Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Mulheres no mercado do trabalho



Entenda as conquistas alcançadas até hoje e as dificuldades que as mulheres ainda precisam enfrentar no mercado de trabalho.

Historicamente, após a criação da propriedade privada, a sociedade foi se modificando e criando suas normas e condutas sociais guiadas por uma cultura machista e patriarcal, onde o homem possuía direitos e autoridades sobre a mulher, extraindo dela sua própria autonomia. Com o passar dos anos, isso foi gerando uma indignação generalizada por parte das mulheres, dando origem à uma série de protestos e lutas sociais por seus direitos, muito conhecidas na história do Brasil e do mundo. Hoje, as mulheres ainda buscam conquistar um espaço igualitário na sociedade, apesar de já terem conquistado muita coisa. Veja como se encontra a posição da mulher no mercado de trabalho e o que ainda precisa ser conquistado.

1. Desigualdade de gênero
A principal dificuldade enfrentada pelas mulheres no mercado de trabalho é a desigualdade de gênero. Se a sociedade se apoia na ideia de que o homem é o detentor e provedor dos direitos da sociedade, fica mais difícil para a mulher acabar com o preconceito. A primeira batalha a ser enfrentada - e que, incrivelmente, ainda é uma luta recorrente nos dias atuais - é o direito de trabalhar fora de casa. Isso mesmo! Antigamente e, ainda hoje, existe uma visão social que restringe a mulher ao trabalho doméstico. A mulher é guiada a reprimir seus próprios anseios de descoberta  e crescimento profissional para ter responsabilidade pela organização de casa e jardim. As mulheres começaram a modificar essa situação, gradativamente, a partir da década de 70, período em que, de acordo com estatísticas, houve uma maior participação das mulheres no mercado de trabalho. Ainda assim, só a partir da década de 80 elas conseguiram ampliar seu espaço dentro do mercado de trabalho, além de conseguirem obter direitos como a assinatura na carteira de trabalho, por exemplo.

2. Áreas de atuação
Outra adversidade enfrentada pela mulher é o direito de atuar em qualquer área profissional. Algumas áreas são, até hoje, tidas como exclusividade do universo masculino. Isso também vem mudando aos poucos. As mulheres têm mais chances, no entanto, nas áreas julgadas como femininas, tais como costura, área da beleza, cozinha e cuidados com a saúde e bem-estar. Antigamente, a mulher até conseguia ingressar na área de enfermagem, por exemplo, mas tinha grandes barreiras se quisesse tornar-se médica. A Medicina é um campo de muitos privilégios e status e, consequentemente, muito mais aberto aos homens. Apesar de já existirem vários avanços nessa luta e as mulheres terem provado que são tão capazes quanto os homens de atuar em qualquer profissão, ainda existem, atualmente, algumas profissões que são proibidas para mulheres, tais como controladora da velocidade de trens, na Rússia, ou o absurdo de não poder ser artista na ilha de Madagascar. O fato é que a mulher vem alcançando cada vez mais espaço no mercado de trabalho, e pesquisadores apontam que a sociedade esteja, de fato, caminhando para uma sociedade mais igualitária, onde homens e mulheres terão o mesmo direito como cidadão e poderão, finalmente, ingressar em qualquer área de atuação sem sofrer com os efeitos da desigualdade, ainda tão presentes e visíveis em nosso país.

