Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Confira a Nova Lei Complementar que institui Semana de Ciência e Tenologia


O texto foi aprovado pela Câmara Municipal no dia 05/10 e sancionado pelo chefe do Executivo Junior Matuto no dia 06/10.

Paulista terá Semana Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação


Já está em vigor a Lei Complementar 4.740/2017, originária do Projeto de Lei Complementar n° 100/2017, de autoria do vereador Fabiano Paz (PSB), que institui a “Semana municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação no município de Paulista”.

O texto foi aprovado pela Câmara Municipal no dia 05/10 e sancionado pelo chefe do Executivo Junior Matuto no dia 06/10.

Nesta terça-feira (27.03), o vereador Fabiano Paz, juntamente com um grupo de secretários municipais, recebeu o diretor do Espaço Ciência, Antônio Carlos Pavão, no Ecoparque, na área central da cidade. Durante o encontro, o gestor do órgão estadual teve a oportunidade de conhecer a área de lazer e convivência do município para planejar um cronograma de ações. A ideia é que a parceria resulte na implantação de muitos experimentos para estudantes e a população.

"O objetivo da iniciativa é realizar um intercâmbio com várias ações ciências, tecnologias, inovação, sociais e ambientais. Essas medidas seriam desenvolvidas pelas organizações governamentais e não governamentais da Cidade e Estado", destacou Fabiano Paz.

A lei também prevê que, durante a “Semana municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação no município de Paulista”, será realizada a

Paixão de Cristo em Igarassu completa 33 anos

Prefeitura de Igarassu e Igreja Católica juntamente com o grupo Azerutan promovem a Paixão, que irá acontecer nos dias 31 de março e 01 de abril sempre a partir das 19h, no belo Sítio Histórico da cidade .
Tudo começou com o  Grupo Teatral Azerutan, um grupo artístico de Igarassu, que iniciou com Narciso Felix, mas conhecido como “Chefe Narciso”, em 1985, o qual promovia O Homem daquela sexta-feira que depois foi alterada para Paixão de Cristo de Igarass (ele também montou várias peças teatrais de sua autoria no Centro de Artes do município). O Homem daquela sexta-feira - Paixão de Cristo de Igarassu- inicialmente, foi encenado no Centro de Artes, nas igrejas e em algumas outras localidades do município como no histórico Engenho Manjope.
O Chefe Narciso levou para o povo de Igarassu um espetáculo com uma linguagem acessível, com cenários e figurinos elaborados pelo próprio grupo. Em 1997 o Grupo Teatral Azerutan recebe seu novo Diretor, Manoel Santos, apoiado pelo fundador Chefe Narciso, mantendo o nome o grupo e a tradição de encenar. O Grupo Teatral Azerutan com a direção, traz para Igarassu uma nova versão da Paixão de Cristo, que tomou as ruas do município, onde os casarios históricos serviam de cenários para o espetáculo, como: o convento de Santo Antônio (Santa Ceia), A Matriz dos Santos Cosme e Damião (Templo), o Museu Histórico (Palácio de Pilatos)e  Câmara dos Vereadores (Palácio de Herodes).
Em 2006, o Grupo passou a encenar o espetáculo na Avenida Marechal Hermes, no Sitio histórico tendo agora o gramado como arquibancada natural para o público que aumentava a cada ano. Para isso,  necessário o grupo elaborar um cenário próprio para se adaptar ao novo local de encenação.
A cada ano o grupo Teatral Azerutan vem se renovando para atender as expectativas do público. No ano de 2017 a Direção foi ampliada passando a ter outros membros, como: Manoel Santos (Diretor Geral), Francisco Fabiano (Vice-Diretor), Tiago Antônio (1º Secretário), Eraldo Luciano de Melo (2º Secretário) Suerick Bezerra de Andrade (Tesoureiro) e Diogo Antônio (Vice-Tesoureiro). Contamos também para o espetáculo de uma organizada equipe de produção geral que executam todas as cenas juntos com os 120 atores e figurantes, assim firmando uma tradição na Semana Santa do Município de Igarassu. Contamos com o apoio da Prefeitura Municipal,  através da Secretaria de Turismo e Cultura, URBI,  Comunicação, Secretaria Executiva de Eventos, Lazer e Juventude, Secretaria de Saúde e da Igreja Católica Apostólica Romana.
Hoje, o espetáculo Paixão de Cristo de Igarassu é o maior do litoral norte de Pernambuco com mais de 20 mil espectadores nos dois dias de eventos.


