Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Matuto e Lupércio fortalecem ações nas fronteiras entre os dois municípios

Por conta da interligação entre as duas cidades, Paulista e Olinda, alguns problemas necessitam firmar parcerias para que as ações aconteçam com mais celebridade e eficácia. Diante dessa necessidade, os dois prefeitos, Junior Matuto e Professor Lupércio, se encontraram na manhã desta segunda-feira,19.06, para tratar de diversos assuntos em comum, como limpeza de canais, transbordo do lixo e duplicação da ponte do Janga.

Na reunião, Matuto e Lupércio trataram de diversos projetos que estão acontecendo em parceria entre os dois municípios, como a limpeza dos canais Nossa Senhora de Fátima e da Rua 12, que interligam os bairros de Jardim Maranguape, em Paulista e Rio Doce em Olinda. Outra ação que está acontecendo em parceria entre as duas cidades, é a obra da duplicação da Ponte do Janga, que foi necessário um aditivo no convênio entre Paulista e Governo do Estado, incluindo Olinda, para possibilitar a continuidade das  obras e evitar assim a formação de um gargalo na área, quando concluída a duplicação da PE 01 e da Ponte que une os dois municípios.

Outro ponto abordado no encontro foi pensar uma força tarefa para viabilizar a destinação do lixo entre os 14 municípios da Região Metropolitana. Os secretários Tiago Magalhães e Evandro Avelar, titulares das pastas que cuidam dos serviços públicos nas cidades de Paulista e Olinda, respectivamente, colocaram a necessidade de repensar a forma de tratar o transbordo dos resíduos sólidos e viabilizar uma destinação mais adequada e que não comprometa tanto o orçamento municipal com a limpeza da cidade.

“Atualmente, a maior despesa que temos na fonte do Tesouro Municipal é com o lixo. È é um dos contratos mais caros, não podemos continuar assim, temos que investir em educação ambiental e procurar alternativas de baratear este custo”, avaliou Tiago Magalhães, secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos do Paulista. Evandro Avelar por sua vez, concorda com a colocação e completa que o debate do lixo tem que ser metropolitano. “Encontrar saídas em comum para a destinação do lixo é muito importante. Avaliamos que é preciso o Estado regulamentar o descarte de resíduos sólidos nos municípios da RMR, para que a questão do lixo não fique inviabiliza “, adiantou Avelar.

Professor Lupércio mais uma vez agradeceu a condução administrativa que Junior Matuto tem adotado, a de cuidar da cidade do Paulista, pensando nos municípios vizinhos, especialmente em Olinda. “Junior tem sido um parceiro forte. Viemos tratar do transporte do nosso lixo para Igarassu, passando por aqui por Paulista, e também agradecer as ações em parceria, que estão acontecendo e têm beneficiado os moradores das duas cidades-irmãs. É fundamental esta união para resolver problemas em comum e Junior Matuto tem feito isso com muita competência”, finalizou Lupércio.

Junior Matuto avalia que esta integração para resolver os problemas do litoral norte é fundamental para que todos saiam ganhando. “Tem coisas que só se resolvem de forma definitiva se forem tratadas com ações integradas. Eu e Lupércio estamos dando um exemplo de que os gestores devem se unir para resolver os problemas em comum. Se não, quem sofre é o povo, que fica nesse jogo de empurra, enquanto ninguém assume, nem resolve nada”, afirmou Matuto.

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.