Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Messinho Marra é uma das atrações do Festival das Heroínas de Tejucupapo

Show acontece neste sábado (28)

O cantor Messinho Marra é uma das atrações deste sábado (28), na 23° edição do Festival das Heroínas de Tejucupapo, que acontece até o domingo (29), no distrito de Tejucupapo, em Goiana, na Região Metropolitana do Recife.
Messinho sobe ao palco do Pátio de Eventos, a partir das 23h50, e promete animar o público com seus principais sucessos como "Tô em Outra" e "Vida de Cachaça". 
SERVIÇO:
Messinho Marra no 23° Festival das Heroínas de Tejucupapo
Onde: Pátio de Eventos de Tejucupago, Goiana - PE
Quando: 28/04
Gratuito
As heroínas e o festival
Fonte: Site Goiana dos Caboclinhos
O festival celebra a valentia das mulheres que enfretaram a invasão holandesa no distrito, no ano de 1646. O povoado de Tejucupapo é um pequeno vilarejo distante 60 km da cidade de Recife. Os holandeses já haviam perdido quase todo domínio sobre o território pernambucano, e como se encontravam cercados e necessitando desesperadamente de alimentos, cerca de 600 deles, vindos da ilha de Itamaracá, tentaram ocupar Tejucupapo. 
Eles escolheram o domingo para realizar a investida, acreditando que a localidade estaria menos protegida, já que era nesse dia que os homens do vilarejo costumavam ir ao Recife, a cavalo, para vender nas feiras da capital os produtos da pesca. Mas foram frustrados em sua intenção porque a informação de que se aproximavam iniciou a reação da pequena e valente população local. Enquanto alguns poucos homens foram receber os invasores, a balas, as mulheres, escondidas em trincheiras, os atacaram com tachos e panelas de barro cheios de água quente e pimenta. Ao final, mais de 300 cadáveres ficaram espalhados pelo vilarejo.
O dia 24 de abril de 1646 é lembrado como o dia que em as mulheres travaram a batalha que expulsou os holandeses de suas terras. O combate ficou registrado como o primeiro em que mulheres foram à luta no Brasil. A batalha durou horas, mas as guerreiras do Tejucupapo saíram vitoriosas naquele dia.
-- 

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.