Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Reunião faz balanço da crise no abastecimento de combustíveis em Riacho das Almas



Prefeito Mário Mota se reuniu com secretariado para avaliar impactos da crise no município
 O Prefeito de Riacho das Almas, Mário Mota, realizou na sexta-feira (1º) uma reunião de avaliação da gestão municipal no decorrer da crise no abastecimento de combustíveis que afetou todo o Brasil desde a semana passada em decorrência da paralisação dos caminhoneiros. Riacho das Almas precisou decretar Estado de Emergência na última sexta-feira (25) por causa da situação. No entanto, todos os serviços essenciais de saúde e coleta de lixo foram mantidos sem maiores problemas: “avaliamos que apesar das dificuldades, os serviços de maior necessidade da população não foram prejudicados”, afirmou o prefeito Mário Mota.
Saúde
A Unidade Mista João Soares da Fonseca funcionou normalmente. Todos os atendimentos de urgência, emergência e cirurgias foram realizados na unidade. Os atendimentos no Centro de Especialidades Odontológicas e Centro de Reabilitação também foram mantidos. O transporte de pacientes de oncologia, hemodiálise e SAMU funcionaram. Apenas os atendimentos das Unidades Básicas de Saúde da Zona Rural foram suspensos durante a paralisação.
 Assistência Social
Todos os serviços da Secretaria de Assistência Social funcionaram. Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Bolsa Família, emissão de documentos, Cras e Creas tiveram atividades normais. Apenas os serviços de visitas domiciliares não puderam ser realizados por causa da falta de combustíveis nos veículos da frota da Secretaria.
 Administração Pública
Todos os serviços administrativos da Prefeitura de Riacho das Almas funcionaram normalmente. A coleta de lixo na cidade também foi realizada sem percalços, uma vez que o município conseguiu estocar óleo diesel para fazer o recolhimento do lixo todos os dias.
 Educação
As aulas foram suspensas em toda a Rede Municipal de Ensino, e apesar de a situação de abastecimento já estar aos poucos sendo normalizada, a Prefeitura de Riacho das Almas preferiu retomar o calendário letivo na próxima segunda-feira (4) por causa do feriado de Corpus Christi.

Maratona Samsung segue com inscrições abertas



A Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro (Softex), em parceria com as Nações Unidas para a Infância (Unicef) e a Samsung, abriu inscrições para a Maratona Samsung. A Maratona, que será dividida em três etapas, realizará ações até o dia 05 de outubro. As equipes interessadas em participar da ação podem se inscrever no portal Brasil Mais TI (http://maratona.brasilmaisti.com.br/) até o dia 16 de junho.

As equipes devem ser formadas por um estudante de ensino médio de escola pública, um professor atuante de escola pública e mais três estudantes que estejam cursando ensino médio, técnico ou graduação, podendo ser de escolas públicas, escolas técnicas, Universidades Públicas ou Privadas, ou de Institutos Federais.

A maratona tem como objetivo reunir programadores, designers, desenvolvedores, estudantes, professores e interventores em geral para promover o desenvolvimento de projetos para dispositivos móveis, que tenham como foco utilizar aplicativos durante as aulas do ensino fundamental, nas disciplinas de linguagens, matemática, ciências da natureza e ciências humanas e assim contribuir para a melhoria da qualidade educacional.

Hábito de fumar cai em 36% entre os brasileiros


Desde 2006, o número de fumantes diminuiu de 15,7% para 10,1% em 2017. A redução no hábito de fumar é resultado de uma série de ações desenvolvidas pelo Governo Federal
Dados inéditos do Ministério da Saúde apontam que a frequência do consumo do tabaco entre os fumantes nas capitais brasileiras reduziu em 36%, no período de 2006 a 2017. Nos últimos anos, a prevalência de fumantes caiu de 15,7%, em 2006, para 10,1% em 2017. Os novos números foram divulgados nesta quarta-feira (30) após a cerimônia em alusão ao Dia Mundial sem Tabaco, na sede do Instituto Nacional de Câncer (INCA), no Rio de Janeiro.
Em 2016, o número total de adultos que fumam era de 10,2%. Quando separado por gênero, a frequência de fumantes, em 2017, é maior no sexo masculino (13,2%) do que no feminino (7,5%). Se analisado por faixa etária, a frequência de fumantes é menor entre os adultos com 65 anos e mais (7,3%). Já as faixas etárias de 18 a 24 anos (8,5%) e 35 a 44 anos (11,7%) apresentaram um pequeno aumento em relação ao ano anterior, quando foram registrados 7,4% e 10%, respectivamente.
A frequência do hábito de fumar foi maior entre os adultos com menor escolaridade (13,2%), e cai para 7,4% entre aqueles com 12 anos e mais de estudo. O inquérito também mostrou que entre as capitais do país com maior prevalência de fumantes estão Curitiba (15,6%), São Paulo (14,2%) e Porto Alegre (12,5%). Salvador foi a capital com menor prevalência de fumantes (4,1%).
As informações são da pesquisa Vigitel 2017 (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico). A pesquisa foi feita por telefone nas 26 capitais e Distrito Federal e contou com 53.034 entrevistas. 

José Luiz Mota Menezes aponta "Um norte para o Recife" no Seminário de Tropicologia


O caos urbano recifense será um dos temas abordados pelo professor emérito da Universidade Federal de Pernambuco, historiador, arquiteto e urbanista, José Luiz Mota Menezes no 409º Seminário de Tropicologia realizado na Fundação Joaquim Nabuco.

Abordando problema e possíveis soluções para a capital pernambucana, um dos maiores nomes da arquitetura de Pernambuco apontará "Um norte para o Recife", no dia 05 de junho, a partir das 10h. "O encontro é focado na formação do Recife e as razões do atual caos urbano e a paisagem descaracterizada da cidade, inclusive o antigo bairro de São José. Para o qual apresentarei proposta, que antes mostrei ao prefeito e acredito venha a se concretizar", apontou o professor, dedicado à restauração do patrimônio histórico há mais de 50 anos.
Ele explica que o seminário focará em dois eixos: o tempo e o contratempo. "O tempo é a cidade, o que aconteceu com o Recife ao longo das décadas, já o contratempo aborda a legislação que determina a paisagem urbana", explica, destacando que abordará algumas intervenções urbanas negativas realizadas no Recife e que transformaram a cidade ainda mais em um local "feito para o automóvel".

José Luiz Mota Menezes é figura habitual do Seminário de Tropicologia, frequentador desde a criação do evento por Gilberto Freyre, a quem chama de doutor Gilberto. "Algumas vezes participei como debatedor e seminarista. Hoje retomamos o espírito que deu origem ao seminário com assuntos de interesse regional e vinculado aos trópicos", destacou.

O evento é gratuito e aberto ao público. Teremos transmissão ao vivo a partir das 9h30 do dia 05 de junho.

SERVIÇO
409º Seminário de Tropicologia - Um norte para o Recife, com José Luiz Mota Menezes
Data: 05 de junho
Hora: 10h
Local: Sala Gilberto Freyre, Fundaj Casa Forte