Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

SEMANA DE MEIO AMBIENTE DO PAULISTA | Abertura conta com título de cidadão a catador e decreto de Floresta dos Maranguapes



Foto: Jaime Fonseca Neto

A abertura do 1º Encontro Científico e Cultural, na Semana de Meio Ambiente, trouxe novidades para o futuro da cidade do Paulista, na Região Metropolitana no Recife (RMR), no Litoral Norte do Estado. Com o tema, Desenvolver, educar e preservar, o secretário-executivo de Meio Ambiente, Leslie Tavares, anunciou com muita alegria o decreto assinado pelo prefeito Junior Matuto (PSB) criando a Floresta Urbana Municipal dos Maranguapes. A nova unidade de conservação ambiental tem área total de 62 hectares de Mata Atlântica, ao lado do Parque Industrial da PE-22, próximo a instalação da fábrica da InBetta.

Para atender ao reflorestamento e arborização de praças, margens de canais e outras localidades do município, a mata contará com a instalação de um viveiro para produção de mudas específicas desse habitat. “O governo do prefeito Junior Matuto demonstra a responsabilidade com a preservação de áreas municipais transformando em áreas de unidades de conservação e como a floresta dos Maranguapes, a mata do Frio, a mata do Ronca e a lagoa Pau Sangue, mais de 300 hectares de mata atlântica passaram a ser definitivamente protegidas e intocáveis”.



Ainda, durante, a solenidade de abertura da Semana do Meio Ambiente o presidente da Cooperativa de Catadores de Material Reciclável João Paulino do Paulista (Coorjopa), Carlos André, 39 anos, conhecido como Carlos Catador, foi homenageado ao receber o título de cidadão da cidade de autoria do vereador Fábio Barros (PSB), presidente da Câmara.

Segundo o presidente Fábio Barros, Paulista é uma das 100 cidades que mais cresceu no país e tem legislação ambiental moderna ao se destacar na Política Municipal de Meio Ambiente.

PARTICIPAÇÃO
Participaram da mesa de abertura a gestora da Estação Ecológica Caetés da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), Sandra Cavalcanti; o professor da Faculdade Joaquim Nabuco, Jurandir Aquino; o superintendente do Paulista North Way Shopping, Marcos Mota; o secretário de Segurança Cidadã, Manuel Alencar; e o diretor-geral da Câmara dos Vereadores do Paulista, Mário Jorge. Estiveram presentes no auditório, o secretário de Gabinete do prefeito Junior Matuto Francisco Padilha, a representante da fábrica InBetta, Jane Brigoni; o secretário de Políticas Sociais, Esportes e Juventude, Augusto Costa.

APRESENTAÇÃO CULTURAL

Alunas da Escola Municipal Jaime Bold, no bairro da Vila Torres Galvão, realizaram um desfile de moda sustentável, “usando copos descartáveis, sacolas plásticas, sacos de salgadinho e pipoca na confecção de roupas”, como explicou a diretora pedagógica, Andrea Vieira. Em sincronia com a ação cultural, a escola levou o grupo de percussão e afoxé Boi de Maria Preta, que participa todos os sábados do Projeto Mais Educação. O grupo tocou músicas regionais, e finalizaram com "Ave-Maria", ao realizar desfile de uma aluna da Jaime Bold vestida com roupa sustentável e interpretando Nossa Senhora. O grupo Boi de Maria Preta foi fundado por Ivan Tavares, em 1997, e atualmente conta com o professor de percussão Everaldo.

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.