Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Alunos da rede do Paulista passam por atendimento oftalmológico para receberem óculos

O programa Olhar Paulista segue contemplando alunos da rede municipal em toda a cidade. Nesta sexta-feira (31.03) foi à vez dos estudantes da Escola Marília Russel, localizada no bairro de Arthur Lundgren II Alto, receberem atendimento no Centro da Visão de Pernambuco (CEVIPE). A iniciativa, que tem o intuito de melhorar o desempenho acadêmico dessas crianças, já beneficiou cerca de nove mil alunos.

Os estudantes, com idade entre seis e 12 anos, inicialmente, passam por uma triagem, na própria escola, com os Agentes de Saúde Escolar. Caso seja detectada alguma alteração na visão, eles são direcionados ao CEVIPE, para a realização do exame oftálmico. Após isso, caso seja necessário, os estudantes recebem de forma gratuita os óculos de grau.

O aluno Ícaro de Medeiros, seis anos, foi diagnosticado com astigmatismo, mas isso não diminuiu a empolgação do garoto que estava ansioso para escolher logo a sua armação de cor vermelha. “Na sala de aula eu sempre tenho que sentar na frente, porque se eu ficar no fundo não enxergo nada. Fora a dor de cabeça e o incômodo que eu sinto nos olhos. Agora estou mais tranquilo e não vejo a hora de poder usar meus óculos vermelhos”, ressaltou.

O médico oftalmologista Carlos Gustavo Gonçalves explicou que além dos sintomas como dor de cabeça, vermelhidão e cansaço nos olhos, o astigmatismo também dificulta que o paciente enxergue letras pequenas. "Essa dificuldade afeta diretamente a capacidade de absorção dos conteúdos desses alunos em sala de aula. Por isso, é de suma importância fazer o teste do olhinho logo no nascimento do bebê e levar a criança ao oftalmologista no primeiro ano de vida. Neste período, muitas doenças podem ser diagnosticadas e tratadas”, completou.

OLHAR PAULISTA - O Olhar Paulista é uma iniciativa pioneira que envolve as secretarias municipais de Educação e Saúde, em parceria com o Lafepe (Laboratório Farmacêutico de Pernambuco). Paulista é o único município da Região Metropolitana do Recife que financia um programa capaz de realizar exames e entregar óculos de grau aos estudantes da rede de ensino com algum tipo de problema na visão. O programa foi criado pela gestão municipal em 2015 com a proposta de combater a evasão escolar e melhorar a aprendizagem em sala de aula a partir da prevenção, identificação e correção dos problemas visuais. Ao longo de dois anos, a ação já beneficiou cerca de 9 mil alunos das 62 escolas da cidade. O público alvo são os estudantes na faixa etária de seis a 12 anos. A realização das triagens nas escolas e exames no consultório conveniado é contínua. Toda sexta-feira, por exemplo, 35 estudantes visitam o Cevipe, que fica no Centro do Paulista. A iniciativa é uma das ações prioritárias da gestão do prefeito Junior Matuto.

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.