Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Marco da Moda oferece minicursos em modelagem e marketing

RECIFE – O Marco Pernambucano da Moda está com uma programação com cinco minicursos com  formato ideal para profissionais e empreendedores que trabalham em confecções, em especial em modelagem e marketing. Todas as professoras possuem pós-graduação e têm pesquisa na área de atuação. Modelagem infantil, modelagem plana feminina, modelagem e montagem masculina, marketing de moda e visual merchandising são os títulos abordados.

Os minicursos de modelagem vão ensinar com detalhes todo o desenvolvimento dos moldes, para crianças, masculino e feminino. A professora Joana Areias, com formação pela Universidade Católica Portuguesa e pós-graduação na Escola de Moda ESMOD de Paris explicará como são feitos os moldes infantis. Lívia Valença responderá pelos cursos de modelagem para homens e para mulheres. Ela é mestre em gestão empresarial e pós-graduada em fashion design, pela FBV/IED.

Marketing de Moda vai apresentar as principais ferramentas para se construir uma estratégia de marketing, indicar métodos para se pesquisar o mercado e terá estudos de casos sobre posicionamento de marca. A professora será Karina Fernandes, com mestrado em Comunicação pela Universidade Fernando Pessoa, em Portugal, com especialização em cultura de moda pela Anhembi Morumbi de São Paulo.

Visual Merchandising mostrará a relação entre os consumidores e a apresentação visual dos produtos na loja, para comprovar a importância do visual na experiência de compra agradável e estimulantes, para o consumidor. O cursos vai mostrar diferentes técnicas de exposição de moda, em ênfase na instalação de vitrines. Karina Fernandes também responderá por este minicurso. 

Todos os cursos possuem 30 horas/aula, que serão ministrados em dois dias da semana, no próprio Marco da Moda, na rua da Moeda, 46, Bairro do Recife. O formato foi pensado para se moldar a baixa disponibilidade de dias da semana para realização de cursos, entre os profissionais. As inscrições e outras informações podem ser obtidas na página do FAcebook do Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções (NTCPE) ou mesmo no endereço na internet: www.ntcpe.org.br.

Professor Lupércio faz caminhada em Peixinhos nesta sexta

O deputado estadual e candidato à Prefeitura de Olinda, Professor Lupércio (SD), vai caminhar nesta sexta-feira, 14, pelo bairro de Peixinhos, local onde morou na infância. O ato começará às 17h, na Av. Nacional, nas imediações da Caixa D’Água. No mesmo dia, o postulante também concederá entrevistas para as Rádios Maranata e Globo. Os encontros acontecerão às 7h e 10h, respectivamente. 

Homenagear entes queridos ajuda a vivenciar o luto de forma saudável

Um recado em uma rede social, o compartilhamento de uma foto ou a recordação de um momento feliz do passado. Muitas são as formas de homenagear um ente querido que se foi. Em comum, elas permitem que a pessoa possa ressignificar essa saudade de uma forma saudável. “É muito gratificante para a pessoa mostrar que seu familiar não foi esquecido”, explica a psicóloga do luto do Morada da Paz Mariana Simonetti. “Essa homenagem serve para manter a memória do falecido presente, o que é bem importante para os enlutados de forma geral”, completa.
Para a psicóloga, afastar-se dessa lembrança ou fingir que nada aconteceu não é aconselhável. Por isso a importância dessas iniciativas, que ajudam a vivenciar o processo de luto. “Quando a gente escreve para alguém que se foi, isso pode ajudar a amenizar um pouco a saudade ou deixá-la menos dolorida”, afirma, ressaltando que este é um momento particular de cada pessoa. “Vai ter gente que vai preferir escrever, outras vão contar uma lembrança, mostrar fotos ou usar um objeto da pessoa que faleceu”, explica a profissional.
 Outro ponto levantado por Mariana diz respeito ao fato que as pessoas de luto acreditarem que os amigos não vão entender seu sofrimento. “Muitas vezes, os amigos do enlutado têm medo de tocar no assunto. Até para tentar proteger a pessoa enlutada”, diz. O importante, ressalta a profissional, é que as pessoas que estão passando pelo processo de luto sejam respeitadas. “É preciso respeitar para que a pessoa se coloque, fale e faça homenagens ao falecido da forma que ela se sinta melhor”, explica a psicóloga.
Pensando nisso, o Morada da Paz promove já alguns anos diversas iniciativas que buscam oferecer este espaço aos seus clientes. O Mural de homenagens, em seu site, por exemplo, recebe diariamente mensagens de carinho das famílias enlutadas direcionadas aos entes já falecidos. Outra iniciativa, são os hotsites e campanhas criados, todos os anos, nos dias das Mães, dos Pais e de Finados, entitulado pela empresa como "Dia da Lembrança". 