Compacto e autônomo: o aspirador vertical



Aspirador esfregão - uma novidade na categoria de aparelhos domésticos para limpeza. Ele pode ser usado para recolher poeiras e detritos, para refrescar o ar, e também para lavar e desinfectar vários tipos de superfícies. O aspirador de pó é constituído por uma cabeça de escova vertical, punho, equipado com um motor eléctrico, e filtros de despoeiramento.
Compacto, o dispositivo não ocupa muito espaço para guardar. Com a ajuda de aspiradores verticais ​​fazer a limpeza em um pequeno apartamento é muito simples.
Autonomia. A bateria interna torna o dispositivo independente de fonte de alimentação. Produtos sem fio são carregados a partir da rede eléctrica por meio de um adaptador ou de carregadores acoplados. A duração da bateria depende, da sua capacidade e do consumo de energia. Alguns modelos podem trabalhar por 60 minutos. Isso torna possível limpar as escadas e salas sem energia elétrica.
Ergonômico. A escova equipada com rodas, permite mover o dispositivo facilmente por toda da casa. Com formato aerodinâmico e uma ampla gama de cores, pesa cerca de 3 kg.
Preste atenção a força de sucção, consumo de energia, número de bicos, modos de limpeza e a presença de funções adicionais. Essas configurações afetam o preço do aparelho. O aspirador ciclônico sem saco (https://www.lojaideias.pt/pt/873-aspiradores-robos) foi concebido para a limpeza de superfícies diferentes. O colector de pó é como um saco de plástico de múltiplas camadas ou recipiente (tecnologia ciclone). Com função de Wet Clean, você não precisa se preocupar com líquidos derramados no chão ou nos móveis. O dispositivo absorve rapidamente a humidade da superfície, impedindo manchas e nódoas difíceis. Para prolongar a vida do instrumento, é necessário, depois do uso limpar o recipiente de pó, lavar e secar.
Com design "dois em um" está equipado com um módulo de limpeza compacto separado da alça. A julgar pelos comentários, pode facilmente limpar prateleiras de armários, gavetas e sofás, bem como na cabine e porta-malas do carro. Multifuncional, ele também cuida dos têxteis da casa. O dispositivo remove facilmente a poeira do tapete e estofados, impedindo a multiplicação de ácaros e bactérias nocivas. Com sua ajuda você também pode limpar, jaquetas, casacos, capas de chuva, cortinas, colchas e roupas de cama.

Conveniente e prático, o aspirador ciclônico sem saco Stick Duo Fácil 5006 não pode estar ausente na seção de pequenos electrodomésticos em sua loja. Entrega imediata!

2 em 1: aspirador manual e vertical
Eficiência energética: Classe A
Poderosa eficiente, leve e versátil
Ele funciona em todos os tipos de superfícies
Filtro Professional (máxima higiene)
Tecnologia sem saco ciclónico (fácil de esvaziar e lavar)
Estável na vertical
O contentor de lixo 1 litro
Nível de ruído: 80 dB
Filtro HEPA
Acessórios para limpeza de cantos
Acessórios para limpeza de pavimentos
Cabo telescópico
Cabo aprox:. 4,5 m
Tensão: 220-240V
Potência: 50 Hz
Potência: 800 W
Tamanho (versão piso) aprox:. 25 x 107 x 14 cm
Dimensões (versão manual) app:. 10 x 62 x 11 cm

Festa no cinema


Comemore seu aniversário no Cinesystem.

Faça uma pós-graduação na Estácio e aumente em até 25% o seu salário




Convênio com a Universidade de Harvard; Portfólio variado com 28 cursos presenciais e mais de 35 à distância.

Prefeito agradece o engajamento dos professores com a educação em Paulista



O Teatro Tabocas, no Centro de Convenções de Pernambuco, ficou lotado nesta sexta-feira (27.10) durante um encontro que reuniu mais de 400 professores da rede de ensino do Paulista. A abertura do evento, intitulado vivencia formativa, foi conduzida pelo prefeito Junior Matuto e pelo secretário de Educação Carlos Junior. Os gestores municipais aproveitaram ao dia de homenagem para agradecer o engajamento dos colaboradores do setor junto ao alunado e a comunidade escolar, o que tem resultado na melhoria dos indicadores do município na educação básica.




“Não adianta a gente contratar o melhor atacante e esquecer de reforçar a zaga porque, assim, o time vai perder o jogo. A mesma coisa acontece com a educação. Não adianta fazer investimentos em programas, revitalizar escolas e se não houve o engajamento dos professores. Afinal, são eles que, em parceria com os nosso colaboradores da secretaria, fazem o nosso município conquistar tantos avanços. Saio desse evento muito feliz por saber que a nossa rede municipal tem uma equipe de docentes tão compromissada”, enalteceu o prefeito Junior Matuto.  