Secretário Wellington Batista participa de evento da Semana Santa com a associação dos servidores da agricultura



O secretário de Agricultura e Reforma Agrária (SARA), Wellington Batista, participou nesta terça-feira (27/03) de evento da Semana Santa promovido pela Associação de Servidores da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária (Assepra), que distribuiu peixes e vinhos aos associados. A entrega dos produtos acontece há cerca de vinte anos, marcando a celebração mais importante do calendário cristão. 

No total, foram entregues um 1 kg de peixe, além de uma garrafa de vinho, a cada um dos 300 associados. “A Páscoa é uma festa tradicional que tem grande simbolismo para nós, cristãos. É uma semana de reflexão, onde recordamos o momento da ressurreição de Jesus, a vitória da vida sobre a morte”, afirmou o secretário Wellington Batista. 

“Nosso objetivo é melhorar cada vez mais a vida das pessoas, por isso promovemos as datas comemorativas e entregamos “mimos” aos nossos associados”, comentou a presidente da Assepra, Teresa Veloso. Acompanham o titular da pasta da agricultura no evento o secretário executivo da Agricultura Familiar, José Cláudio; e a gerente de Recursos Humanos da SARA, Mary Anne Menezes Amando.


Crédito das fotos - Edilson Júnior/ Sara

Diálogo entre médico e paciente pode prolongar a sobrevida e melhorar a qualidade de vida


Atualmente, com a facilidade de acesso a informações na internet, é comum as pessoas chegarem ao consultório com muitas perguntas sobre o câncer e suas consequências. Entretanto, não é raro os dados atrapalharem por não se aplicarem exatamente àquele paciente. Diante disso, é importante que o médico assuma, também, o papel de ouvinte, colocando-se aberto ao diálogo e ao esclarecimento de dúvidas. Quanto mais informação o paciente possuir, maior será sua capacidade de decisão sobre o futuro, diante de um desfecho desfavorável, quando se tratar de doença incurável. Quanto mais ampla for a troca de informações (diálogo), mais fortalecida se tornará a relação médico-paciente.

Esse viés de comunicação é facilitado através de protocolos de abordagem chamados em inglês PalliativeCare (Cuidado Paliativo), que pode trazer uma ideia de “limitação de cuidado”, em que não se pode fazer muita coisa. Entretanto, essa ideia é bastante distante do que, de fato, o cuidado paliativo precoce pode oferecer. Dentre outras medidas previstas no cuidado paliativo precoce está a discussão sobre objetivos e metas de tratamento. Informações como prognóstico e desfecho devem ser bem discutidas, permitindo ao paciente participar da decisão sobre os passos a serem seguidos no seu tratamento, pesando prolongamento de sobrevida e qualidade de vida. A abordagem de cuidado paliativo precoce se demonstrou capaz de prolongar a sobrevida dos pacientes portadores de câncer de pulmão metastático, apesar de, surpreendentemente, receberem menos quimioterapia nas últimas semanas de vida.

O oncologista Gustavo Godoy, da Oncoclínica Recife, lançou recentemente o livro “Relação Médico Paciente: diálogo como ferramenta”, no qual explica os benefícios desse relacionamento interpessoal e dessa troca entre os profissionais e seus pacientes. “O cuidado paliativo precoce se tornou uma preocupação mundial, dados os seus benefícios. Sempre tive a preocupação com a relação médico-paciente e percebi que os pacientes demonstravam sincero agradecimento e cumplicidade no compartilhamento das decisões.”

