Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Proaes abre inscrições para projeto de extensão UFPE no Meu Quintal

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) está com inscrições abertas até o dia 20 para a edição 2018.1 do projeto extensionista UFPE no Meu Quintal, promovido pela Pró-Reitoria para Assuntos Estudantis (Proaes). Os estudantes de graduação dos três campi podem propor atividades em seis eixos de atuação: meio ambiente; tecnologias sociais e desenvolvimento humano; saúde; educação; cultura; e justiça e cidadania. Confira o edital. Esta edição será na cidade de Tuparetama, no Sertão do Pajeú, a 376 km do Recife, de 22 a 29 de julho, nas férias acadêmicas.



O projeto apresenta a oportunidade aos discentes de agregarem novas vivências em educação experiencial, levando às populações carentes do interior do estado contribuições nas mais diversas áreas de formação, com o objetivo de estimulá-los a desenvolverem suas competências e habilidades, em atividades relacionadas à orientação de práticas acadêmicas.
A Operação Tuparetama do Programa UFPE No Meu Quintal selecionará 80 graduandos para a aplicação das intervenções, podendo haver propostas individuais ou em duplas. As propostas individuais que se assemelhem quanto ao eixo temático e a linha de atuação poderão ser aglutinadas e os proponentes trabalharão juntos, para ampliação da abrangência das ofertas das vivências propostas. Os estudantes selecionados exercerão as atividades de forma voluntária.
Podem participar estudantes matriculados no período da realização da operação, e que estejam inseridos no período regular do curso; dispuserem de 40 horas semanais para dedicação às atividades pertinentes ao projeto (durante uma semana); e apresentarem frequência mínima de 75% nas atividades escolares. É vedada a participação de estudantes que foram selecionados em edições anteriores do projeto. Os selecionados receberão um certificado de 120 horas.
Além disso, é preciso que os alunos atendam aos seguintes critérios de desempenho: matrícula semestral em número de disciplinas que permita o término do curso de graduação dentro do período previsto; aprovação em, pelo menos, 50% das disciplinas cursadas nos dois semestres anteriores; e ausência de reprovação por falta em cada um dos dois semestres anteriores, salvo nos casos de força maior, devidamente justificados e aprovados pela Proaes.
É responsabilidade da UFPE fornecer o transporte dos alunos nos deslocamentos necessários à realização de todo o ciclo da operação, com saída e retorno em frente ao prédio da Reitoria. A Prefeitura de Tuparetama arcará com a hospedagem em alojamentos e três refeições diárias para os alunos. Os traslados entre as escolas e alojamento da sede da cidade aos distritos envolvidos serão de responsabilidade da prefeitura, além de eventuais atendimentos médicos de emergência.

XVIII JEPEX aborda ciência e tecnologia como estratégias para o fortalecimento da educação


A Comissão Organizadora da XVIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão (JEPEX) da UFRPE divulgou as primeiras informações referentes à Jornada em 2018. Com o tema “Ciência e Tecnologia para o Fortalecimento da Educação”, a XVIII JEPEX será realizada em 16 a 18 de outubro no Recife e no Cabo de Santo Agostinho (UACSA), de 30/10 a 1 de novembro em Serra Talhada (UAST), de 6 a 8/11 em Garanhuns (UAG) e de 21 a 23 no Colégio Dom Agostinho Ikas (Codai) e no dia 20 de outubro para a Unidade Acadêmica de Educação a Distância e Tecnologia (UEADTec).
Neste ano a Jornada contará com algumas novidades. Segundo comunicado da Comissão Organizadora, uma grande novidade é que a partir de 2018 a JEPEX passa a ser considerada um evento oficial previsto no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da UFRPE, classificado como evento Regional.
Outra boa notícia é que a apresentação de trabalhos poderá ser feita por meio de vídeo, medida que tem o objetivo de atender o público com dificuldade de deslocamento até o local do evento. Além disso, a possibilidade de apresentação por meio de vídeo busca fortalecer a participação da sociedade, promover, integrar, divulgar e preservar a memória científica da UFRPE. Os detalhes dessa modalidade de apresentação serão divulgados pela Comissão em breve.
Os interessados em submeter trabalhos na XVIII JEPEX terão que realizar o encaminhamento dos resumos no período de 1º de junho a 31 de julho. No mês de agosto os trabalhos serão avaliados e, ao fim do processo, serão divulgados os resultados com os aprovados. O encaminhamento dos e-pôsteres e dos trabalhos em formato vídeo deve ser realizado em setembro.
A Comissão Organizadora pede que os estudantes, professores e técnicos-administrativos envolvidos com a realização da JEPEX busquem se planejar para a participação no evento, evitando possíveis dificuldades.
Também foi destacada a possibilidade de vinculação de novos eventos à XVIII JEPEX, como semanas acadêmicas, seminários, congressos, entre outros. Estes teriam a possibilidade de aproveitar parte da estrutura da JEPEX na emissão de certificados de participação, palestras, minicursos, entre outras atividades.
A Comissão ressalta a importância da participação de todos os setores acadêmicos e programas envolvidos para o sucesso da XVIII JEPEX.
Informações: jepex@ufrpe.br