Para o Dia da Lembrança deste ano, o Morada da Paz lança a campanha Cada Vida Uma História, que dá às pessoas a oportunidade de compartilhar relatos sobre familiares ou amigos queridos que já partiram. Até o dia 02 de novembro, o público pode acessar o hotsite da campanha (www.grupovila.com.br/cadavidaumahistoria) e contar histórias marcantes. “Essa oportunidade que o Morada promove é uma forma de legitimar esse sentimento de luto. Ela é bem-vinda por permitir que cada pessoa escolha prestar essa homenagem da forma que quiser”, avalia a psicóloga do luto Mariana Simonetti. Ao final, os melhores relatos serão transformados em livro.

Unidade de ensino do Paulista incentiva a participação dos pais na rotina escolar dos filhos para resgatar valor da educação na família

O envolvimento dos pais com a rotina escolar dos filhos está transformando uma unidade de ensino localizada no bairro de Paratibe, em Paulista. Na Escola Municipal Gêlda Amorim, a parceria entre a direção do colégio e os responsáveis pelos estudantes tem resgatado o valor da educação na família. O resultado dessa iniciativa está ajudando a tornar o ambiente escolar cada vez mais humano e atrativo.
           Tudo começou há um ano e seis meses, quando a professora Edenilza de Souza Cabral, 43 anos, recebeu o convite para assumir a gestão da escola. Lecionando na unidade há quase nove anos, ela aceitou a “convocação” e começou a colocar em prática a metodologia de aproximar os pais dos alunos do dia a dia da escola. Além de realizar reuniões periódicas, onde são discutidos diversos temas, ela mobiliza a família dos estudantes para participar de discussões sobre o processo de formação do ser humano para o mundo.   
“A presença dos pais no ambiente escolar é muito importante porque ajuda a gestão a impor limites. Quando os responsáveis se envolvem com as atividades da escola, os estudantes se comportam de forma diferente. Aqui no Gêlda Amorim nós podemos dizer que 90% dos pais participam do dia a dia da unidade de ensino. E essa parceria é fundamental”, comemorou Edenilza de Souza.
Apesar de parecer alto, o percentual citado pela diretora condiz com o nível de engajamento das pessoas da comunidade na rotina da escola. A vendedora Alcione Guedes, 38 anos, mora em Paratibe há três décadas, e tem a unidade de ensino como extensão de casa. “Todos os meus filhos já estudaram no Gêlda Amorim. Dois já saíram por conta da idade, mas um ainda estuda. Eu sempre faço questão de ser presente para saber como está meu filho, Rian Andrade Lopes, 14 anos”, frisou.
O autônomo Jaílson Herculano de Andrade, 35 anos, é pai do adolescente João Victor Tavares de Andrade, 11 anos. Ele é considerado quase um “funcionário” da escola por conta do trabalho que faz em prol da garotada. “Faço questão de ajudar a direção do Gêlda Amorim na manutenção do prédio. Tenho orgulho de poder cuidar dessa escola não só por conta do meu filho que estuda aqui há três anos, mas aos demais meninos e meninas. Acho que esse é o papel da gente mesmo”, comentou.
Com quatro filhos matriculados na escola, a dona de casa Erika Presciliana, 41 anos, comenta que se sente segura quando a garotada está estudando. “A direção da escola está atenta a tudo que acontece com os alunos, desde o horário que eles chegam até o momento da saída pra casa. Isso nos deixa despreocupadas. Aqui a gente vê a coisas funcionarem porque há uma preocupação real com os nossos filhos”, elogiou.
INDISCIPLINA – Apesar de ter um bom relacionamento com o alunado, a direção da Escola Gelda Amorim já registrou alguns casos de indisciplina. No entanto, graças ao trabalho de conscientização nas turmas e o envolvimento dos pais nas atividades, esses episódios estão cada vez mais raros na escola.
“O primeiro passo para resolver algum caso dessa natureza é dialogar com o aluno para tentar descobrir o que, normalmente, está provocando a falta de interesse pelos estudos. Depois convocamos os pais para falar sobre a situação. Quando os responsáveis não aparecem na escola, acionamos o Conselho Tutelar, que faz uma visita à família para aproximar os pais da escola”, revelou Edenilza de Souza.
            Acompanhada do marido, a supervisora Irisneide Bernado da Silva, 36 anos, está costuma a levar a filha Emelly Nalanda da Silva, 13 anos, na escola. Ela já participou de uma reunião com os conselheiros tutelares. “A turma em que minha filha estuda estava muito indisciplinada. Foi quando a gestão precisou fazer um encontro com os pais para poder falar sobre essa situação. O pior é muitos deles não se preocupam com o dia a dia dos filhos e na hora da reunião insistem e dizer que a garotada não fazem nada”, desabafou.
IDEB – Principal indicador de qualidade do ensino público, o Índice Nacional da Educação Básica mostrou que o trabalho que vem sendo feito na Escola Gêlda Amorim está no caminho certo. No último levantamento, a unidade de ensino superou as metas projetadas pelo Ministério da Educação, ficando em segundo lugar entre todas as escolas da rede municipal. 