Na mesma linha de raciocínio, o secretário de Educação, Carlos Junior, fez questão de frisar que o trabalho conjunto, envolvendo o corpo técnico da gestão e os professores, já conseguiu elevar os indicadores da educação. “Já tivemos um resultado muito positivo numa avaliação externa estadual, onde ficamos em 1º lugar nos Anos Finais e 4º lugar nos Anos Iniciais em relação aos demais municípios da Região Metropolitana. Esse indicador ficar ainda melhor se o recorte for feito em relação às cidades da área Norte da RMR, quando permanecemos na liderança e avançamos para o segundo lugar nos Anos Iniciais”, revelou. 
  
Os discursos dos gestores antecederam a palestra magna do evento, que foi conduzida pelo professor de Filosofia e Educação da Universidade Estadual de Campinas - SP (Unicamp), César Nunes. Pela sexta vez no ano em Pernambuco, e pela primeira vez em evento da Prefeitura do Paulista, ele abordou diversos temas e trouxe uma reflexão sobre o protagonismo do professor.

“O professor é o fiador do passado e o penhor do futuro. Ele é responsável por transmitir o saber acumulado pelo homem durante as gerações e por ensinar os jovens a sonhar com um amanhã mais promissor. E isso é uma tarefa fundamental para o crescimento e o desenvolvimento do País. Sabemos que no Brasil, o setor da educação nunca foi prioridade, e isso acarreta em condições ruins de trabalho, remunerações abaixo do piso, mas os professores não podem ficar apenas na contabilidade do sofrimento. É preciso agir diferente. A minha alegria é que ainda existem profissionais e governantes que fazem a diferença, como aqui em Paulista”, frisou o palestrante.

Além da explanação do docente da Unicamp, que encantou todos os presentes, o evento ainda teve um momento de descontração, com sorteio de brindes, e uma apresentação de dança com o grupo de balé do Recife. 


Fotos produzidas por Francisco Marques / Prefeitura do Paulista

Escola Padre Osmar Novaes é campeã na categoria de futebol dos jogos escolares do Paulista



Os jovens que participam do XVIII Jogos Escolares da Cidade do Paulista estão demonstrando muita animação, habilidade e respeito entre equipes. Na manhã desta sexta-feira (27), o time da Escola Padre Osmar Novaes ganhou de 2x1 do Colégio Fernando Ferrari, com essa vitória os garotos se tornaram os campeões da categoria de futebol de campo.

O confronto entre as equipes foi apenas durante a partida. Após um jogo bastante disputado, com direito a virada de placar, a postura dos garotos foi motivo de elogio. Ambos os times comemoraram entre si e parabenizaram um ao outro pelo desempenho. Os jogadores deram um show no campo e fora dele.

O goleiro da equipe vencedora, João Felipe, está no terceiro ano do ensino médio e exalava felicidade no final da partida. “Muito bom vencer, ainda mais no meu último ano na escola. Graças a Deus conseguimos ganhar essa competição” Ele ainda comentou sobre a postura amigável entre as equipes. “Dentro do campo é uma coisa, é jogo, mas quando saímos dele a amizade é a mesma, nos respeitamos independente do resultado”, finalizou.

Segundo o coordenador dos Jogos Escolares do Paulista, Alexandre Magno, a categoria de futebol de campo atraiu mais jovens que nos anos anteriores. “Nesse ano conseguimos aumentar o número de equipes participantes no futebol, mesmo a maioria das escolas tendo espaço apenas para futebol de salão.” O coordenador ainda comentou da atitude dos jovens ao término do jogo. “Ganhar é consequência do jogo, o importante é respeitar e valorizar o cidadão. O fortalecimento da cidadania é um dos pilares que sustenta os jogos”, pontuou.

O secretário de Políticas Sociais e Esportes, Augusto Costa, falou do papel social que a atividade tem. “Nós temos um déficit muito grande de esporte na cidade, mas a cada dia estamos recuperando a prática esportiva. O prefeito Junior Matuto tem conversado com a gente para que façamos esses investimentos, porque sabemos que o esporte é fundamental para reconstruir a juventude e tirá-