Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Cidade catarinense comprova que o programa de Educação Emocional “Amigos do Zippy” efetivamente previne comportamentos autodestrutivos


Desde 2009, os professores de 2º ano do Ensino Fundamental das escolas municipais de Luís Alves (SC), desenvolvem com seus alunos o “Amigos do Zippy”, programa de Educação Emocional que ensina crianças pequenas a lidar com as dificuldades do dia a dia.
Levantamento de dados feito pelo município apontou que não houve um único registro de caso de automutilação, tentativa de suicídio ou suicídio entre os 1.513 alunos, crianças e hoje já adolescentes, de 7 a 17 anos, que participaram do programa.
A implantação do Amigos do Zippy é resultado da parceria entre a Secretaria de Educação, Secretaria de Saúde, Conselho Municipal da Criança e do Adolescente, Assistência Social de Luís Alves e da ASEC – Associação pela Saúde Emocional de Crianças, representante exclusiva do programa no Brasil, que capacita os professores. Para desenvolver o programa, todos os professores de 2º. ano e representantes de cada uma das escolas participaram de programa de capacitação, reconhecido pelo MEC como Tecnologia Educacional promotora da Educação Integral e Integrada e adotaram uma postura de facilitadores do desenvolvimento emocional dos alunos. Com as aulas e o convívio diário num ambiente emocionalmente saudável, as crianças desenvolveram, dentre outras, a capacidade de encontrar estratégias positivas para lidar com suas dificuldades, e, consequentemente, não recorrem a comportamentos autodestrutivos quando estão fragilizadas. A resiliência e cooperação mútua foram desenvolvidas e eles agem com naturalidade para pedir e oferecer ajuda uns aos outros.
“O trabalho do Amigos do Zippy é muito íntegro e já beneficiou muita gente em nosso município. Isso contribuiu para não termos mudanças nos indicadores [relacionados aos comportamentos autodestrutivos]”, afirma a secretária de Saúde de Luís Alves, Juliana Wust. Segundo ela, o programa continuará sendo desenvolvido para ajudar as demais crianças que estão no ensino fundamental das escolas municipais e estaduais da cidade.
“Enquanto a população brasileira cresceu 20% os suicídios cresceram 35%, e entre jovens a taxa é muito maior do que na população em geral. Constatar que em Luiz Alves não houve nenhuma tentativa durante todos esses anos vem confirmar a eficácia da política pública de prover às crianças um importante fator de proteção da saúde mental: um conjunto cientificamente estudado de habilidades emocionais e sociais que lhes dão autonomia para lidarem positivamente com os fatos adversos da vida” comenta Tania Paris, fundadora da ASEC.

Amigos do Zippy
Amigos do Zippy é um programa de educação emocional desenvolvido em escolas públicas e privadas, que ensina crianças a partir dos seis anos a lidar com as dificuldades do dia a dia, estimulando-as a identificar e a falar sobre seus sentimentos, a construir estratégias para resolver problemas e a fazer escolhas que melhorem sua qualidade de vida, levando em conta os sentimentos das outras pessoas.
Desenvolvido em sala de aula pelo próprio professor das crianças, que é especialmente capacitado para isso, o programa é constituído de seis módulos e baseado nas histórias do inseto Zippy – um bicho-pau – e seus amigos, um grupo de crianças, abordando temas como: amizade, comunicação, solidão, bullying, mudanças, perdas e outras dificuldades familiares às crianças. Cada módulo possui quatro aulas de uma hora, desenvolvidas uma vez por semana, ao longo de um ano letivo.
Segundo Tania Paris, fundadora da Associação pela Saúde Emocional de Crianças (ASEC), entidade responsável pelo Amigos do Zippy, o programa promove a saúde emocional das crianças, aumentando-lhes a autoestima e autonomia, o que facilita encararem, de forma mais segura, os desafios acadêmicos. “Ao desenvolver habilidades para lidar com as dificuldades do dia a dia, a criança se prepara para toda a sorte de desafios que a vida nos reserva, com recursos para enfrenta-los positivamente”, afirma.
Mais de 270 mil crianças já participaram do Amigos do Zippy no Brasil.

Sobre a ASEC
A Associação pela Saúde Emocional de Crianças (ASEC) é uma entidade sem fins econômicos, com equipe multidisciplinar e atividades que promovem saúde emocional para crianças, professores, pais e adultos em geral. Atuando desde 2004 com o programa educacional Amigos do Zippy e seus subprodutos, a ASEC já beneficiou mais de 300 mil pessoas no Brasil. A implementação dos programas é feita por meio de parcerias com secretarias municipais ou estaduais de educação, escolas particulares, entidades educacionais, empresas, centros de assistência social, fundações e institutos interessados em viabilizar a educação emocional no Brasil. A ASEC realiza avaliações do impacto de sua intervenção em todos os públicos que participam de seus programas e cursos, comprovando sua eficácia. A associação é reconhecida como Entidade de defesa dos Direitos Humanos pela Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo e é registrada no Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente do município de São Paulo. Sua metodologia de capacitação de educadores em Educação Emocional foi reconhecida pelo MEC como Metodologia Educacional promotora da Educação Integral e Integrada. 

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.