Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Socorro Pimentel cobra recuperação de rodoviárias do Estado

A deputada do PTB fez um apelo ao Governo do Estado para que adote medidas efetivas para a recuperação dos terminais rodoviários de Pernambuco, ou estabeleça parcerias a fim de que os municípios possam administrá-los. A parlamentar ressaltou que a empresa Socicam, contratada pela Empresa Pernambucana de Transporte Intermunicipal, devolveu ao Estado as rodoviárias de Gravatá, Salgueiro Limoeiro, Araripina, Palmares e Petrolândia.


Gead Recife promove Caminhada Pernambucana em comemoração ao Dia Nacional da Adoção

Proposta é mostrar a sociedade que crianças e adolescentes têm direito a uma família 


O Grupo de Estudos e Apoio à Adoção (Gead Recife) e vários outras entidades que lidam com a temática promovem, no domingo (20.05), a 8.ª Edição da Caminhada Pernambucana pela Adoção. A concentração será, às 9h, na Praça da República. Os participantes seguirão até o Marco Zero, no Bairro do Recife. Até 2017 o evento ocorria na Avenida Boa Viagem. 

A iniciativa faz parte das comemorações do Dia Nacional da Adoção, que transcorre no dia 25 de maio. Na ocasião, em todo o Brasil, os grupos de apoio à causa realizam ações para promover o debate e a compreensão do processo adotivo como fenômeno comum das relações humanas, imprescindível para construção de todas as famílias. A ideia também é reforçar as questões do direito das crianças e adolescentes à convivência familiar e comunitária. 

 Entendemos que é um evento importante para trazer a reflexão sobre a atitude adotiva, desmitificando alguns mitos e contribuindo para a construção de uma sociedade inclusiva e que respeita as várias configurações familiares”, afirma a presidente do Gead Recife, Juliana da Paz. A instituição é uma organização civil sem fins lucrativos e funciona desde 1997.   

Equipes de saúde do Paulista intensificam combate à dengue e outras endemias no Cemitério Campo Santo São José


A Prefeitura do Paulista, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, realizou na manhã desta terça-feira (08.03) uma grande operação com foco na eliminação de criadouros do mosquito Aeds Aegypti, no Cemitério Campo Santo São José. Além de intensificar a luta contra o inseto que transmite a dengue, chikungunya e zika vírus, a iniciativa foi voltada ao combate de roedores e escorpiões.
Na ocasião, os agentes de combate a endemias da cidade vistoriaram a área interna do cemitério, no intuito de identificar possíveis recipientes com água acumulada. Todos os vasos, floreiras, estátuas e porta velas passaram por um processo de limpeza e dedetização, garantindo a prevenção de enfermidades no local.
Um dos coordenadores da iniciativa, João Cabral de Mendonça, salientou que a população tem um papel fundamental na construção de um ambiente íntegro para visitações. “Tudo fica mais fácil quando a população age em conjunto com o poder público. Estamos aqui hoje para monitorar e reparar os locais que possam oferecer risco a saúde dos que visitam seus entes queridos. Porém, é de grande importância que essas mesmas pessoas colaborem conosco, evitando o descarte de recipientes que ajudem a concentrar água”, frisou.    
A agente de endemias, Ana Paula de Carvalho, passou algumas dicas para ajudar na preservação do Campo Santo São José. “Aconselhamos as pessoas a não trazerem vasos que represem águas para cá, essa prática contribui com o aumento dos focos de mosquito. Nesse caso é interessante a substituição por flores artificiais. Não deixa de ser uma homenagem e com certeza trará menos riscos á saúde alheia”, destacou.
Além desse trabalho realizado pela Saúde, o cemitério tem recebido ações da Secretaria Executiva de Serviços Públicos, que consistem na capinação, retiradas de materiais, podação e varrição. Tudo para garantir maior comodidade aos visitantes do local. 

Missa de sétimo dia do professor Enéas


A missa de sétimo dia do professor Enéas acontece hoje na Igreja Nossa Senhora Aparecida, próximo ao terminal de ônibus de Pau Amarelo, na cidade do Paulista. A celebração começa às 19h.

