Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Prefeito do Paulista acompanha vistoria do Ministério da Integração em obras na cidade

Para dar celeridade as obras de dragagem do Rio Paratibe (Arthur Lundgreen I) e do canal do Sítio do Jorge, ( Maranguape I), o prefeito do Paulista Junior Matuto e gestores da Secretaria de Infraestrutura, acompanharam a vistoria do analista de Infraestrutura Rafael Pandovani, técnico encaminhado ao município pelo Ministério da Integração, (MI) para comprovar a aplicação dos recursos e produzir um relatório do andamento da obra para a liberação de mais verbas do convênio firmado entre a Prefeitura e o Ministério, no valor de R$28 milhões.

A obras de dragagem do Rio Paratibe passaram por uma desaceleração, por conta da falta de repasse de recursos, consequência da crise política e financeira por que passa o país. Mesmo com a diminuição do ritmo, a obra não parou. A dragagem do Rio Paratibe está em fase final de conclusão. A obra como um todo está com 80% de conclusão.

Já que falta a construção das duas pontes, a do Banheiro do Soldado, sendo finalizada a construção da ponte da Comunidade do Barão, também em Arthur Lundgreen I, prevista para iniciar ainda este ano. A dragagem do Rio Paratibe vai beneficiar diretamente mais de 100 mil moradores das áreas ribeirinhas da cidade, contemplando um trecho de três quilômetros (3Km) de extensão.

Quanto à dragagem do Canal do Sítio do Jorge, cerca de 90% da obra já foi realizada, faltando apenas à reconstrução do local onde funcionava uma academia de ginástica que foi demolida para viabilizar o desassoreamento e limpeza do leito do canal, além do alargamento das margens, devolvendo o curso natural das águas, evitando assim os alagamentos no inverno.  

Marcha da Consciência Negra e 1ª Caminhada de povos de Terreiros tomam as ruas de Olinda neste domingo

A 6ª Marcha da Consciência Negra de Olinda se une à 1ª Caminhada de Povos de Terreiros de Olinda, neste domingo (27.11), às 15h, quando se concentram no Mercado da Ribeira (antigo ponto de comércio de escravos negros), na Rua do Bonfim, em Olinda. De lá, depois da cerimônia religiosa que será celebrada pelo Pai Cleyton de Osun, os grupos culturais e os participantes vão percorrer as ruas da Cidade Alta, seguindo pelas ruas de São Bento, Galeria Meira Vasconcelos, até o Sítio de Seu Reis, na Praça do Carmo, onde uma grande estrutura de palco, gastronomia e feira social será oferecida pelo 14º Festival Cena Brasil. Toda a participação no evento é aberta ao público. A marcha toma as ruas às 16h. A Articulação dos Povos de Terreiros de Pernambuco (ACTP) também fará parte da cerimônia e da caminhada, com todo o seu legado.

Prefeito do Paulista segue prestando contas da primeira gestão e fala das prioridades de seu segundo governo

Foto: Divulgação
Humanizar o atendimento na área de saúde e melhorar o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, (IDEB), estas são as principais metas definidas pelo Prefeito Junior Matuto para os próximos quatro anos do seu novo governo que começa em janeiro do próximo ano.  A informação foi dada pelo Prefeito, na entrevista que concedeu a uma emissora de rádio local, na manhã desta quinta-feira (24/11). Na ocasião, Junior Matuto também prestou contas das obras e ações de sua primeira gestão, que será concluída no final deste ano em curso.

Durante a entrevista, que durou mais de uma hora, o prefeito ouviu e respondeu varias queixas da população na área de saúde, educação e habitação. Sobre pavimentação de ruas, o prefeito adiantou que o município está sendo contemplado com emendas de vários parlamentares pernambucanos, a exemplo do aporte de recursos do Deputado Federal Jarbas Vasconcelos (PMDB) que destinou mais de 800 mil para pavimentação de ruas em Paulista. “Isto não significa que o dinheiro já está em conta, ouvindo a nossa conversa. Desde a destinação até a liberação e a ordem de serviço para começar a obra, leva certo tempo. É a burocracia do serviço público. Mas é um recurso, que já podemos contar como certo, e será todo utilizado em pavimentação”, informou Junior.

Ao ser indagado sobre a crise econômica que atinge diversos estados e municípios, o Prefeito adiantou que administrar uma cidade cheia de contradições e poucos recursos como Paulista, não é nada fácil. Mas lembrou que sua administração só está conseguindo arcar com as obrigações básicas, como saúde, educação e limpeza da cidade porque em agosto do ano passado tomou medidas de contenção de gastos na administração que resultou em uma economia mensal de mais de R$500 mil por mês. “Ainda estamos numa situação difícil, mas até agora não atrasamos salários, nem deixamos de manter a cidade funcionando. Tempo de crise, também é tempo de oportunidades. Nestes últimos anos Paulista foi um dos poucos municípios que continuou crescendo e atraindo a instalação de empresas e empreendimentos na cidade, a exemplo do North Way e daqui a pouco do Mirabilândia, que vai significar mais de 300 empregos de carteira assinada”, finalizou.