O oncologista destaca que o cuidado paliativo precoce é promovido por uma equipe multidisciplinar, identificando as necessidades específicas tanto do paciente quanto de seus familiares, diante de uma doença que ameace a vida. “O cuidado paliativo precoce busca aliviar a dor entre outros sintomas. Além disso, são utilizadas abordagens para permitir a autonomia e a dignidade do paciente”, explica Gustavo.

RME foca em diversidade e protagonismo feminino em evento


A edição especial do Café com Empreendedoras conta com programação diferenciada, mentorias, conhecimento e inspiração

No próximo dia 29 de março, a Rede Mulher Empreendedora realizará a 64ª edição do seu tradicional Café com Empreendedoras, trazendo uma programação especial em homenagem ao mês das mulheres. O evento acontecerá no Teatro FECAP, das 9h às 13h e contará com palestras de nomes como Priscilla de Sá, jornalista e palestrante sobre Liderança Feminina; e Fernanda de Lima, única mulher a liderar uma corretora de investimentos no Brasil.
Uma das atrações será um painel sobre diversidade no empreendedorismo, com a presença de Maite Schneider, fundadora da Transempregos; Mirela Goi, fundadora da Ma Sweet Cases Forminhas; e Patrícia Santos, fundadora da Empregueafro. Esta edição contará também com mentoras, que estarão disponíveis para atender as participantes, atividade que acontecerá simultaneamente com as palestras e o painel.
Outro ponto alto do evento será o anúncio da abertura do primeiro edital de aceleração da W55, primeira aceleradora focada em auxiliar negócios liderados por mulheres. A instituição, fundada por Ana Fontes, fundadora também da RME e Fernanda de Lima, CEO da Gradual Investimentos, também disponibilizará, em breve, aulas online para capacitação e um fundo de investimentos focado em negócios pertencentes a mulheres.
Haverá também espaço de expositores, com venda de comidas tradicionais Sírias da refugiada Muna Darweesh; e ações de marca com empresas como a Mastertech e Life Mix. São esperadas 400 pessoas presentes.

Sobre o evento
O Café com Empreendedoras é um evento que acontece em todo o Brasil, por meio do programa de Embaixadoras da Rede Mulher Empreendedora, visando levar inspiração, conteúdo e networking para empreendedoras em todas as etapas de negócio, desde as que estão pensando em abrir o próprio empreendimento, até aquelas mais experientes. Em São Paulo, o evento acontece uma vez por mês e alcança em média 200 mulheres a cada edição.

Serviço
64º Café com Empreendedoras de São Paulo
Data: 29/03/2018
Local: Teatro FECAP – Avenida Liberdade, 532
Horário: das 9h às 13h

Vem Pra Rua convoca atos em todo o Brasil para o dia 3 de abril


Vem Pra Rua convoca atos em todo o Brasil para o dia 3 de abril

Protestos são agendados para um dia antes do STF decidir sobre o HC do ex-presidente Lula; em São Paulo protesto acontece na esquina da Avenida Paulista com a Rua Pamplona, palco de manifestações pelo impeachment

O Vem Pra Rua convocou atos pacíficos em todo Brasil para o próximo dia 3 de abril, um dia antes do STF (Supremo Tribunal Federal) decidir o futuro do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, já condenado em segunda instância a 12 anos e um mês de prisão pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federa da 4ª Região). Até a manhã desta terça-feira (27/03), pelo menos 48 cidades de 14 estados da federação já tinham confirmado adesão aos protestos.

O povo brasileiro quer o fim da impunidade e a manutenção das prisões após condenação em segunda instância, uma das ferramentas encontradas pela Operação Lava Jato para combater a impunidade dos saques de R$ 6 bilhões feitos por corruptos nos caixas da Petrobrás, uma empresa que pertence ao Brasil.

Com o slogan “Ou você vai, ou ele volta!”, o Vem Pra Rua vai mobilizar o restante dos estados brasileiros e a população que defende a democracia, o combate à corrupção e uma justiça que seja imparcial e igual para todos. Outros grupos defensores da democracia já aderiram aos atos do dia 3.

