Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

1ª Etapa do Campeonato de Orientação de Pernambuco (CAMPORI)

Neste fim de semana (26 e 27 de maio) haverá a 1ª Etapa do Campeonato de Orientação de Pernambuco (CAMPORI) em Igarassu. 






Plenário aprova afixação de cartazes em ônibus intermunicipais para prevenir assédio sexual


O Plenário acatou por unanimidade o substitutivo ao Projeto de Lei nº 1852/2018, do deputado Adalto Santos (PSB), que obriga a colocação de cartazes em ônibus intermunicipais para prevenir o assédio sexual. Durante a discussão da matéria, o deputado Edilson Silva (PSOL) apoiou a iniciativa, mas lamentou que a Assembleia tenha vetado a inclusão de debates sobre violência contra a mulher nas escolas em 2015, quando foi apreciado o Plano Estadual de Educação. O deputado Pastor Cleiton Collins (PP) rebateu o psolista. 

Projeto melhora hábito alimentar de alunos de escolas públicas

Programa estimula alunos a experimentarem alimentos que até então recusavam e ajuda a ampliar seus gostos e acessos a nutrientes variados


Experiências bem-sucedidas em 15 escolas públicas de São Paulo serão apresentadas durante o 39º Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo - Socesp, que reunirá mais de sete mil cardiologistas na capital paulista durante o feriado de Corpus Christi.

Do desejo de conscientizar professores e alunos sobre as doenças cardiovasculares, uma das principais causas de mortalidade no Brasil, nasceu em 2018, o "Projeto Coração Saudável", parceria entre a Socesp e a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo.

Hoje, cinco meses após o início da parceria, já é possível perceber os primeiros frutos. Exemplo disso são os projetos "Alimentação Saudável: Como aumentar o consumo da alimentação escolar", da Escola Estadual Fortunato Pandolfi Arnoni, em Mauá; "Coração Saudável", da Escola Estadual Reverendo Atael Fernando Costa, em Diadema; e "O sabor da Vida", da Escola Estadual Itajahy Feitosa Martins, em Itapevi.

Três projetos importantíssimos e que estão mudando a rotina dos alunos do 1º ao 5º ano, que não se interessavam pela alimentação servida na escola e que recorriam a lanches pouco saudáveis, como doces, biscoitos recheados, chocolates e salgadinhos.

O índice de obesidade e sobrepeso entre os alunos vinha crescendo a cada ano e, paralelamente, o aumento do consumo de alimentos processados e ultraprocessados também. Para mudar esse quadro, a Socesp, empenhada em reduzir a mortalidade por doenças cardiovasculares, firmou parceria a fim de promover a educação alimentar dos alunos, por meio do maior conhecimento sobre os alimentos que consumiam.
As escolas puderam escolher a melhor metodologia para desenvolver o projeto, sendo que tinham como único objetivo desenvolver situações de ensino que estimulassem a reflexão sobre a importância da qualidade da vida e prevenção das diversas doenças provenientes da má alimentação e sedentarismo.

De acordo com o presidente da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, Dr. José Francisco Kerr Saraiva, o programa "Alimentação Saudável", é coordenado através da parceria entre a Socesp e Secretaria do Estado da Educação de São Paulo e visa ampliar as ações de prevenção na rede estadual de ensino e conscientizar os alunos sobre os fatores de riscos cardiovasculares que estão diretamente ligados à alimentação.
"A Socesp atua fortemente, capacitando e orientando professores, preparadores de merenda e dirigentes escolares, no intuito de desenvolver ações conjuntas de cooperação e intercâmbio de informações, concentradas na promoção da conscientização dos alunos da rede estadual de ensino, visando à prevenção de doenças cardiovasculares", salienta Saraiva.

