Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

AtuaAção pela Igualdade contempla mulheres do bairro de Jardim Maranguape





Maria Auxiliadora, 60 anos, comentou as melhorias que a iniciativa traz para vida das mulheres. “Esse programa é muito bom, por causa dos atendimentos à saúde e as palestras para as mulheres. Ele nos mostra que podemos nos impor, lutar pelos nossos direitos, nos cuidar e trabalhar nossa autoestima”, falou.

A técnica de enfermagem, Maria Aparecida Ferreira, foi uma das mulheres atendidas pelo programa e não escondeu sua satisfação com a atividade. “Gostei muito da palestra daqui e ainda conheci a história de Maria da Penha, pude descobrir essa história de coragem dela. Além disso, fiz limpeza de pele e eu também nunca havia feito mamografia e fiz hoje, para mim foi tudo ótimo, maravilhoso. A Prefeitura está de parabéns por realizar essas ações”, relatou.

A assistente social da Secretaria Executiva da Mulher, Adriana Mesquita, explicou a ação. “A gente trabalha com as mulheres no sentido de conscientização, fazemos palestras com temáticas voltadas ao combate à violência contra mulher e finalizamos com esse evento que é um momento de trazer um pouco de bem estar para o público feminino e promover a saúde”, contou.

Segundo a secretária Executiva da Mulher, Bianca Pinho Alves, a atividade auxilia as mulheres a se cuidarem e a entenderem os seus direitos. “Sabemos que as maiorias das mulheres, ainda hoje, cuidam de todos e se esquecem de cuidar de si. Então a Secretaria da Mulher se uniu com a Secretaria de Saúde para promover, a cada mês, em uma comunidade diferente, o programa AtuaAção pela Igualdade. Juntos levamos palestras, serviços de saúde e bem estar, para que as mulheres se empoderem e acreditem que elas têm seus direitos e que devem ser respeitados”, disse.


O AtuaAção pela Igualdade é um programa que tem como foco o da atenção integral à saúde da mulher, por meio dele são feitas oficinas e palestras dentro das comunidades, com as mulheres da localidade, onde são trabalhados os temas relacionados à gênero, os direitos das mulheres, o enfrentamento à violência, a Lei Maria da Penha e também são oferecidos serviços de saúde e bem estar.

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.