Servidores ganham medalhas comemorativas pelos 70 anos da UFPE

Como última atividade relativa ao seu aniversário de 70 anos, a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) realizou, ontem (10) à tarde, a solenidade de entrega de medalhas comemorativas a servidores docentes e técnico-administrativos que fazem parte da história da Universidade. O evento lotou o Auditório Newton Maia, no Centro de Tecnologia e Geociências (CTG), no Campus Recife.

Grupo de docentes e técnicos administrativos recebe medalhas 

O coro Opus 2, dirigido pelo professor Flávio Medeiros, do Departamento de Música, abriu a comemoração. O grupo interpretou desde o samba “Lata d’água”, composição de Joaquim Antônio Candeias Júnior, até canções africanas e do gênero musical “spiritual”, nascido nos Estados Unidos pelas vozes de escravos negros. O coro foi aplaudido de pé depois de “City called heaven”, que teve a cantora Surama Ramos como solista.

Em seguida, o reitor Anísio Brasileiro deu início à solenidade, afirmando que as escolhas feitas pelos servidores homenageados marcam seu compromisso de servir à universidade pública, ao país e ao povo. “Feita pelas pessoas e para as pessoas, a Universidade atravessa o tempo respondendo aos desafios colocados pela sociedade”, afirmou ele, destacando a importância de a comunidade acadêmica ser inovadora para manter a relevância da instituição.

Campanha alerta para correta ocupação das vagas de estacionamento no Campus Recife da UFPE

Uma iniciativa da Diretoria de Fiscalização e Controle Urbano (DFCU) da Superintendência de Segurança Institucional da UFPE (SSI)  está sensibilizando os condutores de veículos que estacionam no Campus Recife para o cumprimento das normas previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) . O propósito é notificar, durante o período de um mês, com panfletos confeccionados especialmente para esse fim, os motoristas que cometem infrações como estacionar em local indevido, informando o motivo da inadequação da conduta.


Dia Internacional da Luz é celebrado em programação especial de 14 a 16 de maio

Após o sucesso do Ano Internacional da Luz em 2005, apoiado pela UNESCO, o Dia Internacional da Luz (DIL) foi criado para “honrar o papel vital da luz que salva vidas em todo o mundo” e é também uma atividade apoiada pela UNESCO (https://www.lightday.org).  Haverá uma celebração global nesta data e, em muitos lugares, se estenderá durante toda a semana.  O objetivo principal é conscientizar a sociedade sobre os benefícios da luz, desde as implicações científicas até as tecnológicas e societárias.  O dia 16 de maio foi escolhido pois foi o dia em que o primeiro LASER foi colocado em operação em 1960, por Theodore Maiman nos Estados Unidos.