Em São Paulo, cidade que reuniu milhões de pessoas em defesa do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), o ato acontece a partir das 18h, na esquina da Avenida Paulista com a Rua Pamplona.

Nas últimas semanas o Vem Pra Rua se mobilizou de várias formas: encaminhou uma carta aberta ao Supremo, se reuniu com a ministra Cármen Lúcia, presidente do STF, a quem relatou a indignação dos brasileiros ao ver um réu condenado andar livremente pelo país.

O Vem Pra Rua entende que rediscutir as prisões após condenação em segunda instância pode não só beneficiar o ex-presidente Lula como também todos os outros investigados e condenados por crimes de corrupção que travam o desenvolvimento do Brasil, além de criminosos de outras naturezas, sendo algo oportunista e inadequado – em especial neste momento em que o país busca renovação.

ECONOMIA – Senador Fernando Bezerra pede que governo reduza juros de cartão de crédito e cheque especial



Brasília, 27/03/18 – Vice-líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) defendeu hoje (27) que a Casa Civil e o Banco Central trabalhem para a redução dos juros do cartão do crédito e do cheque especial de forma nivelada a taxas praticadas por outros países. Ao lembrar que desde o início do governo Temer (maio de 2016) tais juros caíram de mais de 400% para próximo de 300% ao ano, o senador classificou como “ainda absurdos” os juros cobrados no Brasil. “Apesar do esforço do governo para reduzir este custo, as taxas continuam muito altas, não há justificativas para serem maiores que 100% ano, atingem a classe média e os trabalhadores e afetam diretamente a produtividade e a economia”, afirmou o vice-líder, na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado.

Nesta terça-feira, o colegiado recebeu o chefe da Casa Civil da Presidência da República, Eliseu Padilha. Durante audiência pública, o ministro prestou contas do andamento das ações coordenadas pelo governo federal que afetam a agenda da produtividade e da melhoria de negócios no país. Ao definir a política econômica como “vitoriosa” e observar que o governo conseguiu reduzir tanto a inflação (de mais de 10% para menos 3%) como também a Selic (taxa básico de juros, que baixou de 14% para 6,5%), Fernando Bezerra ainda sugeriu a Eliseu Padilha que o Executivo implemente políticas públicas voltadas à desconcentração bancária.

“O Brasil, do tamanho que é e sendo a nona economia do mundo, tem mais de 90% dos depósitos bancários concentrados em cinco instituições financeiras”, observou o senador. Conforme explicou Bezerra Coelho, o aumento da competividade entre os bancos resultará na redução das taxas de juros. “Em benefício do cidadão e do consumidor brasileiro”, ressaltou.

Segundo informou Eliseu Padilha, o Banco Central “está atento” e tem adotado uma série de medidas para diminuir o custo do crédito no país. De acordo com o ministro, incentivos e novidades para o cheque especial como também mudanças relacionadas a cartão de crédito – especialmente, para o crédito rotativo – serão anunciados no próximo mês de abril. 

GASTOS PÚBLICOS – Durante a audiência pública na CAE – da qual também participou o secretário-executivo da Casa Civil, Daniel Sigelmann – o senador Fernando Bezerra Coelho também elogiou as medidas adotadas pelo governo para a simplificação tributária e a limitação dos gastos públicos; principalmente, por meio do Teto dos Gastos, aprovado pelo Congresso Nacional em dezembro de 2016. “A constatação é simples: os governos gastam mal e a população, além de saber disso, não aceita mais pagar tantos impostos”, destacou o vice-líder. “É preciso que se tenha qualidade dos gastos para que a conta dos maus gastos não seja, indefinidamente, transferida para o cidadão, seja por meio do aumento de impostos ou da dívida pública do país ou, ainda, com a volta da inflação, que tanto penaliza os mais pobres”, pontuou.

