguintes. O Índice de Expectativas teve queda de 1,7 ponto, passando para 87,3 pontos, e é analisada pela FGV como uma acomodação, após subir 21,4 pontos entre abril e julho.

O Índice da Situação Atual apresentou a mesma variação de julho (85,2 pontos), que foi a maior marca desde fevereiro de 2015 (86 pontos). Esse resultado é atribuído a uma combinação de melhora na avaliação dos estoques com piora na percepção sobre a demanda e o ambiente de negócios.

Para 14,1% das empresas consultadas, o nível de estoques está excessivo, percentual abaixo do constatado em julho (14,5%). As que avaliam como insuficiente aumentaram de 4,6% para 5,4%.

A pesquisa também mostra que o Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) caiu 0,5 ponto percentual, passando para 73,8%, o mesmo registrado em maio deste ano.

Edição: Graça Adjuto

Dilma começa sua defesa no plenário do Senado

Karine Melo e Carolina Gonçalves - Repórteres da Agência Brasil

Foto: Divulgação/EBC
Começou às 9h40 o quarto dia de julgamento da presidenta afastada Dilma Rousseff no processo de impeachment que enfrenta no Senado, acusada de crime de responsabilidade.

Depois de chegar ao Congresso Nacional
acompanhada do cantor Chico Buarque e do ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, a petista foi conduzida ao plenário pelo presidente do Senado, Renan Calheiros.

Sentada do lado esquerdo do presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Ricardo Lewandowski, que comanda a sessão, Dilma já começou a discursar, inicialmente por 30 minutos. Esse tempo, segundo Lewandowski, será prorrogado pelo tempo que a petista achar necessário.

O presidente do Supremo esclareceu no início da sessão que parlamentares [inclusive deputados], convidados, servidores e pessoas credenciadas poderão acompanhar toda a sessão, mas sem fazer qualquer tipo de manifestação, contrária ou a favor da petista. Cartazes e faixas também estão proibidos e qualquer tumulto fará com que a sessão seja suspensa até que a ordem seja estabelecida.

Na fase de perguntas, as que não tiverem relação com o processo ou as que induzirem resposta, não serão admitidas.

Edição: Kleber Sampaio

Pousada Oásis Tajaja promove “Noite do Tango”

A Pousada Oásis Tajaja, localizada na Praia de Carapibús, no Litoral Sul da Paraíba, estará promovendo, no próximo dia 27, a “Noite do Tango”, com a banda Alma & Pasión. Além de boa música, o evento vai contar com dança e degustação de comida típica argentina. Os ingressos individuais, com direito ao show e degustação de comida argentina, custam R$ 100. As vagas são limitadas. 
Em uma noite de muito romantismo e sensualidade, a banda Alma & Pasión vai apresentar um show de tango com boleros e dançarinas. O espetáculo é um convite para vivenciar e reviver a experiência de uma viagem a Buenos Aires e seu gênero musical mais representativo, o tango. A “Noite do Tango” começa a partir das 19h, com a apresentação musical iniciando às 20h. 
Com quatro duplas de chalés, totalizando oito quartos, a Oásis Tajaja foi projetada pensando no conforto e bem estar dos hóspedes, com um toque de luxo. “É um ambiente de descanso e cuidados com a alma e corpo, em que proporcionamos conforto, requinte e privacidade”, diz Christine Brugger, proprietária da pousada. 
A decoração dos quartos é inspirada em um dos quatros elementos: água, terra, fogo e ar. Todos os chalés são equipados com ar condicionado, cama king size, secador de cabelos, cofre e TV Led 48Já a Oca Tajaja é o lugar ideal para quem procura descanso total. O espaço zen foi todo projetado para proporcionar tranquilidade. No local, são feitas massagem e meditação. Todos os quartos ficam localizados próximos à piscina, que possui 14 metros de comprimento. 
A Pousada Oásis Tajaja fica localizada na Rua Mário F. Gominho – S/N, Praia de Carapibús, Costa do Conde (PB). Contatos para reservas e para a “Noite do Tango” podem ser feitos pelo telefone (83) 981786893 e (83) 981872468 ou pelo e-mail: info@oasistajaja. Conheça mais no sitewww.oasistajaja.com e nas redes sociais:
Facebook: pusadaoasistajaja
Instagram: @oasistajaja
Youtube: Pousada Oasis Tajaja
Google+: +oasistajaja

Chamada para estudantes do 1º e 2º ano da ETEPAM

Venha fazer parte da nova turma de estudantes do projeto Green Team, uma iniciativa do Centro de Inovação da Microsoft na ETEPAM para impulsionar a carreira de jovens estudantes. Você poderá escolher entre as equipes de design, desenvolvimento, infraestrutura e comunicação e desenvolver suas habilidades pessoais e técnicas enquanto aprende com a equipe do MICETEPAM! Durante seis meses os estudantes imergem no universo tecnológico participando de eventos, cursos e desenvolvendo projetos, além de conhecer o dia-a-dia de uma empresa.
Inscrições:
Data: 31/08
Local: Laboratório do MICETEPAM
Horário: 17h

Jovem apadrinhado faz relato de superação

Foto: CNJ
Pais adotivos, pretendentes à adoção e pessoas interessadas na temática têm um encontro marcado neste sábado (27.08), das 15 às 17h, em Paulista. Na ocasião, o Grupo de Apoio à Adoção do Paulista (GAAP) promoverá uma palestra sobre Apadrinhamento Afetivo. O público presente terá a oportunidade de acompanhar o relato de vida de um jovem que passou pela instituição de acolhimento e foi apadrinhado por uma família.  Durante o encontro uma equipe de psicólogas do GAAP prestará orientação aos novos pretendentes à adoção. A programação é gratuita e será realizada no auditório do Ministério Público, na Avenida Senador Salgado Filho, s/n, Centro, Paulista. Outras informações no www.facebook.com/gaapaulista