O Departamento de Física da UFRPE tem um grupo de pesquisa em óptica e fotônica atuando há vários anos, com professores pesquisadores e alunos de Licenciatura Plena em Física e do Mestrado em Física Aplicada.  Além de pesquisa em óptica e fotônica, os membros realizam atividades educacionais de extensão através de grupos de trabalho vinculados a sociedades profissionais internacionais como a International Society for Optics and Photonics (SPIE) e a Optical Society (OSA). 
Em 2017 o “SPIE RECIFE STUDENT CHAPTER” foi estabelecido, com estudantes da UFRPE, UFPE e UPE, sob a presidência de Lidiane Maria de Souza, aluna de Licenciatura Plena em Física da UFRPE, e a co-coordenação do Prof. Dr. Michael Lee Sundheimer, DF-UFRPE, e do Prof. Dr. Anderson S. L. Gomes, DF-UFPE.
Entre os dias 14 e 16 de maio de 2018, em comemoração ao DIL, o grupo de estudantes que formam o “SPIE RECIFE STUDENT CHAPTER” e professores da UFRPE, UFPE e UPE estarão promovendo atividades relacionadas ao DIL, conforme programação abaixo.  Destacamos na programação a presença de pesquisadores do Canadá e Suécia, que irão proferir palestras sobre aplicações da luz nos Departamentos de Física da UFRPE e da UFPE, e participarão de atividades educacionais no Colégio Militar do Recife.
As atividades também têm o apoio da Sociedade Brasileira de Física (SBF) e do Instituto Nacional de Fotônica (INFO-INCT).

PROFESSORES: ASSEMBLEIA DO SETOR PRIVADO



Mediante a solicitação de mudança da data referente a próxima reunião entre o Sinpro Pernambuco e demais membros da comissão de negociação junto ao Sinepe, a assembleia que estava marcada para o dia 11 de maio, teve que ser transferida para o dia 16, quarta-feira, uma vez que, o próximo encontro dos(as) trabalhadores(as) e patrões acontecerá somente na proxima segunda-feira(14).
Assembleia do Setor Privado
Data: 16/05
Horário: 9 horas
Local: Sede do Sinpro (Recife) e nas subsedes de Petrolina, Caruaru, Limoeiro e Garanhuns.

HOMENAGEM DO SINPRO À TODAS AS FAMÍLIAS!!!


Sou mãe, sou professora, sou de luta!

13 de maio. Dia das Mães!

Chapa 1 vence eleição com 74,4% dos votos


Com o brado "Quem trabalha vence" a Chapa 1 comemorou a vitória na Eleição para a direção do Sindicato dos Bancários para o triênio 2018-2021. Foram 4.227 votos válidos, dos quais, 3.146 (74,4%) para o grupo vitorioso e 1.081 (25,5%) para a Chapa 2. Com a participação de todas as partes envolvidas, a apuração realizada nesta sexta-feira (11) no Círculo Militar do Recife, até as 18h, transcorreu em clima de grande disputa, mas sob os princípios da ordem democrática.

A votação que teve início na última quarta-feira (9) e encerrou-se nesta quinta-feira (10) contou com 48 urnas, entre itinerantes e fixas, que coletaram votos na Região Metropolitana do Recife e no Interior do Estado. 

“Estamos muito felizes e gratos às bancárias e bancários que votaram massivamente na chapa da verdade, do trabalho e do respeito. Venceu a democracia e a unidade. A votação expressiva só aumenta nossa responsabilidade com os compromissos assumidos em defesa dos bancos públicos, do emprego, em favor das aposentadas e aposentados e contra a agenda reformista ultraliberal. Sigamos, unidas, unidos e ainda mais fortes”, comemora a presidenta reeleita, Suzineida Rodrigues.

Para o presidente da Comissão Eleitoral, Fernando Antônio, o processo eleitoral transcorreu com regularidade. “Encerramos o processo eleitoral hoje com a convicção de ter cumprimo nossa missão de garantir uma eleição legal, transparente e democrática, assim como determina os marcos legais”, assegura.

O bancário aposentado Djailton Pires, do Banco do Brasil, ratifica a posição do representante da comissão. “O processo foi positivo e participamos escolhendo quem defenderá os nossos interesses. Tenho confiança que a eleição foi legal e transparente, dentro da legalidade e da democracia”, reforça.

Já a presidenta da Confederação dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), Juvandia Moreira, destaca a representatividade do pleito. "O processo eleitoral transparente realizado em Pernambuco, neste momento duro que atravessa o nosso País, é um grande exemplo de democracia no Brasil.Temos uma luta muito dura pela frente. Mas tenho certeza que esta direção é combativa e trará muito orgulho para a categoria”, elogia.

Mães, Lei Áurea e saúde