Ao analisar as ações de desburocratização apresentadas pelo ministro Eliseu Padilha, o senador elogiou o DigiSUS – ferramenta de simplificação, digitalização e informatização do Sistema Único de Saúde. “O orçamento da Saúde é de R$ 100 bilhões por ano e só com uma medida como esta será possível reduzir a despesa pública em R$ 20 bilhões e sem cortar as despesas com hospitais, medicamentos e de lugar nenhum”, observou Fernando Bezerra.

DESENVOLVIMENTO REGIONAL – Incansável defensor da redução das taxas de juros dos Fundos Constitucionais de Financiamento do Norte, Nordeste e Centro-Oeste como instrumento de desenvolvimento das regiões mais carentes do país, o vice-líder solicitou ao ministro Padilha que o governo regulamente a fixação dos novos índices para estes fundos. A medida permitirá a utilização do Coeficiente de Desenvolvimento Regional (CDR) como um redutor incidente sobre as taxas do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). 

O CDR levará em consideração a renda percapita das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, fazendo com os juros dos Fundos Constitucionais fiquem menores. “Isto vai animar a economia nestas regiões, contribuindo para o equilíbrio entre as federações e a retomada do crescimento econômico do país”, disse Fernando Bezerra, ao lembrar que o Banco do Nordeste (BNB) aguarda a regulamentação do Coeficiente para agilizar financiamentos em um volume de R$ 20 bilhões disponíveis no BNB.

A regulamentação do CDR, conforme informou Eliseu Padilha, será feita por decreto presidencial. A publicação da norma, segundo o ministro, aguarda a divulgação de dados do IBGE, no próximo dia 31 de maio, para a definição detalhada do Coeficiente de Desenvolvimento Regional.

Após AVC, paciente da UPAE Garanhuns diz que nasceu de novo com apoio da Unidade de Saúde


"Tem gente que não acredita que recebi todo este tratamento e carinho na UPAE Garanhuns"
- Givanildo Almeida


O motorista de caminhão Givanildo Alves de Almeida, 54 anos, exercia seu ofício quando sofreu um Acidente Vascular Cerebral, há cerca de dois anos, nas estradas do Sertão. Foi levado para a Capital Pernambucana, onde ficou internado quase um mês. Retornou para Garanhuns, desiludido, sem esperanças que pudesse voltar a ser o Givanildo, extrovertido, que sempre foi. Engano do nosso personagem desta matéria.

Givanildo foi encaminhado para a UPAE Garanhuns, e agora a história é outra. "Hoje eu sou um exemplo para os outros pacientes", avisa logo. Desde 2016 Givanildo e sua esposa Maria Vanda estão semanalmente na Unidade. "Quando não venho, eu sinto falta. Conheço todos aqui. Essas doutoras são uns anjos", referindo-se a Anaírda Fernandes, Fonoaudióloga, e Andressa Ferro, Terapeuta Ocupacional, que fez um trabalho de reabilitação motora por mais de um ano com o paciente.

Na UPAE Garanhuns, Givanildo também já passou por Oftalmologista, Neurologista, Cardiologista, Urologista, Dermatologista e Psicólogo. "Quando ele chegou na UPAE não se movimentava, não sentava, não falava, estava em cadeira em rodas, bastante debilitado físico e emocionalmente. Chorava bastante" _ registra Anaírda Fernandes. 

A sequela do AVC é percebida ainda no caminhar e no falar, mas Givanildo já faz caminhadas no parque, anda de bicicleta, pilota moto e até já dirige seu carro. Quanto à fala, o paciente está recebendo alta do grupo de Motricidade Oral, que acontece semanalmente na unidade, pois seu desenvolvimento foi muito satisfatório, e agora é preciso dar lugar a outra pessoa necessitada deste cuidado. Givanildo voltou a ser aquele Givanildo bom de conversa.

Perguntado o que a UPAE Garanhuns representou em sua vida, não pensou duas vezes: "Nasci de novo aqui!". 