Edilson Silva aborda dificuldades de educadores municipais


O deputado Edilson Silva (PSOL) levou à tribuna as dificuldades enfrentadas por profissionais das redes municipais de educação do Recife e de Olinda para negociar reajustes e melhorias na carreira. Segundo o parlamentar, os diálogos entre educadores e Prefeitura, na Capital, não devem começar antes de junho, apesar de a data-base da categoria ser maio. Já em Olinda, Edilson ressaltou que o Executivo  municipal convocou policiais durante manifestação feita pelos educadores na última semana.

Priscila Krause pede explicações à Prefeitura do Recife sobre gastos com propaganda​

Em discurso na Reunião Plenária, a deputada Priscila Krause (DEM) criticou a Prefeitura do Recife por remanejar verbas, por meio de decretos, que ampliaram de R$ 10,9 milhões para R$ 71 milhões os gastos com propaganda institucional neste ano. A parlamentar anunciou que entrará com pedido de informações e notificará o Ministério Público de Contas para apurar a legalidade da operação.



Maria da Penha Vai à Escola premia os destaques do ano 2017

“Passei várias semanas estudando porque eu sabia que ia ser muito difícil, já que havia uma grande concorrência. Fui levando meus textos para os professores no decorrer das aulas e eles iam me dando dicas e dizendo onde deveria mudar e assim consegui conquistar o primeiro lugar”. Esse é o relato do aluno, Rodrigo Fernandes, de 13 anos, que conquistou a maior nota de redação entre os concorrentes do Maria da Penha Vai à Escola, e levou para casa, na manhã desta segunda-feira (07.05), um notebook para auxiliar os estudos.
A solenidade, que faz parte de uma parceria entre a Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres e Educação da cidade, aconteceu no bloco C da Faculdade Joaquim Nabuco, no Centro do Paulista. Durante o evento 25 prêmios foram entregues, contemplando professores, estudantes e escolas da rede local de ensino, entre eles, um notebook, tvs, celulares e bicicletas.
Foto: Jorge Macrino 

A professora da educação infantil, Andreia Bayer, explicou o que sente ao ver essa vitória dos seus alunos. “É muito satisfatório porque a gente não vê só nosso trabalho, mas também o desenvolvimento de cada aluno, de acordo com o que eles aprenderam e frutificaram com o próprio desempenho”. Ela ainda falou como foi a dinâmica em sala. “Primeiro a gente conversou o que era a Lei Maria da Penha, para eles entenderem sobre o assunto e muitos relataram situações vivenciadas em casa. Depois de toda a conversa fizemos uma paródia e dela desenvolvemos uma peça teatral”.
Segundo o secretário de Educação do Paulista, Carlos Junior, o programa é um sucesso pela forma que a temática é abordada. “É um trabalho gratificante, bastante proveitoso e nós identificamos os avanços até na fala desses alunos. Eles começam a entender melhor a Lei Maria da Penha que, infelizmente teve que ser regulamentada, para que houvesse mais respeito de alguns homens com as mulheres. Além de regulamentar, temos que trabalha-la e juntas a Secretaria de Políticas para as Mulheres e a Secretaria de Educação estão levando de maneira lúdica, para as escolas, o conhecimento dessa lei fazendo com que as crianças aprendem e repassem as informações e penalidades para a família”.
A secretária de Políticas para as Mulheres do Paulista, Bianca Pinho Alves, ressaltou a iniciativa. “É uma satisfação enorme estarmos aqui entregando a premiação da edição 2017 e no lançamento da edição 2018. É um programa que é fundamental, pois através dele, estamos envolvendo a comunidade escolar no enfrentamento à violência contra as mulheres e ao mesmo tempo criando um novo conceito de sociedade para o futuro, onde meninos e meninas, com certeza, irão ter mais respeito e prezarão pela igualdade de direitos e oportunidades entre os gêneros”.
Com a criação do prêmio, Paulista se tornou o primeiro município de Pernambuco a desenvolver uma iniciativa que busca propagar a mensagem de igualdade de gênero e não à violência contra a mulher nas unidades de ensino.

