Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Festival de Paródias e Músicas anima o Teatro Paulo Freire

Com o foco no incentivo da produção textual e discursiva na música, o Teatro Paulo Freire foi palco, na manhã desta sexta-feira (22.09) do 5º Festival de Paródias e Músicas, o Paromix 2017. O evento, que é promovido pela gestão da Escola Estadual Padre Osmar Novaes, de Paratibe, acontece na escola uma vez a cada dois anos.


De acordo com a professora Sileide Araújo, que é a coordenadora do Paromix, 10 temas estão no foco das atividades, sendo alguns deles a Ética na política; Sustentabilidade socioambiental; Educação para o trânsito; Cyberbulling; Inclusão social; Democracia; dentre outros. "Esses temas são de relevância para o Enem porque eles trabalham também redações e eles fazem paródias Eles produzem outros tipos de mídia para que eles possam ter habilidades e proficiência nas produções que eles estão inseridos", explicou Sileide.

Ao todo, cerca de 600 alunos estão envolvidos na programação do evento. Dentre eles, está o estudante Henrique Camilo, de 18, aluno do 3º ano do Ensino Médio. "Já é o segundo ano que eu participo desse evento de grandioso que engloba todos os estudantes a se mobilizar pelo evento de língua portuguesa. O Paromix foi formado pelas palavras 'para' de paródia, e mix, de música. Ele já vem cada vez mais cativando os alunos a colocar educação dentro da música. E como sabemos, os jovens gostam muito de música, e a música dentro da educação ajuda muito na forma de entendimento das aulas. E foi nesse intuito que a professora criou esse evento maravilhoso, que até hoje está seguindo com cada vez mais participação dos jovens", elogiou o rapaz.

Além dele, a estudante Stefany Bento, de 18 anos, também está em sua segunda participação no Paromix. "Eu acho esse evento muito importante, porque traz temas que ajudam na mobilização do pensamento das pessoas. Sem contar com o show de talentos, que é muito bom para quem é tímido perder a vergonha e também poder participar desse momento de festa e de conhecimento", disse a jovem.
-- 

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.