Tradicional Feira Social do Festival Cena Brasil 2016, em Olinda, faz inscrições até o dia 20 de outubro

Entre os polos descentralizados do Festival Cena Brasil, um toque de requinte pode ser visto na Feira Social de Economia Criativa, que está inscrevendo e selecionando expositores para os estandes desse ano. As mais variadas peças e adereços de artesanato, pulseiras, roupas, rendas, produtos artísticos fazem sucesso entre o público, todos os anos. Há também o comércio de bonsais, miniaturas de cactos, plantas exóticas, etc. Os interessados em participar da já tradicional Feira Social devem obedecer aos critérios de que os materiais comercializados não podem ser industrializados; serem 100% artesanais, e de preferência, ligados a projetos culturais e sociais. A seleção será feita por ordem de chegada do material.

O evento anual acontecerá na Praça do Carmo, em Olinda, dias 26 e 27 de novembro próximos. Para os expositores do evento será disponibilizado um galpão medindo 20m x 7m, onde cada integrante selecionado irá ter um estande medindo 2m x 1m (estande) com iluminação, segurança durante o evento e vigia noturno. Os materiais dos expositores poderão dormir nas suas devidas barracas, levando em conta que haverá vigilância integral. Os participantes pagam uma taxa de R$ 50,00, referente a esta infraestrutura logística.

Clube das Pás recebe show da banda Paixão Brasileira

A banda Paixão Brasileira se apresenta no Clube das Pás, neste domingo (16), a partir das 16h. A Orquestra das Pás será responsável pela abertura da casa.

Os ingressos custam R$ 25 (homem), R$ 20 (mulher) e R$ 15 (meia-entrada), disponíveis na bilheteria da sede da entidade. O Clube Carnavalesco Misto das Pás fica na Rua Odorico Mendes, 263 - Campo Grande, Recife. Mais informações pelos telefones (81) 98543 - 7595 e (81) 98685 - 2409. 


Serviço:

Banda Paixão Brasileira
Domingo (16) | 16h
Local: Rua Odorico Mendes, 263 - Campo Grande, Recife
Ingressos: R$ 25 (homem), R$ 20 (mulher) e R$ 15 (meia-entrada)
Informações: (81) 98543 - 7595 e (81) 98685 - 2409


Grupo Vila participa de evento internacional

O diretor executivo do Grupo Vila, Ibsen Vila, participará do NFDA International Convention & Expo, evento anual da NFDA (Associação Nacional de Diretores Funerários, em inglês), que acontece na Filadélfia, nos Estados Unidos, entre os dias 23 e 26 de outubro. O evento reúne empresas e gestores que atuam no mercado funerário em mais de 40 países, em uma oportunidade de realizar novos negócios, expor seus produtos e conhecer as novidades do mercado mundial.

