Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Cursos de Medicina da UPE são os melhores do estado! Cursos nos campi Santo Amaro, Garanhuns e Serra Talhada estão acima das médias estadual e nacional

​Saiu o resultado da Avaliação Nacional Seriada dos Estudantes de Medicina (Anasem), a nova avaliação do Inep específica para os cursos de medicina no país. A UPE, de um modo geral, conquistou resultados impressionantes. A melhor nota do estado foi do curso de Medicina da UPE Campus Santo Amaro (105,5). O segundo lugar ficou com o curso do campus Garanhuns (105,0), que passou por avaliação pela primeira vez, assim como Serra Talhada (104,9), que conquistou a terceira colocação, à frente de cursos tradicionais do estado.

Todos os cursos citados ficaram acima da média em Pernambuco (102,6) e no Brasil (100,0). Vale ressaltar que o campus em Serra Talhada faz parte administrativamente do Multicampi Garanhuns.

Uma enorme conquista para os municípios, as regiões e o interior do estado! Estão de parabéns todos aqueles que fazem a Universidade, seus funcionários, essenciais no cotidiano da instituição. Aos professores, principalmente aqueles que venceram as adversidades do início, para chegarem a estes momentos, gestores, e os estudantes, que fizeram as provas e conquistaram este resultado para a universidade.

Multicampi Garanhuns

O resultado da Anasem está sendo bastante comemorado no Multicampi Garanhuns, que foi reconhecido pela excelência dos cursos de Medicina. Além de Garanhuns, o Multicampi responde pelas unidades em Arcoverde, Salgueiro, Serra Talhada e Caruaru.

Para chegar aos resultados, é preciso reconhecer gestores, a exemplo da atual diretora, Rosângela Falcão (representando todos os gestores que se dedicaram à consolidação do curso), o ex-diretor Clovis Gomes Júnior, que tanto lutou, mas infelizmente nos deixou precocemente. O então reitor Carlos Calado, em cuja gestão foram instalados o Multicampi Garanhuns, e o ex-diretor e agora reitor da Universidade, Pedro Falcão, que assumiu a responsabilidade da interiorização da Universidade. Tantos outros professores poderiam estar aqui citados, mas que fica o reconhecimento.

Dois outros nomes têm importância fundamental. Eduardo Campos, que instalou os cursos de Medicina em Garanhuns e Serra Talhada, recebendo os elogios da decisão ousada, mas também as críticas daquilo que os adversários consideravam equivocada, pois apostavam que o interior ainda não comportaria os cursos. Se fosse esperar tempo bom, tantos outros cursos do interior não estariam instalados, a exemplo de Odontologia e Direito em Arcoverde.

O governador Paulo Câmara deu continuidade aos investimentos iniciados por Eduardo Campos, e proporcionou o crescimento do corpo docente da Universidade dos Pernambucanos. Paulo aumentou o quadro de professores da UPE em 280 novas vagas e a cada semestre convoca mais 55 vagas entre os concursados, desde o segundo semestre de 2015. Além disso, está em planejamento o novo concurso para servidores.

Coube ao professor Pedro Falcão, hoje reitor, estruturar a nova rede de ensino superior da UPE no interior do estado, pois Eduardo Campos tinha pressa, chegando a Serra Talhada, Arcoverde, Caruaru e Salgueiro, além de ampliar as ofertas em tantos outros cursos e polos, na capital, e principalmente no interior do estado. Pedro foi diretor do Multicampi Garanhuns, depois assumiu a Pró-Reitoria de Interiorização, e atualmente, como reitor, trabalha a consolidação, com especial articulação, tendo conseguido recursos através de emendas parlamentares, que têm sido utilizados na infraestrutura da Universidade.

ESTUDANTES

Depois destes reconhecimentos acima, não podemos deixar de registrar que são os estudantes, que superaram os obstáculos, dedicando-se aos estudos, os principais protagonistas deste momento. Foram eles que aprenderam as lições e mostraram ao MEC que os cursos de Medicina da UPE têm comprovadamente alta aprovação, desempenho e está credenciado para colocar no mercado do país, futuros profissionais compromissados com a saúde pública.

UPE NO ALTO

Os resultados mostram que a Universidade de Pernambuco vive um momento acadêmico impressionante em sua graduação, como mostram as notas. Os três primeiros lugares, e o topo com o curso de Medicina do Recife, do Campus Santo Amaro. Mérito de uma gestão voltada ao aprendizado, que conseguiu destravar concursos, promover melhorias infraestruturais e, como consequência, melhorar as condições de ensino-aprendizagem.

A vitória é de um conjunto, tocando em sintonia. 

Parabéns a todos!!-- 

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.