Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Gestores da Policlínica da Mulher marcam chegada de novos serviços em café da manhã com o prefeito Junior Matuto


Os gestores da Policlínica da Mulher para marcar o aumento do número de atendimentos e a chegada de novos serviços, como o de acolhimento às mulheres vítimas de violência, realizaram um café da manhã com a presença do Prefeito Junior Matuto, na manhã desta quarta-feira (28.06), nas instalações do prédio onde também funciona a Policlínica Torres Galvão (PTG).

O atendimento mensal da policlínica, depois de instalada no novo equipamento ao lado da PTG, aumentou para 3,6 mil procedimentos por mês, exclusivamente para as mulheres. Devido o aumento pela procura dos serviços, a Secretaria da Mulher do Paulista contratou mais dois ginecologistas, além de ter ampliado a equipe para realizar procedimentos de colposcopia nas pacientes encaminhadas já com alterações nos exames preventivos de citologia.

A grande novidade que começou recentemente a funcionar na Policlínica da Mulher é resultado de uma parceria firmada com a Secretaria Executiva da Mulher para acolher as mulheres vítimas de violência. Para Flávio Homero, gerente da Policlínica, as mulheres se sentem mais confortáveis em saber que vai encontrar uma equipe treinada para recebê-la. “Com o suporte da Secretaria da Mulher, temos uma equipe treinada para receber as vítimas de violência sexual ou doméstica. Então, é um serviço diferenciado e as mulheres ficam mais confortáveis”, avaliou.

A Secretaria de Saúde, Fabiana Bernart ao agradecer a presença de todos, inclusive do prefeito Junior Matuto que chegou ao café da manhã de surpresa, fez um reconhecimento público do avanço que teve este serviço de atendimento às mulheres depois da mudança da Praça João XXIII para a PTG. “No início houve resistência para esta mudança. Hoje a gente constata que acertou em instalar aqui, porque apesar de ter crescido a procura, acabaram as filas. Isso graças a um trabalho planejado e organizado que esta equipe esta executando. Parabéns a toda a equipe que trabalha unida e a gente sente no ambiente o reflexo de como o serviço melhorou.”

Entre uma agenda e outra, o prefeito Junior Matuto conseguiu passar pela Policlínica para agradecer o desempenho da equipe e constatar que já foi algumas vezes abordado pela população para elogiar o trabalho que está sendo feito na unidade voltada às mulheres. “Eu ando mais que má notícia, e a gente têm um termômetro de cada coisa que acontece na gestão, conversando com o povo. Por diversas vezes, fui abordado pelas mulheres elogiando o trabalho de vocês. Fiz questão de vir aqui pessoalmente para falar isso pra você e agradecer.” Informou o prefeito, adiantando para os presentes que depois de melhorar a infraestrutura e implantar programas importantes como o Remédio em Casa e o Olhar Paulista, o grande desafio da gestão será melhorar a relação entre gestor e paciente.

Milton Nascimento confirma show em Pernambuco

Uma joia da música brasileira volta a Pernambuco no próximo dia 24 de agosto. Com uma trajetória de mais de 50 anos reconhecida em todo o mundo, Milton Nascimento vai apresentar o show Semente da Terra, que marca o retorno do seu canto aos palcos do Brasil.

Reunindo canções fincadas na alma do povo brasileiro, o espetáculo vai proporcionar ao público pernambucano o reencontro com um Milton renovado pela força dos seus sonhos e atento ao momento de crise política no país. ‘Semente da Terra’ joga luz sobre o repertório do artista vencedor de cinco estatuetas do Grammy, mas que sempre manteve o olhar e os versos engajados nas mais diversas lutas contra a injustiça social no Brasil.

O caráter político de sua música é evidente desde o primeiro disco, “Milton Nascimento” – lançado em 1967 –, álbum revolucionário e que completa 50 anos em 2017. De lá até aqui, foram diversos projetos aclamados pela crítica e que despertaram a opinião pública para a situação de índios (TXAI), negros (MISSA DOS QUILOMBOS), trabalhadores sem terra (LEVANTADOS DO CHÃO), mulheres (PIETÁ) e crianças (SER MINAS TÃO GERAIS).

A mensagem potente de Milton vai reverberar pelo Teatro Guararapes, em única apresentação, a partir das 21h do dia 24 de agosto. No set list, estão confirmadas canções como Caçador de Mim, O Cio da Terra, San Vicente e Terceira Margem do Rio. Os ingressos estão à venda nas lojas Noha (RioMar e Plaza Shopping) e também no site

Parece que foi ontem

Parece que foi ontem... 
Paiva Netto 

Estou comemorando 61 anos de trabalho na LBV. Amanhecia 29 de junho de 1956 – Dia de São Pedro e São Paulo. Nasci no Rio de Janeiro. Com 15 anos, num gesto intuitivo, liguei o rádio. Estava no ar a Tamoio. Vivíamos os festejos juninos. Surpreso, ouvi os acordes de Noite Feliz! em tempo ainda distante do Natal. E logo vibrou a palavra de Alziro Zarur (1914-1979). Esse fato mudou a minha vida, tal qual a de tantos outros que aguardavam algo que lhes falasse o que precisavam ouvir a respeito de Quem, no dizer de João Batista, nem somos merecedores “de limpar-Lhe o pó das sandálias”: Jesus! Zarur entoava o “Glória a Deus nas Alturas, Paz na Terra aos homens de Boa Vontade!” (Evangelho, segundo Lucas, 2:14). Naquela hora, como que um raio desceu sobre mim, mas não me fulminou. Pelo contrário: percebi que não sou apenas um produto da carne, posto que certa mentalidade por aí faz alguns pensarem que este mundo seja um açougue. Tenho Espírito. Não em resultado de combinações químicas cerebrais, porquanto a inteligência situa-se além do corpo, como que havendo uma mente psíquica fora do cérebro somático. (...) A partir daquele momento, o que foi despertado em mim não poderia surgir de um pedaço de matéria que um dia se transformará na rebelião famélica dos vermes. Ah! Somos alguma coisa bem superior, que sintoniza as estrelas! É essencial ter, portanto, em nós um diapasão que ressoe na grandeza de sua melodia. (...) No mesmo instante, virei-me para minha saudosa mãe, Idalina de Paiva (1913-1994), e, decidido, sentenciei: “É com esse que eu vou!”. 
Aprendi nestes anos de vida legionária que ninguém faz nada sozinho. No meu 61 aniversário de trabalho nesta Obra – que luta ininterruptamente por um Brasil melhor e uma Humanidade mais feliz – compartilho também essa marca com todos os que, com suas preces e apoio às nossas iniciativas, formam a grande família da Boa Vontade de Deus.  


José de Paiva Netto ― Jornalista, radialista e escritor.