Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Próximo a Ponte do Janga, vereador Fábio Barros mostra em vídeo irregularidades de trânsito

Reprodução Facebook.

O vereador Fábio Barros, presidente da Câmara do Paulista, flagrou próximo a ponte do Janga, irregularidades de trânsito ao identificar ultrapassagem indevida tentando driblar. O vídeo foi imediatamente apresentado pelo parlamentar ao secretário de Mobilidade e Transportes do Paulista, José Rodrigues, no dia 1º de junho. Os dois estiveram juntos na manhã da última sexta-feira (3/6) e observaram já com a equipe de guardas de trânsito a gravidade do problema.

O vereador Barros sugeriu a presença de guardas municipais e educadores de trânsito para orientar os condutores e evitar possíveis acidentes no local. Para a próxima segunda-feira (5/6), o vereador solicitou a Prefeitura a permanência dos guardas, já que o bairro do Janga tem mais de 50 mil habitantes, segundo o último Censo do IBGE.Segundo Barros, o engarrafamento aumento com os veículos na contra mãos. Em seguida, ele também solicitou cones para travar essas manobras irregulares.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a multa por ultrapassagem é uma punição de trânsito que tem o objetivo de coibir e punir manobras arriscadas que colocam em risco a vida das pessoas e a fluidez do tráfego. Dependendo do caso, ela pode ser considerada de uma infração leve até uma gravíssima.

Segundo o vereador, a ação é fruto da audiência pública sobre a Ponte do Janga, realizada pelo mandato do parlamentar, na Faculdade Joaquim Nabuco, do Janga, no mês de abril. “Foram colocados cones na via para o ordenamento da via evitando a ultrapassagem realizada normalmente em fluxo de trânsito, pondo em risco a vida das pessoas, que antes faziam de uso uma terceira e quarta via”, disse.

Confira os vídeos na página do Facebook do vereador. Acesse. https://www.facebook.com/fabiobarrospsb


0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.