Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

DEPUTADO MARINALDO ROSENDO HOMENAGEIA TRIBO XUCURU, NO DIA DO ÍNDIO



Antecipando as comemorações dos 138 anos do município de Pesqueira, nessa quinta-feira comemora-se o Dia do Índio. Sabendo da importância dos povos indígenas no Estado, o deputado Marinaldo Rosendo parabeniza a comunidade da tribo Xucuru, que fica localizada em Pesqueira, em homenagem a todas as tribos indígenas no Estado. 

Hoje, segundo a Fundação Nacional do Índio (Funai), Pernambuco contém dez povos indígenas, nos municípios de Águas Belas, Pesqueira, Buíque, Cabrobó, Inajá, Petrolândia, Jatobá, Tacaratu, Floresta e Carnaubeira da Penha, cuja população passa de 25 mil, remanescentes dos povos indígenas que primitivamente habitavam no Estado.

Campus da UFPE em Goiana muito perto de virar realidade


Severino Ninho luta pela implantação da Federal no Litoral Norte desde 2011, quando assumiu o mandato de deputado pela primeira vez


A implantação do campus da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) em Goiana, prestes a virar realidade, é fruto de articulação de 
Severino Ninho. Desde 2011, quando assumiu o mandato legislativo pela primeira vez, que ele luta para trazer, ao Litoral Norte, uma unidade acadêmica da Federal. A novidade da instalação foi comunicada pelo reitor Anísio Brasileiro.  


O sonho de trazer a Federal ao Litoral Norte vai beneficiar jovens que disputam espaço no mercado de trabalho da região, composto por polos cervejeiro, de montadoras e de empresas da área fármaco-química. “O campus vai legar, a essa juventude, a chance de um futuro melhor, com mais oportunidades", afirma Severino Ninho. 


Em fevereiro de 2012, Ninho encaminhou a Indicação 2743 ao então ministro da Educação, Aloísio Mercadante, solicitando o campus. Depois, em junho de 2016, através da Indicação 2331, Severino Ninho reiterou ao ministro da Educação, Mendonça Filho, o pedido para a construção do campus do Litoral Norte. Seis meses depois, o parlamentar entregou pessoalmente, a Mendonça Filho, a proposta de criação da unidade acadêmica.


Ninho foi recebido, em abril de 2017, pela vice-reitora da UFPE Florisbela Câmara e pelo pró-reitor de Planejamento, Orçamento e Finanças, Thiago Neves, que deram apoio à proposta e se comprometeram em elaborar o projeto acadêmico de criação do campus. Em fevereiro deste ano, o reitor da UFPE, Anísio Brasileiro, durante o seminário Movimento Pernambuco pela Educação, anunciou a implantação da Federal a partir de 2019. Mendonça Filho confirmou o anúncio neste mês de abril, em Goiana.


Inicialmente, em 2019, serão oferecidos os cursos de bacharelado em ciências e tecnologia, planejamento e gestão de território e licenciatura interdisciplinar em ciências da natureza. A partir de 2022, o campus passará a ofertar mais quatro cursos de engenharia: urbana e ambiental, de computação, eletrônica e de energia.

Programa Cuidar Primeira Infância chega ao CEMEDE no Engenho Maranguape


Aproveitando a Semana Nacional do Livro Infantil, o Centro de Educação Municipal e Desenvolvimento Infantil Irmã Linda (CEMEDE), localizado na Comunidade Chega Mais, no Engenho Maranguape, recebeu, nesta quarta-feira (18.04), as atividades do Programa Cuidar Primeira Infância. Acolher às famílias e garantir atendimentos em prol do melhor desenvolvimento infantil é o grande objetivo do programa. A iniciativa  é fruto da parceria entre as secretarias de Educação, Saúde e Políticas Sociais. 
Uma cantiga de roda foi formada com todos que estavam presentes ao evento. Além de atividades lúdicas como contação de histórias, apresentação de fantoches e danças também alegrou a criançada. Já para os pais, foram oferecidas palestras informativas, oportunidade de esclarecer dúvidas e bate papo com o secretário de  Educação Carlos Júnior.
 Com o foco na Semana da Voz, celebrado no último dia 16 de abril, fonoaudiólogos prestaram atendimentos às crianças e também compartilharam dicas para a equipe de apoio do CEMEDE.  Além disso, dentistas, psicólogos, fisioterapeutas e clínico geral atuaram com serviço na comunidade.
A gestora do CEMEDE, Débora de Araújo, que trabalha há cinco anos na unidade. Atualmente, ela está a frente do Centro e comentou sobre a importância da unidade. “O trabalho em conjunto com as três secretarias facilita o acesso aos atendimentos para as famílias. É importante nos unirmos pelo mesmo propósito que são as crianças”, concluiu a gestora.
A dona de casa Conceição Ferreira, mãe do Pedro Tiago de quatro anos, contou que o filho permaneceu na unidade até o ano de 2017. Ela disse que seu sentimento é de gratidão pelo atendimento que ele recebeu.  “O meu filho saiu daqui preparado para a escola. Hoje é um menino educado por conta dos ensinamentos que teve na unidade. Até hoje nós temos contato com a equipe e eu sou muito grata pelo atendimento que proporcionaram ao Pedro”, destacou Conceição.
O secretário de Educação, Carlos Júnior aproveitou a oportunidade para conversar com as famílias e com toda a equipe da unidade. “O programa contribui na estruturação levando até as famílias serviços importantes para o avanço escolar. A gestão acredita que a educação das crianças é construída primeiramente com a família em parceria com a escola”, afirmou o gestor.

Zona Azul do Paulista segue oferecendo comodidade à população


Devido à alta demanda por vagas no centro do Paulista, a gestão municipal decidiu implantar o sistema de estacionamento rotativo, popularmente conhecido como Zona Azul, que garante maior democracia na hora de encontrar lugares para estacionar.
O município conta no momento com 745 vagas, reservadas para carros e motos, todas distribuídas na região central da cidade. Desse total, 5% são destinadas aos idosos, outros 2% às pessoas com deficiência. O serviço funciona de segunda a sexta feira, das 08h às 18h, e aos sábados, das 08h às 13h. O período máximo de parada é de duas horas.
A Prefeitura oferece 14 pontos de venda para a aquisição dos tickets de estacionamento, além de 12 monitores identificados nos locais de parada. O usuário também pode realizar a compra do crédito pela internet e até mesmo visualizar as vagas disponíveis.
O chefe de planejamento de trânsito e transporte da cidade, Renato Cândido, garantiu que esse serviço impactou profundamente na mobilidade urbana da população. “Com a implantação do estacionamento rotativo, conseguimos resolver diversos problemas, como, por exemplo, a democratização das vagas. Muitas pessoas reclamavam da falta de opção de estacionamento no cen