Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Jaboatão dos Guararapes: Secretaria de Saúde constata precariedade do Samu no município

Divulgação
Há 10 anos funcionando no município do Jaboatão dos Guararapes, a Base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), encontra-se em situação precária. A constatação foi feita pelo secretário de Saúde do Jaboatão dos Guararapes, Alberto Lima, sua equipe. A visita contou com a presença do diretor geral do SAMU Metropolitano, Leonardo Gomes. A visita foi realizada, na quarta-feira (11), e foram encontrados problemas na estrutura física do local, ambulâncias quebradas e falta de equipe.
O secretário Alberto Lima explicou que a nova gestão tem o compromisso de melhorar o atendimento da saúde no município e não está medindo esforços para isso. “Um dos eixos prioritários do prefeito Anderson Ferreira é a saúde. Então estamos realizando vistorias para conhecer a estrutura, quantitativo de pessoal, abastecimento, entre outros. No caso do SAMU, vamos construir uma agenda com o Estado e o Ministério da Saúde para ajudar nessa requalificação. As questões emergenciais, como reparo na estrutura e recuperação de ambulâncias, devem acontecer de três a quatro meses”, disse o secretário.
Em 2016, o SAMU Jaboatão atendeu a apenas 39,62% dos chamados. Número esse muito baixo, pois o ideal seria na casa dos 70% de atendimentos clínicos e acima de 80% nos casos de trauma. Hoje, a unidade conta com apenas três ambulâncias em funcionamento, sendo duas de suporte básico e uma de suporte avançado, além de uma motolância e um veículo de resposta rápida. Seis ambulâncias encontram-se quebradas.
Descentralização
Para diminuir o tempo de resposta do atendimento do SAMU, a Secretaria de Saúde do Jaboatão dos Guararapes irá descentralizar o atendimento, facilitando a cobertura do serviço. “O município tem uma área territorial muito grande. Essa descentralização facilitará a chegada mais rapidamente aos pacientes. Inicialmente, serão instaladas bases na área de Jaboatão Centro e no Curado. O tempo que se leva da base em Piedade para esses locais é muito alto”, destacou o secretário Alberto Lima.

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.