Lupércio vistoria postos de saúde e a Estrada do Passarinho

Gestor esteve na Ilha do Maruim, Peixinhos e Caixa D’Água


Com o perfil de gestor que monitora de perto as demandas da cidade, o prefeito de Olinda, Professor Lupércio, aproveitou esta segunda-feira (07.05) para vistoriar vias públicas e postos de saúde da rede municipal. O chefe do Executivo esteve nas Unidades de Saúde da Família da Ilha do Maruim e de Peixinhos Cohab 1,2 3, e na Estrada do Passarinho, em Caixa D’Água.
Ele dialogou com os profissionais de saúde sobre estoque de medicamentos, atendimento, estrutura de funcionamento e contingente de pessoal. Em um ano e quatro meses de administração, Lupércio já inaugurou duas e requalificou oito unidades médicas.
Acompanhando do vice-prefeito, Márcio Botelho, o gestor percorreu a Estrada de Aguazinha. No local, a Secretaria de Serviços Públicos está intensificando o trabalho de nivelamento da via. As equipes também desenvolvem uma ação para melhorar o escoamento das águas das chuvas e facilitar o fluxo de veículos.

Comissão de Meio Ambiente apresenta experiência de implantação de aterro sanitário em Brasília



Apesar de a Política Nacional de Resíduos Sólidos ter estabelecido o aterro sanitário como local para descarte de todo o lixo produzido pelos municípios, 62% das cidades pernambucanas ainda fazem uso de lixões. Para contribuir com o debate sobre como fazer a transição, a Comissão de Meio Ambiente da Alepe conheceu a experiência de Brasília em relação ao assunto. Por meio de palestra proferida por Heliana Kátia Campos, presidente do Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal, parlamentares puderam entender o processo de fechamento do lixão considerado o segundo maior do mundo. Desde o ano passado, todos os rejeitos são encaminhados para o Aterro Sanitário de Brasília, que tem capacidade para 8,13 milhões de toneladas de material.

Estação Digital é implementada na Agricultura de Pernambuco


A plataforma de tecnologia da informação, criada para apoiar a gestão dos programas do Governo de Pernambuco, está sendo disseminada na Secretaria de Agricultura Reforma Agrária de Pernambuco (SARA )e instituições vinculadas visando potencializar o trabalho dedicado ao desenvolvimento rural.

A plataforma começa a funcionar, neste mês de maio, oportunizando mapear e atualizar os resultados da execução das ações que visam a melhoria da vida dos trabalhadores do campo com maior rapidez. Com o objetivo de disseminar a implementação da tecnologia de utilização corporativa, o setor do Núcleo de Planejamento e Gestão da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária de Pernambuco (NUPLAG) reuniu, na última quarta-feira (02) no prédio do IPA, os gestores do órgão para apresentação do sistema.

Criado pelo Governo de Pernambuco, a Estação Digital promete subsidiar a equipe da Agricultura, no gerenciamento das principais ações realizadas, que hoje totalizam 13 programas que são executados na área rural de todas as regiões de desenvolvimento do Estado. A sistematização permanente da informação contribuirá na divulgação das ações e estreitar o diálogo entre as áreas apoiando o trabalho do Governo de Pernambuco na qualidade da vida no campo.

A disseminação do sistema aos gestores da área da Agricultura está sendo facilitada pelo gerente Técnico de Informações – GTI, Márcio Marques, da Secretaria Executiva de Articulação Institucional – SEAI, vinculada à Secretaria Especial ao Governador, e coordenada dentro da secretaria de Agricultura através do Núcleo de Planejamento e Gestão.

Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Paulista ganha novo endereço

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Paulista terá o atendimento ao público suspenso nesta quarta-feira (09) até sexta-feira (11.05). O motivo é a mudança de endereço da unidade, para melhor atender a população.



A partir da próxima segunda-feira (14.05), o atendimento será feito no prédio localizado na Rua Senador Epitácio Pessoa, número 257, no Centro da Cidade, onde funcionava a Justiça do Trabalho.

Na unidade, os contribuintes poderão solicitar os serviços de cartografia; regularização fundiária; avaliação do uso do solo e habitação. O atendimento ao público acontece de segunda a sexta, sempre das 7h30 às 16h.

Já os serviços de emissão de alvarás e de licenças de funcionamento; análise de projetos arquitetônicos e fiscalização de obras particulares e posturas, continuam sendo oferecidos no mesmo endereço na Diretoria de Controle Urbano, que fica na Avenida Marechal Floriano Peixoto, S/N, no Centro, ao lado da Secretaria de Finanças.