Pelo terceiro ano consecutivo, o Grupo Vila marca presença no evento como a única empresa do Nordeste a participar da convenção, que conta com representantes de outras regiões do Brasil também do segmento funerário.

Unidade de Saúde da Família José Borges II em clima de Outubro Rosa

As mulheres do bairro da Alameda, em Paulista, têm a oportunidade de participar até às 17h desta sexta-feira (14.10) de um evento voltado para o segmento. A iniciativa, coordenada pela Secretaria de Saúde do município aproveita o clima do Outubro Rosa para propagar informação e alertar sobre a importância da prevenção ao câncer de mama. Cerca de 20 profissionais estão envolvidos na ação. Serão realizados exames de mamografia na unidade itinerante do amigo do peito e o exame preventivo conta câncer de colo do útero, além de consultas médicas. O atendimento acontece na Unidade de Saúde da Família (USF) José Borges II.
  
Antes da realização dos exames as pacientes têm um momento de aprendizagem ao assistir palestras, que abordam temas em relação à saúde da mulher e dinâmica de grupo. Pela manhã, o público feminino acompanhou um depoimento emocionante da Agente Comunitária de Saúde (ACS), Andreia Germana, 40 anos que enfrentou um câncer de mama. “As mulheres não podem deixar de fazer o exame por medo do resultado, elas devem procurar ajuda, pois o câncer tem cura”. A agente de saúde foi a responsável pela confecção de lacinhos rosa – que simbolizam a campanha do Outubro Rosa. Cada paciente foi presenteada com o adereço.

Para a paciente da unidade, Vilma Araújo, 52 anos, disse que “esse tipo de reunião é uma forma de sensibilizar as mulheres para a realização do exame precoce da mama e alertar sobre o cuidado que se deve ter durante todo o ano, não somente no mês de outubro”.

Coordenadora do evento, a enfermeira Elisângela Martins enfatizou que a falta de conhecimento ainda atinge boa parte da população feminina e por causa da vida dinâmica e, às vezes, estressante, muitas mulheres acabam abrindo mão dos cuidados com a saúde para desempenhar várias atividades no ambiente familiar e no trabalho. “Mulher ame-se, cuide-se”, arrematou a enfermeira.

SAÚDE NO NOBRE - A Prefeitura da cidade do Paulista segue com a programação do Outubro Rosa por todo o mês. A próxima comunidade a receber a ação é o bairro do Nobre. As atividades serão realizadas nesta segunda-feira (17), das 8 às 17h, na Unidade de Saúde da Família (USF) do Nobre, que fica ao lado do Clube Municipal da comunidade.

Ponto crítico de lixo é transformado em local de leitura e lazer no Paulista

O que era um antigo ponto crítico de lixo foi transformado em uma praça de leitura e convivência. Esta é a proposta da Praça Ecoteca. O espaço que fica em frente à Escola Municipal Ministro Marcos Freire, em Maranguape I, Paulista, foi totalmente restaurado pelos próprios estudantes do 8° e 9° anos do Ensino Médio e alguns moradores. A iniciativa faz parte do Projeto Criativos da Escola e foi realizada pela Secretaria de Educação em parceria com o Grupo Votorantim.

A Praça Ecoteca conta com banquinhos, plantas e pneus que foram doados por pessoas residentes no entorno da área. Sucatas de eletrodomésticos, como geladeira e freezer ganharam novas funções e novos nomes. Agora guardam livros e se chamam ““gelateca” e “freezerteca”, respectivamente. Alunos e comunidade podem desfrutar do cantinho da leitura no horário das 11h30 às 13h30 e das 17h às 22h.

De acordo com a vice-diretora da Escola Municipal Marcos Freire, Niedja Vidal, a ideia é resgatar no público o compromisso com o Meio Ambiente. “Através da restauração do espaço percebemos que a comunidade abraçou a causa. A partir de agora, as pessoas estão preservando o local e cuidando das plantas. É isso que queremos deixar para as gerações futuras”, evidenciou.

E para estimular cada vez mais o hábito de leitura, a Praça Ecoteca está recebendo livros. Quem quiser doar e participar dessa iniciativa é só procurar à secretaria da Escola Municipal Ministro Marcos Freire, localizada na Rua 9, em Maranguape I.