Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Deputado lembra os 129 anos da abolição

Não tivemos muito o que comemorar no dia 13 de maio.” A afirmação foi feita pelo Ossesio Silva (PRB) na Reunião Plenária desta segunda (15), ao lembrar a data que marca a assinatura da Lei Áurea no Brasil, em 1888. Coordenador da Frente Parlamentar de Combate ao Extermínio da Juventude Negra, o deputado avaliou que, 129 anos após a Abolição da Escravatura, o País está atrasado na implantação de políticas de inclusão e de proteção aos direitos humanos da população afrodescendente.

O parlamentar aproveitou a ocasião para fazer um balanço das audiências públicas promovidas pela Frente Parlamentar em vários municípios pernambucanos. Ele destacou o último encontro, no dia 10 de maio, em Timbaúba, na Zona da Mata Norte. “Os homicídios praticados nesse município, assim como em outras cidades que visitamos, vitimizam, principalmente, a população jovem, negra e pobre. Acreditamos que é possível, no entanto, promover ações de prevenção e aprimorar a legislação estadual, criando oportunidades de inclusão”, frisou.

As ações do grupo parlamentar foram elogiadas pelos deputados Priscila Krause (DEM), Odacy Amorim (PT) e Joel da Harpa (PTN), em apartes. “Sabemos que as vítimas de violência têm endereço, cor e, muitas vezes, gênero. Vossa Excelência acerta quando mobiliza Câmaras Municipais para enfrentar essa questão”, pontuou a democrata. “É preciso que os governos trabalhem para dar oportunidades à população negra”, acrescentou Amorim. “A Frente Parlamentar tem chamado atenção da sociedade para esse tema”, concluiu Joel da Harpa.

Fonte e foto: Alepe

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.