O projeto está sendo executado em 11 escolas na Região Metropolitana e tem sua expansão prevista, em 2018, para mais 16 estabelecimentos no Interior e Litoral de São Paulo.
SERVIÇO 39º Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado Transamérica Expo Center -- Av. Dr. Mário Av. Dr. Mário, 387 – Santo Amaro
De 31 de maio a 2 de junho
Horário: 31/05 – das 8h30 às 19h
01/06 – das 9h às 19h
02/06 – das 9h às 14h30

CPI: Fernando Bezerra destaca que “parcelado sem juros engana consumidor” e taxas de grandes redes varejistas são “extorsivas”


Relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Cartões de Crédito, o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) chamou a atenção, nesta quarta-feira (23), para a cultura do chamado “parcelado sem juros” no Brasil. Durante audiência pública na CPI, o parlamentar também destacou o que ele considera “juros extorsivos” praticados por grandes redes varejistas em financiamentos com taxas que chegam a 800% ao ano.
“O ‘parcelado sem juros’ é uma verdadeira ‘jabuticaba’ brasileira, que não existe em nenhum outro lugar do mundo”, ressaltou Fernando Bezerra. Na avaliação do senador, é necessário fazer a real distinção do que é venda à vista e do que é a prazo, garantindo-se desconto verdadeiro a quem optar pela aquisição à vista e cobrando-se juros adequados àqueles que desejarem comprar em prestações. “Estes parcelamentos ditos ‘sem acréscimo’ são uma forma de enganar o consumidor porque, como sabemos, ali está embutida uma parcela de juros bastante elevada”, acrescentou Bezerra Coelho.
Participaram do debate de hoje, no Senado, o conselheiro do Instituto do Desenvolvimento do Varejo (IDV), Jorge Gonçalves Filho; e a analista de Relações Institucionais e Governamentais da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do SPC Brasil, Bianca Paula Robles. Durante a audiência – conduzida pelo senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO) – Fernando Bezerra evidenciou dados do Banco Central (Bacen) que revelam os maiores juros praticados por instituições operadoras de cartão de crédito.
REDE VAREJISTA – Segundo relatórios do Bacen, grandes redes varejistas cobram taxas que vão de 500% a 800% ao ano, superando os índices médios na rede bancária (entre 350% e 400% ao ano). “São juros abusivos”, observou Fernando Bezerra. “É necessário que estas práticas sejam revistas”, completou o relator.
Para Jorge Gonçalves Filho, do IDV, o varejo precisa ter custos menores tanto para o lojista como para o consumidor. Ele defendeu a revisão do reembolso aos varejistas nas vendas com cartão de crédito na modalidade “rotativo” e um limite de pagamento (pelos lojistas) de R$ 0,20 por transação eletrônica nas comercializações com cartão de débito.
“O Brasil precisa se adequar ao mundo”, afirmou Gonçalves Filho. O conselheiro do IDV ainda ressaltou: “um menor custo do crédito para o varejista representa, consequentemente, um menor custo para o consumidor, além de uma maior oferta de empregos no comércio”.
A analista Bianca Robles também enfatizou a necessidade de diminuição dos juros do crédito no país. “Custos são sempre repassados pelos lojistas aos consumidores”, disse.
Ao demonstrar os efeitos das altas taxas dos cartões rotativos – que praticamente dobram uma dívida de R$ 1.000 parcelada em 12 vezes – Robles emendou: “O dinheiro dos juros que o consumidor paga poderia ser gasto por ele no comércio, o que resultaria no aquecimento da economia local”.
Esta foi a terceira audiência pública realizada pela CPI dos Cartões de Crédito. O quarto debate ocorrerá no próximo dia 30, no Senado, com a participação de representantes dos principais bancos públicos e privados que atuam no país.