Para saber mais:
UPAE Prof. Antônio Simão dos Santos Figueira
Rodovia BR 423 km 96,8 - Magano - Garanhuns - PE
Coordenação Geral: Dr. Gustavo Amorim
Fone: (87) 3764.9000

Encenação da Paixão de Cristo traz encanto e emoção nos bairros do Paulista


O município do Paulista na Região Metropolitana do Recife, mantém as tradicionais apresentações da Paixão de Cristo na Cidade durante a Semana Santa. Ao todo, serão três espetáculos em dois bairros, duas em Jardim Paulista Baixo e uma em Maranguape II. As festividades contam com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cultura do Paulista.

Celebrando 31 anos de existência ininterruptos no bairro de Jardim Paulista Baixo, a apresentação que acontecerá na Praça da Encenação, na Avenida “C”, próximo ao Senac. Será apresentado nos dias (30.03) e (31.03), a partir das 20h. A representação é realizada pelo Grupo Coletivo Roda Mundo, ao todo 70 profissionais estarão envolvidos na organização do evento, entre atores, técnicos, figurantes e colaboradores.

Já na Praça Aníbal Fernandes, no mesmo bairro, que fica localizado na Avenida Tancredo Neves. O espetáculo comemora seu nono ano de existência. Apresentação é organizada pelo Grupo Teatral Nós Quatro, e será apresentado em três dias, na Quinta-feira Santa (29.03), na Sexta-feira da Paixão (30.03) e no Sábado de Aleluia (31.03), a partir das 19h. Com 63 profissionais envolvidos dentre eles, crianças de escolas do município, artistas da cidade e também atores convidados.

“Uma das novidades da Paixão de Cristo na Praça Aníbal Fernandes, é a participação especial do professor de dança Alex Barrozo e do ator Antônio Matos, como Pilatos, ele participou de novelas na TV. Além dos efeitos especiais” ressaltou Heleno Torres, mais conhecido como Junior da Paixão.

Em única apresentação no bairro de Maranguape II, na sexta-feira (30.03), a partir das 19h, na Praça José Lopes de Araújo, na Avenida A, perto da Associação de Moradores. Celebrando sua maturidade com 18 anos de existência, o espetáculo será apresentado pelos jovens do Grupo de Arte e Cultura Unidos pela Fé (Gacuf), da Capela Jesus Redentor. Todas as encenações são gratuitas.

Conjuntivite: crescimento em Pernambuco e como é transmitida

Primeiros meses do ano têm grande aumento no número de doenças no Estado


De acordo com a Secretaria de Saúde de Pernambuco, o número de pessoas afetadas com conjuntivite entre janeiro e março deste ano cresceu 351% em relação ao mesmo período de 2017. Nesta época, ocorre o aumento de casos por conta do período de volta às aulas e pós-carnaval, devido às aglomerações. Para a oftalmologista do Instituto de Olhos Fernando Ventura, Catarina Ventura, a conjuntivite tipo viral é a mais comum e precisa de uma atenção especial.

“A principal forma de contágio dela é no toque. Pegar na mão, usar a mesma caneta de uma pessoa contaminada ou tocar na maçaneta da porta após um contaminado passar por ali são alguns exemplos de transmissão da doença. Às vezes uma pessoa está com conjuntivite, nem sabe e acaba transmitindo”, explicou a médica.

De acordo com Catarina, a conjuntivite viral dura, em média, 5 ou 7 dias. Entre os diversos sintomas, os mais conhecidos são vermelhidão dos olhos, coceira e dor, sensação de areia na vista, fotofobia (hipersensibilidade à luz), secreção nasal, inchaço nas pálpebras e visão embaçada. 

“A conjuntivite viral não tem um tratamento específico. Uma bactéria, por exemplo, a gente vai tratar com antibiótico. Já a viral, temos que esperar o tempo de doença dela, só tratando com sintomáticos, que é a higiene das mãos, soro gelado, compressas e lubrificantes”, acrescentou Ventura.

