Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Silvio propõe reunião entre Governo e prefeitos do Agreste para discutir saídas para alta da violência

O deputado Silvio Costa Filho (PRB) apresentou, na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), nesta quarta-feira (22), que o Governo do Estado realize um encontro com os prefeitos dos municípios do Agreste para discutir o aumento da criminalidade na região. Segundo dados da SDS, entre 2014 e 2016 houve um crescimento de 64% nos números de homicídios só em Caruaru, além de uma alta de 103% nos crimes contra o patrimônio na cidade no mesmo período.

 “O 4º Batalhão da Polícia Militar, que atende 14 municípios além de Caruaru, está se mostrando insuficiente para combater o crescimento da violência na região. A instalação de mais um batalhão até o fim do ano é importante, mas não dá pra ficar comemorando um anúncio como esse enquanto o número de assassinatos já cresceu 24% só nos dois primeiros meses deste ano e fechou 2016 com 64 mortes por 100 mil habitantes, seis vezes mais que o índice considerado aceitável pela ONU”, destacou.

O parlamentar comparou a extensão das Áreas Integradas de Segurança (AIS) 14, de Caruaru, e AIS 6, de  Jaboatão dos Guararapes. “A AIS de Caruaru é quase 9 vezes maior que a de Jaboatão e, mesmo assim, a região de Caruaru é atendida por apenas um batalhão, enquanto Jaboatão ganhou, desde janeiro deste ano, mais um batalhão (25º BPM), sendo a única AIS com dois batalhões no Estado.

Silvio ressaltou ainda algumas ações implantadas pela prefeita Raquel Lyra, como a criação da Secretaria de Ordem Pública; a elaboração do Plano Municipal de Segurança e a implantação, em curso, do Comitê Permanente Municipal de Segurança Pública. “A Prefeitura de Caruru tem adotado medidas para combater a criminalidade, mas o Governo do Estado precisa também fazer a sua parte, começando com um debate franco com os prefeitos da região e com toda a sociedade do Agreste de Pernambuco sobre o tema”, defendeu.

“O que temos visto, infelizmente, é o crescimento da violência ano a ano enquanto o Governo mostra completa incapacidade de reação. Por isso, o que estamos propondo é que o governador possa reunir os prefeitos da região para discutir ações conjuntas de combate à criminalidade, pois entendemos que o envolvimento de toda a sociedade é fundamental para reduzir os índices de criminalidade”, reforçou.

Juiz faz palestra sobre normas da adoção de crianças

Dúvidas jurídicas, destituição e procedimentos legais da adoção de crianças e adolescentes serão debatidos neste sábado (25.03), às 15h, no município do Paulista. Os assuntos vão ser abordados pelo juiz da Vara da Infância e Juventude do município, Ricardo de Sá Leitão. O evento é coordenado pelo Grupo de Apoio à Adoção do Paulista (GAAP). O acesso é gratuito. A programação acontecerá no auditório do Ministério Público, na Avenida Senador Salgado Filho, s/n, Centro Paulista. Outras informações pelo fone: 9.8166.0691. 
Imagem meramente ilustrativo. Internet. 

SEMANA IMOBILIÁRIA APOSTA NOS PREÇOS BAIXOS E QUEDA DE JUROS PARA AQUECER O MERCADO

A queda na taxa de juros da Selic, a liberação das contas inativas do FGTS  e preços realmente baixos sinalizam um bom momento para os negócios imobiliários. É apostando nesse cenário de maior positividade que a Ademi-PE realiza, de 24 de março a 2 de abril, no piso L3, do Shopping RioMar, a Semana Imobiliária. O evento reúne 22 empresas com mais de três mil imóveis que vão de R$ 129 mil a R$ 3,25 milhões, entre residenciais, empresariais e segunda residência.


A Semana Imobiliária espera receber um público de cinco mil pessoas .“Essa é uma ótima oportunidade para quem está procurando imóveis. Os preços ainda estão baixos e o mercado está reaquecendo. Significa que a demanda pode aumentar em breve”, avalia Carlos Tinoco, presidente da Ademi-PE. “Quem comprar agora, trava o preço do bem e depois ainda poderá fazer a portabilidade, renegociando as taxas”, complementa.

Outro fator positivo, segundo o presidente, é a liberação das contas inativas do FGTS. “A quantia disponível pode ajudar na entrada, numa reforma, no mobiliário, antes mesmo do financiamento, quando tradicionalmente seria utilizado o FGTS”, argumentou.

“A semana é um evento consolidado no qual o consumidor que está procurando imóvel sabe que vai achar as melhores oportunidades. Esse é o segredo do sucesso do evento”, afirmou Gildo Vilaça, vice-presidente da Ademi-PE e coordenador da Semana Imobiliária.

NOVAS REGRAS – Além dos preços menores e queda de juros, outro fator que reflete o bom momento para a Semana Imobiliária são as novas regas para financiamento com utilização do Fundo de Garantia Por Tempo de Serviço (FGTS). “Houve um aumento nos valores dos imóveis que agora se enquadram no Minha Casa, Minha Vida. No Recife, o limite dos imóveis passou de R$ 180 mil para R$ 190 mil, com uma renda de R$ 7mil a 9 mil, aumentando as opções para quem quer comprar”, explica o diretor de política habitacional da Ademi-PE, Genildo Valença.

Outra novidade que ajudará a movimentar as vendas na Semana Imobiliária é a elevação do teto de financiamento de imóveis novos com avaliação de até R$ 1,5 milhão nas regras do Sistema Financeiro de Habitação (SFH) que poderão utilizar o FGTS para amortização. Imóveis com essa avaliação terão taxa de juros mais atrativas que as praticadas no regime anterior às novas regras. Antes, imóveis a partir de R$ 800 mil ou R$ 950 mil (Rio, SP e Brasília), estavam de fora dessa combinação de utilização dos recursos do Fundo.

Além das 20 empresas, participam do evento os bancos Bradesco e Caixa, que estarão de plantão para tirar dúvidas e fechar negociações, além do Tabelionato Figueiredo, que estará a posto para agilizar toda a papelada necessária. A semana conta ainda com o apoio da Copegás.

Empresas participantes:
AB CORTE REAL
AWM ENGENHARIA