Transporte complementar do Paulista segue em processo de recadastramento


Dando sequência ao recadastramento anual da frota que compõe o transporte complementar do Paulista, a Prefeitura convoca todos os profissionais que atuam nas linhas 3, 4, 5, 6, 7 para realizar no período de 21.05.2018 à 01.06.2018 o procedimento que garante o direito à circular no município.
Para efetuar o recadastramento, os permissionários deverão se apresentar à sede da Secretaria de Mobilidade e Administração das Regionais, que fica localizada na Rua Campo Grande, s/n, Aurora, por trás do estádio Ademir Cunha. O atendimento ao público é feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h.
Na oportunidade, além da atualização cadastral, uma vistoria veicular será realizada para checar todos os itens de segurança do automóvel. Após o término do prazo, a Prefeitura intensificará a fiscalização para coibir a circulação dos veículos e condutores não regulamentados.
Confira abaixo os documentos necessários e o cronograma completo para a realização do procedimento:
Documentos:
Permissionários
- Cartão Alvará
- Xerox da habilitação (categoria D)
- Xerox comprovante de residência (Água, Luz Telefone ou boleto bancário)
- 01 foto 3x4 recente
- Certidões de antecedentes criminais (Estadual e Federal)
- Certificado de Vistoria GNV (Caso utilize o combustível)
- CRLV
- Curso de transporte de passageiros
 Motorista auxiliar
- Xerox Habilitação (categoria D)
- Xerox comprovante de residência (Água, Luz Telefone ou envio Bancário)
- 01 foto 3x4 recente
Cronograma do recadastramento por linhas:
Linha 1 – 02.05.2018 à 11.05.2018
Linha 2 – 14.05.2018 à 18.05.2018
Linhas 3, 4, 5, 6, 7 – 21.05.2018 à 01.06.2018
Linha 8 – 04.06.2018 à 08.06.2018
Linha 9 – 11.06.2018 à 15.06.2018
Linha 10 – 18.06.2018 à 22.06.2018
Linhas 11, 13, 14 – 25.06.2018 à 06.07.2018

Falta de abastecimento pela greve dos caminhoneiros afeta serviços essenciais em Paulista


Por conta da falta de abastecimento provocada pela greve dos caminhoneiros, a Prefeitura do Paulista teve diversos serviços considerados essenciais afetados. Sem conseguir abastecer a frota desde a última terça-feira, o trabalho de várias secretarias vem sendo seriamente prejudicado. Destaque para os serviços desempenhados pelas pastas de Educação; Políticas Sociais e Esportes; Executiva de Serviços Públicos; Mobilidade e Administração das Regionais; Desenvolvimento Urbano e Habitação; e Saúde.

Confira a situação:

Educação:
As escolas da rede municipal estão funcionando de acordo com as possibilidades individuais. Algumas unidades abriram com o efetivo normal, outras com déficit de estudantes e professores. As equipes gestoras podem adotar medidas de flexibilização e manter o funcionamento dentro do possível. Apesar disso, é necessário fazer os devidos registros, justificativas e permanente comunicação com Secretaria de Educação.
Os transportes escolares estão garantidos para todos os estudantes até hoje. As cantinas estão abastecidas o que não deve prometer a merenda dos alunos.

Políticas Sociais e Esportes:
A falta de combustível afeta os serviços desempenhados pelos centros de Referência da Assistência Social (CRAS) e de Referência Especializado da Assistência Social (CREAS), além dos Conselhos Tutelares. Não está sendo possível fazer visitas domiciliares do CadÚnico, nem tão pouco elaborar relatórios psicossociais exigidos pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE). Os veículos que servem as Casas de Acolhimento estão com o combustível na reserva, só podendo ser usado em caso de urgência, como no socorro de um usuário até uma unidade hospitalar. A secretaria possui 13 viaturas. Deste total, 90% estão sem poder rodar.

Secretaria Executiva de Serviços Públicos:
Algumas localidades já não contam com a coleta de lixo regular desde ontem. Sem poder abastecer a frota, o órgão terá de suspender o recolhimento dos resíduos domiciliares a partir do meio dia de hoje. Ao todo, 14 caminhões compactadores e outros seis do tipo caçamba devem deixar de realizar o serviço. A situação compromete também o trabalho de limpeza de canais e re