Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Oficina de atualização reúne Agentes de Combate às Endemias em mais dois encontros

Dando continuidade às oficinas de atualização dos Agentes de Combate às Endemias do município, a Secretaria de Saúde do Paulista promove mais dois encontros nesse mês de julho, no Bloco B do Centro Universitário Joaquim Nabuco, em Paulista. O primeiro deles ocorreu na manhã desta quinta-feira (26.07), e o próximo será nesta sexta (27.07). Estão sendo abordados assuntos sobre doenças como esporotricose, leishmaniose e animais sinantrópicos. 

O superintendente de Vigilância em Saúde do Pauslista, Fabio Diogo, destacou que os encontros mensais abordam assuntos pertinentes ao dia a dia dos ACEs nas comunidades, para que eles possam aprimorar o conhecimento e consiga transmitir da maneira mais didática para o cidadão. 

“No mês passado já tivemos o tema arbovirose, e nesse mês será sobre esporotricose, que é uma doença que está muito em alta, por conta de um fungo transmitido pelos gatos. Também vamos abordar sobre animais sinantrópicos, combatendo e controlando a população de escorpiões e roedores. E, por fim, a leishmaniose, que acomete tanto o homem quanto os animais por meio da picada de um mosquito”, explicou. 

A oficina abrange a totalidade dos Agentes de Combate às Endemias, no entanto, além deles, outros profissionais da Vigilância em Saúde também estão participando dos encontros. É o caso de Isabel Cristina Pereira, de 51 anos. Ela é ACE, mas está lotada na Vigilância. “Tem sido proveitoso, principalmente para quem não está atuando nesse momento como ACE, porque é a oportunidade de relembrar tudo que aprendemos na capacitação que tivemos anteriormente”, disse. 

A agente de endemias Márcia Galvão, de 43 anos, atua no bairro de Maranguape I, e também esteve nesse encontro. “Eu achei maravilhoso porque o trabalhador tem de ter a qualificação, tem de estar sempre se atualizando. Foi um presente que a nossa secretária Fabiana Bernart nos deu junto com a nossa associação”, elogiou Márcia.



De acordo com a presidente da Associação dos Agentes de Combate às Endemias do Paulista (AMACEPA), Luci Souza, até o final do ano, serão realizados dois encontros mensais com os ACE, divididos em duas turmas, abordando todas as endemias. “A gente precisa de uma atualização, precisa saber como o município trabalha com cada uma das endemias, e a gente entrou num acordo de fazer um projeto de educação continuada”, ressaltou Luci. Ainda segundo ela, os encontros reúnem em torno de 65 pessoas por dia. 

Fotos: Almir Martins/Prefeitura do Paulista

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.