Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Perdeu o cartão de vacinação? E agora? Saiba o que fazer para não ficar de fora da imunização

Como agosto foi o mês escolhido para a realização da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e a Poliomielite, a iniciativa foi amplamente divulgada nos meios de comunicação em todo o País. É nessa hora que muitas pessoas lembram das suas carteirinhas de vacinação ou se tomaram as vacinas ou não.
É importante guardar a carteirinha, diz o Ministério da Saúde, mas quem perdeu pode resuperar o registro ou até tomar as vacinas básicas do calendário novamente. Também é possível ir até um posto de saúde e tomar o imunizante mesmo sem a carteira em mãos. O importante é que ninguém deixe de tomar as vacinas porque perdeu a carteira.
O cartão de vacinação é o documento que comprova a situação vacinal do indivíduo, devendo ser guardado junto aos demais documentos pessoais.

Com o dia D marcado para 18 de agosto, a Secretaria de Saúde do Paulista espera imunizar cerca de 15 mil crianças. A campanha que começou no início de agosto segue até o dia 31, em todas as 52 unidades básicas de saúde, além de uma estrutura montada no Ecoparque das Paineiras, ao lado do Terminal Integrado de Passageiros Pelópidas Silveira, no Centro.



Seguem algumas dicas:
Perdeu a carteira de vacinação. Tem como recuperar?
Sim, responde o Ministério da Saúde. Quem perdeu o cartão de vacinação deve procurar o posto de saúde onde recebeu as vacinas para resgatar o histórico de vacinação e fazer a 2ª via da carteirinha.
Se eu não conseguir a 2ª via, qual a recomendação?
É possível tomar as vacinas novamente de acordo com a faixa etária e indicações. O Ministério da Saúde recomenda consultar o Calendário Nacional de Vacinação na Unidade Básica de Saúde ou no site do ministério.

Se eu chego no posto de saúde sem a carteirinha, consigo tomar as vacinas que eu preciso?

Caso não seja possível encontrar os registros anteriores, o Ministério da Saúde diz que qualquer brasileiro pode tomar as vacinas básicas novamente: seja na Unidade Básica de Saúde, seja em salas de vacinação pelo país.

Fonte: Ministério da Saúde

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.