Segundo a especialista, as pessoas com conjuntivite devem:
- Evitar aglomerações
- Lavar o rosto e olhos com frequência
- Não coçar os olhos
- Usar toalhas de papel para enxugar rosto e mãos
- Lavar toalhas e fronhas todos os dias

Valorize a vida, revise seu veículo antes de pegar a estrada nesse feriado


A Semana Santa é tradicionalmente garantia de folga prolongada para os brasileiros, que optam muitas vezes pelas estradas no feriadão. Tão valioso quanto escolher o destino, reservar hotéis e definir os passeios, é fazer a revisão no veículo antes de viajar. Por isso a secretaria de Mobilidade e Administração das Regionais decidiu separar algumas dicas que vão te ajudar a manter a prudência no trânsito.
Ter o devido cuidado com a conservação e o bom funcionamento do seu meio de transporte é essencial para uma viagem segura. Não podemos esquecer que essa é uma das principais maneiras de evitar acidentes. Com as peças em perfeito estado, o desempenho do seu veículo certamente será mais eficaz, garantindo assim a segurança da sua família na estrada.
Outros benefícios também são assegurados quando o condutor se preocupa com a inspeção do automóvel, como o racionamento do combustível e a diminuição no tempo de resposta a situações de emergência. De acordo com o Departamento de Trânsito (Detran), com revisão e manutenção, a chance de um veículo se envolver em um acidente é três vezes menor.
“Para transitar com segurança, é preciso que os componentes e peças do automóvel estejam em perfeito funcionamento. Caso contrário, o risco de problemas aumenta consideravelmente. É recomendável que essas revisões sejam feitas a cada 10 mil quilômetros rodados ou seis meses”, frisou o agente de trânsito, Ícaro Barbosa.
A seguir, você confere a lista com os itens mais importantes a serem examinados em uma revisão: pneus, alinhamento e balanceamento, sistema elétrico, para-brisa, equipamentos de segurança, freios e fluidos.
Lembre-se que é importante realizar esses procedimentos em um profissional da sua confiança. Agora sim, com todos os itens checados, você enfim está apto a viajar. Procure abastecer antes de sair e aproveite o feriado com muita paz e harmonia.

Paulista prorroga prazo para censo do servidor


Os servidores da Prefeitura do Paulista que ainda não realizaram o recadastramento funcional devem ficar atentos. O prazo estabelecido pela Secretaria Municipal de Administração para os retardatários foi prorrogado até a próxima quarta-feira (04.04). Quem deixar de fazer o procedimento terá os rendimentos/proventos bloqueados até que a situação seja regularizada.

O censo é destinado aos servidores ativos, inativos e pensionistas. Para realizar o recadastramento é preciso se dirigir até a Secretaria de Administração (Rua da Mangueira, número 05, Aurora). O horário de atendimento acontece das 08h às 12h e das 13h às 17h.

Confira os documentos obrigatórios:

CPF;
Documento de identificação com foto;
Carteira de Trabalho (CTPS);
Certidão de Tempo de Contribuição (se possuir);
Comprovante de endereço residencial;
Comprovante do PIS/PASEP ou NIT;
Certidão de Casamento ou de União Estável;
Certidão de Nascimento dos dependentes menores de 18 anos;
Atestado Médico em caso de filho incapaz.
  

Instituto InterCement leva curso online de capacitação para comunidades de Apiaí (SP), Bodoquena (MS) e Brumado (BA)

Curso é realizado via aplicativo de WhatsApp, com tutores e conteúdo exclusivo de empreendedorismo e inovação

