Curta o Paulista Atualizado no facebook e receba todas as nossas atualizações!

Compartilhar

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

Meio Ambiente do Paulista realiza soltura de guaiamuns no período de defeso


Uma equipe do Núcleo de Sustentabilidade Urbana da Sec. Executiva de Meio Ambiente (SEMMA) do Paulista realizou a soltura de 20 guaiamuns que seriam comercializados em pleno período de defeso, época de reprodução em que é proibida a captura e a comercialização da espécie.
Fruto do monitoramento constante realizado pela SEMMA nas áreas de mangue do município, a ação aconteceu na PE-22, nas proximidades do Engenho Maranguape. O assessor do Núcleo de Sustentabilidade Urbana do Paulista, Herbert Andrade, falou um pouco sobre a operação.
“Após a intermediação, realizamos a soltura dos guaiamuns em uma área de proteção ambiental. As armadilhas foram apreendias e liberamos a pessoa que foi encontrada com a posse dos animais perante uma notificação para a prestação de esclarecimentos”, afirmou Herbert, destacando que a prática caracteriza crime ambiental, de acordo com a Lei Federal nº 9.605/98.
O servidor ainda fez questão de frisar a punição para quem for flagrado desrespeitando a legislação. "Quem for pego capturando, comercializando ou consumindo o animal durante a andada será encaminhado para a Delegacia de Crimes Ambientais e sofrerá as penalidades, que podem ser pagamento de multas e até prisão", ressaltou. 
A população pode denunciar qualquer irregularidade contra os caranguejos e guaiamuns, através do fone 3433-1311, que corresponde ao contato da SEMMA. Ou através do e-mail, nsusemapaulista@gmail.com.
ENTENDA:
O defeso é a paralisação temporária da captura dos guaiamuns para a preservação da espécie. Iniciado no dia 03 de janeiro, o período se estende por 60 dias. Essa época corresponde ao tempo de reprodução ou de recrutamento (período em que os guaiamuns atingem a maturidade reprodutiva).

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.