Com o intuito de fomentar a participação social e o desenvolvimento de propostas que promovam melhorias comunitárias, o Instituto InterCement, em parceria com o Instituto Meio, está realizando o curso "Sonho de uma Comunidade Melhor". A iniciativa é direcionada a moradores e lideranças locais, das cidades brasileiras onde a InterCement está presente, que tenham alguma ideia de ação que contribua para a superação de um desafio local.
O curso traz aulas gratuitas sobre empreendedorismo, inovação e planejamento. Todas as atividades são realizadas pelo aplicativo WhatsApp, explorando todos os recursos dessa ferramenta, onde os alunos têm orientação de um tutor, o que garante a interatividade nas temáticas abordadas.
Iniciado em março, a primeira etapa do curso foi disponibilizada para moradores das cidades de Apiaí (São Paulo), Bodoquena (Mato Grosso do Sul) e Brumado (Bahia), com 34 vagas para cada localidade. Durante a formação, os participantes têm acesso aos conteúdos e orientações para estruturar suas ideias em objetivos tangíveis. O curso é dividido em duas fases: a primeira visa qualificar os participantes na definição dos objetivos tangíveis e a segunda oferecer ferramentas de planejamento para realizá-las.
"A partir de nossa atuação nos municípios, em parceria com os Comitês de Desenvolvimento Comunitário (CDCs), percebemos que as pessoas têm muitas ideias para transformar a comunidade onde vivem em um ambiente dinâmico, criativo e pleno de oportunidades, mas elas precisam de apoio para estruturar as ideias em ações concretas e é aí onde o curso Sonho de uma Comunidade Melhor entra " explica Jair Resende, superintendente do Instituto InterCement.
A experiência acumulada nesta primeira fase servirá de base para a expansão da iniciativa, em maio deste ano, para mais 10 cidades: Cajati (SP), Candiota (RS), Campo Formoso (BA), Cezarina (GO), Ijaci (MG), João Pessoa (PE), Nova Santa Rita (RS), Pedro Leopoldo (MG), Santana do Paraíso (MG) e São Miguel dos Campos (AL).
Para saber mais e de outras ações acesse: http://institute.intercement.com/
Sobre InterCement
A InterCement é a segunda maior empresa cimenteira do Brasil e uma das 10 maiores produtoras de cimento de perfil internacional do setor. Com sede em São Paulo, a companhia conta com 40 fábricas de cimento e moagens distribuídas por oito países na América do Sul, Europa e África e entre suas controladas estão a Loma Negra, maior cimenteira da Argentina, e a portuguesa Cimpor. No Brasil, possui as marcas Cauê, Goiás, Zebu e Cimpor. Fundada em 1967, a empresa tem como missão "Crescer e desenvolver-se em conjunto com clientes, colaboradores, fornecedores, acionistas e comunidades, direcionados por inovação, sustentabilidade e excelência operacional" e cimenta a sua presença nas comunidades em que se insere por meio da ampla atividade do Instituto InterCement.
Sobre Instituto InterCement
O Instituto InterCement, criado em julho de 2015, é responsável pelas estratégias de investimento social privado da InterCement, desenvolvendo, em conjunto com os municípios, iniciativas que visam apoiar as potencialidades locais contribuindo para o desenvolvimento comunitário. Todas as iniciativas sociais buscam equilibrar os aspectos econômico, social e ambiental, além de promover o fortalecimento dos vínculos comunitários. A articulação em cada cidade se dá através dos Comitês de Desenvolvimento Comunitário (CDCs), que contam com representações do poder público, sociedade civil e empresas. O objetivo é desenvolver o empoderamento das pessoas e comunidades, de forma a "fazer diferente e fazer a diferença".

Após suspensão, DENATRAN esclarece dúvidas sobre Placas Mercosul

O Departamento Nacional de trânsito- DENATRAN, suspendeu temporariamente, por 60 dias, a Resolução 729, que determinada a implantação do novo modelo de placas de veículos Padrão Mercosul no Brasil. Segundo o diretor do departamento, Maurício Alves, a suspensão será utilizada para fazer pequenos ajustes no texto da norma.
Com o intuito de esclarecer todas as dúvidas relacionadas a implantação das Placas Mercosul no Brasil, o DENATRAN elaborou um texto com perguntas e respostas com link no site e acesso disponível para todos.
Segue link e abaixo perguntas e respostas do DENATRAN:

1.    Atualmente, como é estipulado o preço da placa? E o que muda em relação a definição dos valores com a nova placa?
- Segundo informações dos DETRANs, que atualmente credenciam as empresas fabricantes/estampadoras, não há um tabelamento nos preços das placas veiculares, é o próprio mercado que regula os valores através da livre concorrência.